asdasdasdasd

Acidente envolvendo policial militar deixa duas pessoas mortas entre Bodocó e Exu

por Neya Gonçalves 24 de Fevereiro de 2017 às 15:13
categoria: Sertão do Araripe

Um grave acidente na noite desta quinta-feira (23), na PE-545, Rodovia Asa Branca, entre as cidades de Exu e Bodocó, deixou duas pessoas mortas. O fato envolveu uma motocicleta Yamaha/YBR e um veículo GM/S-10, conduzido por um policial militar, de 52 anos, que não teve o nome informado.

Na moto estavam, o agricultor Raimundo Vieira de Souza, de 32 anos, que era o condutor, e um homem conhecido por Zé Galego, de aproximadamente 45 anos. Segundo informações da Guarnição Tática, que foi acionada no local, o policial seguia no seu carro no sentido Bodocó/Exu quando bateu de frente com a motocicleta, que seguia no sentido contrário.

Ainda de acordo com as informações, a moto, possivelmente avançou a contramão. Raimundo e Zé Galego morreram na hora com a força do impacto. A Polícia Civil também foi ao local e assumiu a ocorrência. Com informações Bruno Morais

 


Reunião de Secretários Municipais de agricultura debate ações de fortalecimento da agricultura no Araripe

por Adriana Rodrigues 23 de Fevereiro de 2017 às 16:01
categoria: Sertão do Araripe

Os secretários de agricultura do Araripe, se reuniram na sede do CISAPE – Consórcio Intermunicipal do Sertão do Araripe nesta semana, representantes das dez cidades compareceram após uma convocação feita ao Presidente do Conselho Estadual dos Secretários de Agricultura do Estado de Pernambuco Izael Monteiro. Durante o encontro foram debatidas as sensibilidades, as perdas e os resultados agressivos da longa estiagem, “a nossa reunião de hoje serviu para fazermos uma boa avaliação dos últimos dois anos, de tudo o que aconteceu aqui na região, também pudemos conversar sobre a reestruturação do conselho, vimos que há uma preocupação de acada secretário com sua região”, disse o presidente.

Os secretários decidiram no encontro que a agricultura familiar precisa de uma organização de urgência, para isso, serão necessárias novas ações e projetos para fortalecer o setor, “precisamos ter acesso aos mercados, como PNAE, PAA e mercado externo com uma simplificação da lei que nos dá acesso a essa área, esse é um ano que a gente está se organizando, conversando com o Secretário de Reforma Agrária Nilson Mota e vamos fazer os encaminhamentos, algumas novidades já devem chegar no final de março”, anunciou o conselheiro.

Izael Monteiro afirmou que a reunião deu bons frutos, que os secretários trouxeram ideias proveitosas e de acordo com suas demandas, “isso vai ajudar a fazermos cobranças aos governos estadual e federal. Existem crises, hídrica, financeira, política, isso pode atrapalhar um pouco, mas acreditamos que este ano de 2017 devem vir coisas melhores”, revelou.

As ideias debatidas na reunião serão encaminhadas para uma assembleia geral que aocntece no final de março.  (Com informações Cidinha Medrado)


Homem é assassinado a tiros em Ouricuri

por Adriana Rodrigues 22 de Fevereiro de 2017 às 14:56
categoria: Sertão do Araripe

Na manhã desta quarta-feira (22), por volta das 10h, foi registrado um assassinato na Rua da Lavanderia, Bairro Nossa Senhora de Fátima, em Ouricuri. Cícero Eduardo Lima, conhecido por Belô, foi morto com cerca de quatro tiros.

Segundo testemunhas, a vítima estava estacionando sua moto ao lado de um colégio, quando foi surpreendido por dois elementos não identificados, também em uma motocicleta, que atiraram contra a vítima. O crime foi presenciado pelos moradores da localidade e algumas crianças da escola.

Ninguém soube informar o motivo do crime. No próximo dia 25 deste mês, faria um ano que o irmão de Cícero foi assassinado, no residencial São Sebastião (Minha Casa Minha Vida). (Com informações Bruno Morais)


Presidente da Câmara de Vereadores de Ouricuri fala sobre concurso e solicitações do STR de debater Reforma da Previdência

por Cidinha Medrado 22 de Fevereiro de 2017 às 12:17
categoria: Sertão do Araripe

A reunião ordinária da câmara de vereadores de Ouricuri desta terça, 21, foi bastante resumida:

apenas indicações com vários temas foram solicitadas ao governo municipal. Uma delas chamou a atenção do público, a vereadora presidente da casa, Adelúcia Clea sugere ao governo que contrate uma van para transportar os pacientes da casa do apoio na capital até os hospitais.

