asdasdasdasd

Em dia de mobilização pró-Lula, protestos do MST interditam a Ponte Presidente Dutra e rodovias de Pernambuco

por Karine Paixão 23 de Janeiro de 2018 às 12:21
categoria: Cotidiano

Algumas rodovias que cortam o estado de Pernambuco amanheceram bloqueadas nesta terça-feira (23). O protesto faz parte de uma grande mobilização em defesa do ex-presidente Lula, que será julgado amanhã (24) pela Turma do Tribunal Federal Regional da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre (RS).

A Ponte Presidente Dutra, entre Petrolina (PE) e Juazeiro (BA), está interditada neste momento por membros do MST. O engarrafamento é extenso nos dois sentidos.

Outra rodovia bloqueada é a BR-232, que passa por Serra Talhada, no Sertão do Pajeú. Integrantes do movimento colocaram pneus na pista e depois atearam fogo.

No Estado o movimento em defesa de Lula foi articulado pela Fetape (Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares) e Fetaepe (Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais), contando ainda com apoio de diversas entidades e representações sindicais.

Já há informações de que no Interior da Bahia o MST também está realizando protestos parecidos. Um dos locais escolhidos é a BA-210 de acesso a Curaçá. (Informações/fotos do Blog de Carlos Britto)


Prefeitura de Petrolina lança Carnaval 2018 com cinco polos e mais de 50 atrações.

por Karine Paixão 23 de Janeiro de 2018 às 11:22
categoria: Cotidiano



Com mais de 50 atrações e cinco polos, o Carnaval de Petrolina 2018 terá como novidades um maior número de artistas e novos pontos de folia, priorizando a pluralidade de estilos e a produção cultural da região. O evento foi lançado na noite desta segunda-feira (22), na Praça 21 de Setembro e contou a participação de artistas como Taline Clara, Dalmo Natan, Alan Kleber e o grupo Matingueiros, que este ano vai comandar um dos pontos de folia na Petrolina Antiga.

Ao falar sobre grade de programação, secretária de cultura, turismo e esportes, Maria Elena Alencar, destacou a valorização dos artistas locais. “Petrolina passou a ter uma outra página, a escrever uma outra história na Secretaria de Cultura Turismo e Esportes. Queria convocar a todos e a todas para que a gente repita aquele Carnaval da alegria, das oportunidades, os artistas estão aqui, os artistas da terra estão aqui. Vocês foliões, imprensa, nos ajudem a cultivar nas pessoas a cultura da alegria, da não violência, principalmente no Carnaval. Muito obrigada a todos e até lá se Deus quiser”. 

A programação completa do festejo de momo do Sertão de Pernambuco foi anunciada pelo prefeito Miguel Coelho. Além de detalhar as atrações da semana pré e dos quatro dias de folia, o lançamento teve o anúncio da homenageada da festa petrolinense, a jornalista social Inah Torres, considerada a dama da comunicação do Vale do São Francisco, que agradeceu a homenagem.

“Realmente, menino prefeito de Petrolina Miguel, é uma coisa extraordinária eu estar aqui diante de vocês para ser homenageada no carnaval de Petrolina. Eu fico numa felicidade imensa eu aprendi nesses 47 anos de caminhada aqui a amar essa cidade tanto quanto eu amo Caruaru, minha cidade natal. Eu só quero agradecer a vocês e que Deus conceda a ele (Miguel Coelho) todas as ações do Espírito Santo e ele saiba designar com o amor de Deus todos os seus munícipes. Amém, aleluia”. 

