asdasdasdasd

Senador FBC participa de homenagem que lembrou primeiro ano sem Osvaldo Coelho

por Neya Gonçalves 10 de Novembro de 2016 às 12:59
categoria: Olhando o Sertão

Brasília, 10/11/16 – “Osvaldo Coelho vive em nossa memória porque as ideias que ele abraçava e pelas quais ele lutava são as ideias que nós admiramos e enfrentamos hoje em dia”. Assim pontuou o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) durante sessão especial realizada esta manhã (10), no Plenário Ulisses Guimarães da Câmara dos Deputados, em homenagem ao ex-deputado federal Osvaldo de Souza Coelho, falecido há um ano. “Osvaldo plantou, de forma destemida, os frutos para a minha Petrolina, para o meu Sertão e para o meu estado de Pernambuco”, ressaltou Fernando Bezerra.

Durante a solenidade – que contou com a presença dos ministros pernambucanos Mendonça Filho (Educação), um dos autores do requerimento à sessão especial; Fernando Filho (Minas e Energia); e Bruno Araújo (Cidades) – o senador Fernando Bezerra Coelho lembrou momentos ao lado de Osvaldo Coelho. E destacou a atuação do tio durante a Assembleia Nacional Constituinte, em 1987. “Ele foi um ferrenho e incansável defensor do voto direto e do colégio eleitoral”, destacou. “Osvaldo inspira a luta de muitos de nós por um Brasil mais justo, equilibrado e fraterno”, acrescentou o senador.

O ministro Fernando Filho ressaltou que, embora tenha ocupado importantes cargos no Executivo, “Osvaldo Coelho gostava mesmo era de ser deputado, representar o povo pernambucano e trabalhar pelo Sertão”. Como definiu o ministro Mendonça Filho, “Osvaldo sempre será um grande e inesquecível parlamentar”.

Além de lideranças políticas nacionais e locais (do estado de Pernambuco e da região de Petrolina), a sessão especial na Câmara dos Deputados também foi prestigiada pela viúva de Osvaldo Coelho, Ana Maria Coelho, e familiares do ex-parlamentar; entre eles, o filho e deputado federal Guilherme Coelho (PSDB-PE).

TRAJETÓRIA – Formado em Direito, Osvaldo Coelho nasceu em 24 de agosto de 1931 e dedicou mais de 40 anos à política, em defesa do sertanejo. Ele faleceu em 1º de novembro do ano passado, aos 84 anos, após um ataque cardíaco.

Conhecido como “Deputado da Irrigação”, Osvaldo Coelho foi deputado federal por oito vezes e deputado estadual, por três. Filho de Clementino de Souza Coelho, o “Coronel Quelê”, e de dona Josefa, Osvaldo Coelho foi um dos grandes defensores da irrigação e da educação no Vale do São Francisco. Em Petrolina, o ex-deputado também destacou-se pela implementação do Projeto de Irrigação Senador Nilo Coelho, que transformou o cenário local em uma das maiores potências da fruticultura irrigada nacional.

A criação da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), que tornou a região um polo do ensino superior, também teve forte influência de Osvaldo Coelho. O ex-deputado foi, ainda, um dos principais responsáveis pela instituição da Escola Técnica e Agrotécnica de Petrolina.