“Sempre que vou a Recife, passo na casa de apoio para ver como está o acolhimento, já havia colocado essa indicação na gestão passada e sobre isso eu também já conversei com o prefeito, as pessoas mão estão lá a passeio e sim porque questão de saúde, muita gente da área rural eque sofre com esses cinco anos de seca”, disse a vereadora

Antes de finalizar a reunião a presidente comentou sobre sua visita à capital Recife, ela comemorou as respostas positivas do governo para construção de uma escola estadual na região do distrito Barra do São Pedro e que o governo entendeu a necessidade que foi citada no Todos Por Pernambuco como prioridade.

A nossa reportagem questionou a vereadora a respeito das solicitações do Sindicato dos Trabalhadores Rurais para debater a reforma da previdência, ela disse que já conversou com representantes e que a casa estará a disposição para conversar sobre o assunto.

“Eu fui procurada por Ferrinho e a pretendemos agendar uma reunião, eu cheguei nessa viagem a indagar o deputado Tadeu Alencar que me garantiu que esse projeto vai passar por muitas mudanças, porque da forma que está o único prejudicado é o trabalhador, ele me disse que está disposto a defender o direito dos trabalhadores, é o que vejo o único prejudicado é o trabalhador e nós temos sim que acionar nossos deputados federais”, anunciou a parlamentar

Sobre os concursados, e as mensagens de whtas app que estão sendo compartilhadas na rede pedindo que a câmara reveja a situação de quem ainda não está trabalhando ou não tomou posse caso os profissionais levem as questões para os edis, ela disse apenas que é preciso fazer levantamentos, que se for preciso ou solicitada, vai recebê-los para conhecer quais os anseios ou dúvidas.


Moradores reclamam do mau cheiro da água no Açude da Nação em Ouricuri

por Adriana Rodrigues 21 de Fevereiro de 2017 às 18:30
categoria: Sertão do Araripe

Moradores de Rua Duque de Caxias, no Bairro Capela de São Braz em Ouricuri enfrentam diversos transtornos, eles reclamam do mau cheiro que sentem diariamente vindo do Açude da Nação, que fica em frente a essa rua. O morador Wilson Santos levou a nossa equipe até o local para constatar a gravidade do problema, ele conta que há muito tempo, o açude já trouxe provisão para a comunidade, o tempo e sem manutenção e limpeza o transformou num esgoto, que acumula sujeira e traz risco de doenças, “é mosquito, mosca, precisamos de apoio, fica a questão de uma organização, e uma parte que pertence ao estado. Os deputados que só aparecem quando precisam podiam lutar por isso, estamos cansados de ser enganados por deputados que andam por aqui mentindo e enganando nosso povo, eles podiam abraçar a essa causa, aqui a gente dorme inalando esse cheiro horrível, não tem sigilo aqui, é trinta dias e nós vamos quebrar o muro do açude”.

Segundo Wilson, os moradores estão convictos de que o muro impede a passagem da água é o principal problema, e já avisaram, se não houver atenção pública a respeito, pretendem quebrar a parede que impede a passagem da água. 

O morador Airton lamenta muito, ele disse que acredita que a solução não requer muitos recursos e nem trabalho, “o problema é que as terras são de outras pessoas, essa obra é muito simples, nós estamos cansados, é uma situação muito difícil, o prefeito até que mandou fazer uma parte, só que a pulverização que foi feita aqui, precisa ser feita todo dia, senão não adianta nada, porque quando chega a tarde ninguém aguenta os mosquitos e o mau cheiro, esses deputados que só vem aqui em época de eleição precisam estar a par disso e que tomem providência, cadê esse pessoal que a gente ajuda em época de política? Conversem com seus deputados, os moradores não aguentam mais nem se alimentar por causa disso”. 