Em entrevista a imprensa o prefeito Miguel Coelho destacou que, neste ano, a ampliação do evento busca consolidar Petrolina como polo carnavalesco em Pernambuco. Miguel ressaltou que, mesmo tendo acréscimo de 25% de atrações e novos polos, a folia sertaneja terá redução de custos. “Esse ano vamos fazer uma festa ainda maior, com mais atrações nacionais e locais, 90% das bandas que vão tocar no nosso Carnaval são da região de Petrolina e Juazeiro e ampliamos em mais dois polos. O Matingueiros e o Polo Orla que vem para engrandecer e gastando menos. Ano passado, mesmo com o apoio do Governo do Estado, nós investimos R$ 350 mil. Hoje, ainda sem a sinalização do Governo do Estado nós vamos gastar no máximo pela Prefeitura R$ 340 mil”. 

Ainda de acordo com Coelho, nemo mesmo com o cadastramento dos artistas petrolinenses na Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) garante que haverá custeio do governo de parte das despesas com a realização do evento. “Nós temos no total de 12 artistas que estão na nossa grade estão cadastrados na Fundarpe, mas até hoje ela não disse se vai pagar ou se não vai pagar. Então eu não posso fazer projeção de contas que eu não tenho certeza, estou considerando que pagarei. Se o Governo do Estado entrar melhor ainda porque eu gasto menos e aí sobra mais dinheiro para a nossa cidade”. 

Recorrendo mais uma vez ao modelo de concessão pública, a Prefeitura de Petrolina repassa para a iniciativa privada a organização para comercialização de produtos nos espaços de festa. “Fizemos uma concessão no mesmo estilo do São João, diante do sucesso que foi o Carnaval do ano passado e eles já anunciaram: quarta e quinta-feira dessa semana das 08h às 13h, os ambulantes, restaurantes, baleiro, pipoqueiro, enfim, quem quiser vir comercializar no Polo Orla e na Praça 21 de Setembro tem que estar presente aqui”. 

Com a previsão da lançar 200 pessoas atuando no esquema de segurança da festa, Miguel Coelho destaca a parceria com as polícias militar e civil, além da atuação da guarda municipal e segurança particular. O sistema de transporte público contará com horários diferenciados para deslocamento dos foliões para os polos de festa.

PROGRAMAÇÃO

A folia será aberta uma semana antes, no dia 2 de fevereiro, com a retomada do tradicional Baile Municipal e o Concurso de Fantasias. O evento será realizado no Coliseu Hall com renda destinada ao Hospital Dom Tomás – Apami.

A festa começa pra valer mesmo no sábado (10 de fevereiro) com mais de 50 atrações em três regiões da cidade. O principal polo será deslocado para a “porta do rio” para abrigar um público maior. Como no ano passado, a grade de programação terá mais de 90% de artistas da região do São Francisco, que se mesclarão com nomes de sucesso de fora da cidade. Os destaques são os cantores Xexéu (ex-Timbalada), Pedrinho Pegação, Douglas Pegador, a banda Voa Voa, além de talentos do Vale do São Francisco como Jonathan Araujo, Trio Granah, Fabiana Santiago, Alan Cleber e Guerber Pereira.

Outra novidade será a criação do Polo Matingueiros, nas ruas de Petrolina Antiga. Esse ponto de folia apresentará uma maior pluralidade de estilos com bandas de rock, maracatu, coco e embolada. Ainda no Centro, a tradição das orquestras de frevo e cantores da região vão animar o mais histórico dos polos, no coreto da Praça 21 de Setembro.

Além dos pontos de animação no Centro, Petrolina fortalecerá as festas descentralizadas nos bairros da Areia Branca e Cohab VI. As duas comunidades terão noites com atrações do Vale do São Francisco.

