asdasdasdasd

Trabalhadores da fruticultura do Vale do São Francisco ameaçam paralisação

por Redação Nossa Voz 14 de Fevereiro de 2019 às 08:56
categoria: Agricultura

Os trabalhadores assalariados de Petrolina-PE e e Juazeiro-BA ameaçam parar as atividades. O motivo da paralisação é a dificuldade de negociação com o Sindicato Patronal na Campanha Salarial Unificada Bahia e Pernambuco. Nas redes sociais a categoria está compartilhando o recado direto para os patrões: "Se não negociar o Vale vai parar".

A negociação entre patrões e trabalhadores assalariados foi um dos assuntos do Nossa Voz de ontem. De acordo com o  Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais (STTAR) de Petrolina, relatou que o Patronal quer retirar 42 cláusulas da Convenção Coletiva que está sendo montada há 25 anos.

Além disso, a proposta salarial também não segue o direito já conquistado pelos trabalhadores que devem receber R$ 43,00 acima do salário mínimo. A negociação deveria partir do piso de R$ 1.041,00, mas os patrões só chegam a R$ 1.025,00.