Os moradores reclamaram também da iluminação pública, dizendo que as ruas estão escuras e que os jovens que estudam a noite ficam atemorizados por falta de luz nas vias públicas. (Com informações Cidinha Medrado)


MST acampa no INCRA, representantes alegam as dificuldades e repreendem a Reforma da Previdência

por Adriana Rodrigues 20 de Fevereiro de 2017 às 15:29
categoria: Sertão do Araripe

Cerca de 500 pessoas estão acampadas nas imediações do INCRA em Petrolina, representantes do Movimento Sem Terra pretendem debater uma pauta de serviços que caracterizam como urgentes, no sentido de cobrar vistorias e debater reformas, a mesa de negociações acontece na tarde de hoje e a ocupação pode durar até sexta-feira dependendo dos resultados. O Antônio Moisés, integrante da diretoria estadual do MST, disse que a decisão foi tomada por várias razões, compromisso com prestação de serviços e informações feitas numa reunião em Caruaru, mas sem avanço, “nós encaixamos todos os assuntos que prejudicam a reforma agrária, essa postura de ocupar o INCRA é porque ele é oi órgão que representa os assentados, esse conjunto de medidas vai fazer com que o INCRA consiga cumprir o seu papal diante das necessidades dos trabalhadores, que vai da Bahia até o Araripe, tem propriedade que já estava na mesa de obtenções desde o ano passado e até agora o INCRA não fez nenhuma vistoria entre outras coisas, que nós trouxemos para a mesa de negociações”, comentou.

O ruralista disse que existem terras livres há anos que precisam ser vistoriadas, e por causa dessas pendências é que acampam, outra pauta importante segundo Moisés é a Reforma da previdência, ele disse que os trabalhadores entendem que a reforma vai prejudicar, e acredita que cedo ou tarde as indústrias vão conseguir ver que a reforma não sai bem para o trabalhador e isso atingirá também o comércio, “tudo isso sobre a reforma vem chamando a nossa atenção desde que saímos de Caruaru, e nós convidamos também a agência do INSS para participar da conversa”.

No final da tarde, os ocupantes devem se reunir para discutir o que foi apresentado em reunião para definir de permanecem ou não na área do INCRA em Petrolina. Por causa da ocupação o órgão suspendeu os serviços de atendimento.


João Bosco não se assusta com problemas da prefeitura de Granito, no Sertão do Araripe, e diz ser acostumado a enfrentar desafios

por Adriana Rodrigues 20 de Fevereiro de 2017 às 15:14
categoria: Sertão do Araripe

O prefeito de Granito, menor município do sertão do Araripe, João Bosco (PT), não fugiu do discurso dos demais colegas ao relatar os problemas encontrados na prefeitura, após ter assumido o cargo no primeiro dia de janeiro. Longe da gestão há oito anos, ele voltou afirmando que gosta de desafios.“A gente está enfrentando muitas dificuldades. Desorganização no transporte, não tem obras, e o município está paralisado. Mas eu sou acostumado a enfrentar desafios, nunca encontrei nada fácil na vida, e temos que correr atrás. Nesses poucos dias já conseguimos muitos feitos positivos para Granito”, explicou o prefeito.

Sobre os pagamentos, João Bosco, que já foi superintendente da CODEVASF, confirmou que foi pago o mês de janeiro, parte de dezembro, que ficou da gestão passada e que a outra parcela, que se refere aos vencimentos dos professores não teve ainda como quitar, mas já está sendo providenciado.

Único prefeito eleito pelo PT no sertão do Araripe, e um dos poucos no estado, João Bosco falou sobre as dificuldades que o partido vem enfrentando nos últimos tempos, e relacionou isso ao fato da sigla ter perdido várias lideranças. Apesar de tudo, ele ainda achou positivo o número de prefeitos do PT eleitos no estado. “Eu achei positivo o número de prefeitos eleitos dentro das dificuldades que o partido vem enfrentando em Pernambuco ao longo desses ano”, completou João Bosco.


Para a nova coordenadoria da Mulher em Santa Filomena o principal propósito é trabalhar a educação familiar e geração de renda

por Neya Gonçalves 17 de Fevereiro de 2017 às 13:39
categoria: Sertão do Araripe

A Coordenadoria da Mulher de Santa Filomena já tem um novo comando, Maria Brasilina Pereira, (Marizinha), já assumiu o posto e garante ter grandes expectativas a respeito do cargo, ela conta ao Nossa Voz que o trabalho da coordenadoria será feito em conjunto com outras pastas como saúde e ação social, “pretendo trabalhar em parceria com outras pastas e sociedade civil para que as políticas públicas sejam implementadas e essas mulheres sejam beneficiadas”, disse Maria.