O Carnaval de Petrolina tem expectativa de reunir mais de 30 mil pessoas por dia. O evento receberá investimento da Prefeitura de R$ 340 mil em atrações. Toda a estrutura de palcos e som será custeada por uma empresa numa parceria publico-privada. (Com informações da Ascom PMP/ Fotos: Ivaldo Regis)

Baile Municipal​​

Sábado (02) - Philarmonica 21 de Setembro, concurso de fantasias e Silvana Salazar

Polo Orla

Sábado (10) - Fernando Júnior, Taline Clara, Xexéu (ex-Timbalada) e Sem Radar

Domingo (11) - Super Banda, Guerber Pereira, Pedrinho Pegação e Mateus Torres

Segunda (12) - Fabiana Santiago, Trio Granah, Douglas Pegador e Dalmo Natan

Terça (13) - Samba de Mezza, Alan Cleber, Voa Voa e Jonathan Araujo



Polo 21 de Setembro

Sábado (10) - Orquestra de Frevo Skalla, Swing Samba e Orquestra de Frevo Tatu

Domingo (11) - DJ Candite, Orquestra de Frevo Visão Musical e Nilton Freitas

Segunda (12) - Orquestra de Frevo Novo Skema, Dubaia e Babi Castro

Terça (13) - Orquestra de Frevo Aquarela, Antony Sandey e Ana Costa



Polo Matingueiros

Sábado (10) - A cristaleira, Ambrosino e Radiola Serta Alta

Domingo (11) - P1 Rappers, Tainahakã e DJ música mundi

Segunda (12) - Matingueiros, Rafael Valadares e Tributo a Chico Science

Terça (13) - Soda Solta, Marcelo Novaes e Jam do Velho Chico



Polo Areia Branca

Sábado (10) - Nayara Vanyse e Samuel Menino de Rua

Polo Cohab VI

Sábado (10) e domingo (11) - orquestra Joãozinho Maravilha e Cavalo de Fogo


Operação Tapa-buraco: Prefeitura destaca equipe especial para atender grandes avenidas de Petrolina

por Simone Marques 18 de Janeiro de 2018 às 13:00
categoria: Cotidiano



Sempre atenta às demandas da população, a Prefeitura de Petrolina destacou uma equipe da Operação Tapa-buraco para atuar especialmente em duas grandes avenidas da cidade. A partir desta quinta-feira (18), homens da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS) trabalham na manutenção do asfalto da avenida Transnordestina (Perimetral), na zona oeste. A expectativa é que o trabalho siga até a semana que vem. Além disso, a partir da sexta-feira (19) será a vez da estrada da Avenida Marechal Hermes da Fonseca, conhecida como Estrada da Banana, também na zona oeste, receber a equipes da Operação Tapa-buraco.

Ao todo, oito homens trabalham na recuperação da pavimentação asfáltica das duas avenidas. Além do recorte do asfalto em torno dos buracos existentes na via, também está sendo realizada a retirada do asfalto antigo, seguida da pintura de ligação e por fim, a colocação do novo material composto pelo Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ), utilizado na pavimentação das principais rodovias do país.

De acordo com o secretário-executivo de Serviços Públicos, Fred Machado, a ideia da iniciativa é ampliar o número de localidades atendidas pela Operação Tapa-buraco. “A demanda que chega pra gente através da Ouvidoria Municipal é muito grande e registramos vários pontos da cidade precisando de reparos. Por isso resolvemos aumentar a área de atuação das equipes para contemplar o maior número de bairros num menor espaço de tempo. Se a operação passou por um bairro ou via e ainda não recuperou todos os buracos de uma via, pedimos aos cidadãos que não se preocupem. O que estava mais grave foi resolvido e num outro momento as equipes vão retornar”, explica Machado. 

Além das avenidas Transnordestina e Marechal Hermes da Fonseca, a segunda fase da operação Tapa-buraco já realizou a recuperação do asfalto de trechos das avenidas da Integração, Governador Nilo Coelho e das Nações. Ao mesmo tempo, algumas ruas dos bairros São José e Vila Eduardo foram contemplados com a recuperação de calçamento.