Existem projetos no município que foram articulados pela coordenadoria da mulher em especial na área social e agricultura familiar, para Maria eles são como uma ação de fortalecimento às políticas em favor da mulher e sua família. Marizinha garante que esses projetos serão resgatados porque trazem benefícios que muitas vezes são desconhecidos, “nós vamos fortalecer um trabalho de direitos iguais e o nosso principal propósito é fortalecer a família e não tolerar a violência contra a mulher que é uma proposta do governo, nós vamos trabalhar também a geração de renda e isso pode gerar autoestima para as mulheres. Já tomei conhecimento desses projetos que trouxeram ações pela Coordenadoria da Mulher e sabemos que é possível que podemos concretizar projetos que façam frente a inclusão social, na forma de fortalecer e apoiar as ações de mulher com criatividade própria na linda de geração de renda, artesanato e hortas”.

Este ano Santa Filomena terá uma programação diferenciada para o dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, as mulheres se preparam para a grande parada do Fórum de Mulheres do Araripe, será um movimento em nível de território e as forças femininas do Araripe se reúnem em Ouricuri. Será um dia de luta pelas políticas referenciadas à questão da mulher.

Reportagem, Cidinha Medrado


Assassinato é registrado em Distrito de Araripina

por Adriana Rodrigues 16 de Fevereiro de 2017 às 15:38
categoria: Sertão do Araripe

O gesseiro Francisco Edson Delmondes de Oliveira, de 40 anos, foi morto com vários disparos de arma de fogo na tarde desta quarta-feira (15), no Distrito de Moraes, em Araripina.

Segundo populares, um carro de cor prata, modelo não identificado, com quatro elementos avistaram a vítima em um comércio local e efetuaram vários disparos contra ele, que morreu na hora. Após o crime, os homens fugiram sem deixar pistas.

A Polícia Militar foi acionada. No local do assassinato, foi encontrada uma cápsula de calibre Ponto 40 e projéteis de outro calibre não identificado. Os familiares não souberam informar a vida pregressa da vítima, nem a motivação do crime.


Ex diretora devolve equipamentos desaparecidos de escola municipal em Bodocó

por Adriana Rodrigues 15 de Fevereiro de 2017 às 17:37
categoria: Sertão do Araripe

A direção da Escola Municipal Clementino Costa que fica na Vila de Né Camilo no interior de Bodocó, deu por falta de vários equipamentos públicos pertencentes a unidade educacional através de uma consultoria nos documentos e nas notas fiscais, a diretora Luciene Barbosa Alves Silva conta que em seguida a transição a nova equipe gestora tomou ciência de que uma TV 40', um aparelho de som, um notebook, uma câmera digital, uma impressora e um violão não estavam na escola. A gestora lamenta a informação de que os equipamentos tenham sido restaurados logo após a ex-gestora Maria da Penha ter sido convocada pela Polícia Civil para dar esclarecimentos sobre os bens da Secretaria de Educação. 

A ex diretora devolveu quatro dos itens citados mas não colaborou fornecendo os nomes das pessoas com quem estavam os equipamentos. “Ela foi intimada e entregou os itens, mas não sabemos onde estavam, a escola vai dar continuidade para resgatar o que falta porque pertencem ao patrimônio público, não queria lutar judicialmente porque sei que vai prejudicá-la, mas quero que ela faça o que é certo, devolver o que ainda falta. Essas informações da secretaria de educação foram se juntando e só depois procurei a delegacia, nos vamos dar prosseguimento para restaurar os outros dois que fatam”, disse a atual diretora Luciene Barbosa.

A Polícia tomou conhecimento desse contexto após ouvir da nova gestão sobre a falta dos bens, ficando a cargo da secretaria municipal de educação abrir inquérito para apurar o secreto. A secretaria informou que só vai se pronunciar sobre o caso, após as conclusões policiais. No entanto, profissionais da educação de Bodocó informaram que houve outros casos registrados sobre desparecimento de outros bens nas escolas e secretarias.

(Com informações Cidinha Medrado)