    


Prefeitura de Petrolina amplia iluminação pública em dois bairros da cidade

por Simone Marques 18 de Janeiro de 2018 às 11:09
categoria: Cotidiano

Quem mora no Loteamento Bela Vista 3, na zona oeste, e também no João de Deus, na zona norte, já pode aproveitar a novidade. É que a Prefeitura de Petrolina ampliou a iluminação pública em 10 ruas das comunidades. O trabalho foi realizado pelas equipes da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS) entre os dias 15 e 17 deste mês. Além de atender à antigas reivindicações da população, a iniciativa ainda vai deixar as vias mais seguras no período da noite. 

A preocupação com a segurança dos estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE) foi fator decisivo para a instalação de 16 luminárias completas, com lâmpadas de vapor de sódio de 250 watts de potência, no acesso da BR 407 até a instituição de ensino. Já havia inclusive uma indicação do vereador Gilberto Melo para a realização do serviço. A iniciativa foi comemorada pelo presidente da Associação Comunitária do João de Deus, Eugênio Alves. “A gente sempre ficava preocupado com as ocorrências de assaltos e até tentativas de estupros na região. Agora tanto a comunidade do João de Deus quanto os estudantes do IF Sertão-PE agradecem à prefeitura”, comentou Alves. 

No Loteamento Bela Vista 3 a escuridão também ficou no passado. Os moradores de lá se queixavam do problema há cerca de 3 anos. Ao todo, 44 luminárias completas foram instaladas na localidade, sendo 31 com lâmpadas de vapor de sódio de 70 watts e 13 com lâmpadas de vapor de sódio de 150 watts de potência. Um alívio para o motorista Franksmar Oliveira, morador da rua 03 há pouco mais de um ano e meio. “A escuridão era muito grande, a pessoa nem podia ficar na porta de casa à noite pra pegar um ventinho. Agora está muito bom”, celebra Oliveira. 

Liderada pelo secretário Eduardo Carvalho, a equipe que cuida dos serviços públicos na SEDURBS visitou os dois bairros na noite desta quarta-feira (17). Para Eduardo, esse tipo de trabalho reforça a atenção da Prefeitura para com as demandas da população. “Procuramos sempre estar perto das comunidades através do contato que temos com os vereadores, lideranças e pessoas que nos procuram para resolver um problema. Às vezes, a depender da situação, não conseguimos resolver de imediato, mas é gratificante poder cumprir o compromisso firmado pelo prefeito Miguel Coelho em atender o quanto antes as mais diversas reivindicações, seja de estudantes que pediam por uma via mais segura, seja de um trabalhador que apenas deseja descansar na frente de casa após um dia inteiro de trabalho”, destaca Carvalho. 

 

 

 

 


Conta dos Estados sai do azul para rombo de R$ 60 bi

por Simone Marques 16 de Janeiro de 2018 às 13:00
categoria: Cotidiano

Em um período de três anos, os Estados saíram de um resultado positivo de R$ 16 bilhões em suas contas para um déficit de R$ 60 bilhões no fim de 2017. Isso significa que os governadores assumiram seus postos, em 2015, com o caixa no azul e, se não tomarem medidas drásticas até o fim deste ano, vão entregar um rombo bilionário para seus sucessores.

O levantamento feito a pedido do Estado pelo especialista em contas públicas Raul Velloso mostra o resultado de uma equação que os governos não conseguiram resolver: uma folha de pagamento crescente associada a uma queda na arrecadação de impostos por causa da crise econômica. "É o mandato maldito", diz Velloso. "Diante da pior recessão do País, os Estados saíram de um resultado positivo para um déficit histórico."

O Rio Grande do Norte foi o Estado cuja deterioração fiscal se deu mais rapidamente nesse período. Depois de ter acumulado um superávit de R$ 4 bilhões entre 2011 e 2014, entrou numa trajetória negativa até acumular um déficit de R$ 2,8 bilhões de 2015 a outubro de 2017.

Esse descompasso fiscal pode ser visto nas ruas. Com salários atrasados, a polícia civil entrou em greve e uma onda de violência tomou o Estado no fim do ano. Os policiais encerraram a paralisação, mas servidores da saúde continuam em greve.

Além do Rio Grande do Norte, os casos de desajuste fiscal que ficaram mais conhecidos foram os do Rio de Janeiro e de Minas Gerais. Mas outros Estados seguem o mesmo caminho, como Goiás, Pernambuco e Sergipe. Eles estão entre os mais mal avaliados pelo Tesouro Nacional sob o ponto de vista de capacidade de pagamentos. "Há uma fila de Estados prontos para passarem por uma crise aguda (como a do Rio Grande do Norte)", diz o economista Leonardo Rolim, consultor de orçamentos da Câmara.

Para o economista Marcos Lisboa, presidente do Insper, o grande vilão do déficit estadual é o aumento da folha de pagamento dos Estados, que precisa, a cada ano, arcar com um número maior de aposentados. "O envelhecimento da população é muito rápido e, por isso, o aumento dos gastos também." De acordo com o levantamento de Velloso, as despesas e receitas anuais dos Estados empataram em 2014, atingindo R$ 929 bilhões cada uma. Desde então, as receitas recuaram de forma mais abrupta: atingiram R$ 690 bilhões nos dez primeiros meses de 2017, enquanto as despesas somaram R$ 715 bilhões.

Do lado das receitas, além da crise reduzir a arrecadação com impostos, o corte de repasses do governo federal acentuou a dificuldade dos Estados. "Até 2014, o governo dava empréstimos que mascaravam a situação", afirma a economista Ana Carla Abrão Costa, que foi secretária da Fazenda de Goiás até 2016.

Se, nos últimos anos, o desajuste fiscal já obrigou a maioria dos Estados a reduzir investimentos, neste ano, o corte deve ser ainda maior. Isso porque, como é último ano de mandato, os governadores não podem deixar restos a pagar para os que assumirem em 2019. Tarefa que, para Velloso, é impossível. "Não tem a menor condição de eles zerarem esses déficits."

Já Rolim diz que os governadores poderão recorrer a manobras, como o cancelamento de restos a pagar. "É uma espécie de calote. Despesas com obras não concluídas, por exemplo, não tem problema mas fornecedores poderão ficar sem receber."

Para Ana Carla, as contas vão acabar fechando porque o ano é de eleição. "Como não podem deixar restos a pagar, os Estados vão buscar recursos extraordinários como nunca", afirma. O superintendente do Tesouro de Goiás, Oldair da Fonseca, afirmou que o governo trabalha com austeridade para não deixar restos a pagar para 2019. Ele destacou que o déficit de 2017 ficará em R$ 900 bilhões - em 2015, havia sido o dobro.

O secretário das Finanças do Rio Grande do Norte, Gustavo Nogueira, afirmou que a raiz do problema é o déficit previdenciário. O governo de Pernambuco disse que não considera como despesa total as despesa empenhadas (autorizadas), como foi feito no levantamento, e que fechou o ano com receita para cobrir seus gastos. O de Sergipe não retornou.

O governo do Rio afirmou que sua situação foi muito prejudicada pela crise, já que sua economia é dependente da indústria do petróleo. O de Minas Gerais informou que já recebeu o Estado em situação delicada e que a folha de pagamento tem deteriorado as contas ainda mais.(Diario de PE)

 

 


Prefeitura de Petrolina inicia pintura de sinalização de trânsito na Avenida Transnordestina

por Simone Marques 15 de Janeiro de 2018 às 13:00
categoria: Cotidiano



Uma das vias mais movimentadas de Petrolina, a venida perimetral/Transnordestina, começa a receber revitalização da sinalização vertical e horizontal. Equipes da Autarquia Municipal de Mobilidade (Ammpla) iniciaram, na última quinta-feira (10), os serviços de pintura e colocação das placas.

Os trabalhos serão realizados da rotatória do Posto Asa Branca até a rotatória do Pedra Linda. A iniciativa busca dar maior segurança a pedestres e condutores.

A via não será fechada, sendo que enquanto são realizados os serviços, parte da pista estará aberta para que o trânsito não seja interrompido totalmente.

A Avenida Transnordestina é um dos principais eixos viários da cidade, sendo um corredor importante de entrada e saída para diversos bairros. A expectativa é de que o serviço seja concluído nesta sexta-feira (19).

“Esse já é um pedido antigo da população, pois a Avenida Transnordestina é um trecho conhecido pela incidência de acidentes de trânsito. Essa ação da Prefeitura de Petrolina vai possibilitar a circulação de pedestres e veículos com segurança, diminuindo assim, o número de acidentes no local”, disse Geraldo Miranda, diretor-presidente da Ammpla. 


Vereador nega que condutor do veículo envolvido em acidente estava embriagado

por Karine Paixão 15 de Janeiro de 2018 às 12:55
categoria: Cotidiano

Em entrevista ao Nossa Voz na manhã desta segunda-feira (15), o vereador Ibamar Fernandes (PRTB) garantiu que o condutor do Renaut Duster que colidiu com o muro de um estabelecimento comercial na Rua 03 do bairro Santa Luzia neste domingo (14) não estava alcoolizado. “O condutor nem beber bebe, ele é evangélico. Nem beber bebe”, atestou. Segundo o relato do parlamentar, o rapaz, cujo nome não foi divulgado, teria tentado desviar de um buraco na pista e perdeu o controle do veículo, causando o acidente. 

“Realmente aconteceu o acidente com o meu veículo. Um acidente de trabalho com uma pessoa próxima da família estava dirigindo numa avenida  muito esburacada e perdeu o controle do veículo e colidiu com a lateral de um estabelecimento comercial, caiu um pedaço do muro, o proprietário é amigo meu e já foi resolvido”, explicou. “

De acordo com as imagens que circularam no Whatsapp, o impacto da colisão foi tão forte que destruiu a parede local e acionou os airbag do carro. Apesar do susto e os danos citados Ibamar reforça que não houve feridos. “Ele está bem, ninguém ficou ferido, apenas danos materiais. Já foi tudo resolvido. Fiquem todos tranquilos, foi uma situação não esperada, acidente é acidente. Mas, graças a Deus não houve nenhum problema com pessoas, só danos materiais. Vão os anéis e ficam os dedos”, assegurou. 


Recadastramento de aposentados e pensionistas do Igeprev termina nesta sexta-feira

por Simone Marques 15 de Janeiro de 2018 às 10:35
categoria: Cotidiano

O Instituto de Gestão Previdenciária do Município de Petrolina (Igeprev) reforça que o recadastramento dos aposentados e pensionistas termina nesta sexta-feira (19). O procedimento é obrigatório para quem quiser continuar a receber o benefício.

O recadastramento, além de atualizar os dados dos segurados, também funciona como uma fiscalização. Evita que pessoas que não têm direito continuem recebendo os pagamentos dos aposentados que já morreram, por exemplo.

A atualização dos dados deve ser feita na sede do órgão, que fica localizado na Avenida José de Sá Maniçoba, 200, área central da cidade (próximo ao Hospital Universitário). É preciso levar os seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de escolaridade, Título de Eleitor, comprovante de residência atual, Certidão de Nascimento/Casamento ou Divórcio, 2 fotos 3X4, Carteira de Registro Profissional, além de Certidão de Nascimento dos dependentes. No caso dos pensionistas, levar também o Atestado de Óbito. O Igeprev funciona de 7h às 13h.


Prefeitura divulga cronograma de entrega dos títulos de posse do residencial Nova Petrolina

por Simone Marques 15 de Janeiro de 2018 às 10:34
categoria: Cotidiano

A Prefeitura de Petrolina definiu um cronograma de trabalho para concluir a entrega dos 1200 títulos de posse para os moradores do residencial Nova Petrolina, na zona oeste da cidade. A partir desta segunda-feira (15), equipes da Secretaria de Infraestrutura, Habitação e Mobilidade (SEINFRAHM), em duplas e devidamente identificadas com crachá e um colete branco, vão percorrer todas as casas do residencial para entregar, nas mãos dos proprietários, os respectivos documentos. São os títulos de posse que garantem que cada beneficiário do Minha Casa Minha Vida é, de fato, dono do imóvel. 

Nesta segunda-feira, a entrega dos títulos de posse começa a partir das 18 horas, nas ruas A, B, C, D, E, F, G e H. Na terça-feira (16), será a vez das ruas I, J, K, L e M. Finalmente, na quarta-feira (17), o trabalho será concluído pela rua P. Além do titular, o cônjuge também poderá receber a documentação, caso o nome conste no cadastro do programa. Todos os beneficiários, titular ou cônjuge, devem obrigatoriamente fornecer documento de identificação com foto para que possam assinar o protocolo de recebimento do título de posse. Quem não for encontrado em casa na data da visita, deve se dirigir até a sede da SEINFRAHM, que fica na Avenida Guararapes, perto da Prefeitura, no centro da cidade, a partir da quinta-feira (18), em horário comercial e com a devida documentação pessoal, quando serão marcadas novas datas de entrega, já que todos os títulos serão entregues nas casas, mediante  assinatura de recibo por parte dos contemplados.

O secretário da SEINFRAHM, Coronel Leite, lembra que o título de posse não permite que os beneficiários se desfaçam dos imóveis. “Mesmo com o documento em mãos, os beneficiários do MCMV continuam a ter de seguir as regras do programa até que os imóveis sejam quitados, o que demora 10 anos a partir do início do pagamento das parcelas. Dessa forma, segue terminantemente proibida qualquer ação semelhante a vender, ceder ou alugar os imóveis antes do término do financiamento”, destaca Leite.


“Muita gente cometeu infrações nas eleições inclusive de prefeito, na candidatura”, alerta promotor

por Karine Paixão 12 de Janeiro de 2018 às 13:36
categoria: Cotidiano

Centenas de pessoas foram intimadas por doações de campanha em Petrolina

Designado para atuar na Justiça Eleitoral em Petrolina, o promotor Tilemon Gonçalves já começa fazendo um alerta aos doadores de campanhas eleitorais e aos candidatos eleitos ou não que possuam pendências na sua prestação de contas. Segundo Gonçalves, um cruzamento de dados com a Receita Federal apontou irregularidades nos valores repassados aos fundos de campanha e por isso, centenas de pessoas estão sendo intimadas para prestar esclarecimentos. 

Mesmo já iniciando sua atuação em meio a alta demanda, o promotor se revela satisfeito em retornar a Justiça Eleitoral. “Nós temos um rodízio de promotores, somos 11 promotores aqui e já tenho 24 anos em Petrolina completando esse ano e sempre atuei na questão eleitoral. Voltei no dia 02 de janeiro, reassumi a promotoria eleitoral por mais dois anos à frente junto com dra. Ana Cláudia e Ana Paula, estamos nos aquecendo, nos preparando para enfrentar essas eleições e já temos muito trabalho”, declarou dr. Tilemon. 

Entre as demandas estão as doações de campanha e prestações de contas dos partidos políticos. “Muita gente cometeu infrações nas eleições inclusive de prefeito, na candidatura. Assim que terminam as eleições nós começamos a apurar, já tem mais de anos que vem sendo apurado pelos outros promotores e juízes e tem muito processo inclusive por doações excessivas, pessoas que praticaram atos criminosos de captação de votos em Petrolina. Mas nós não podemos divulgar e fica parecendo que nada acontece”.

Para entender essa convocação dos doadores de campanha é necessário lembrar que nas últimas eleições só eram permitidas contribuições de pessoas físicas e ainda atendendo a uma série de crítérios. “Temos inúmeros casos, centenas de casos que estão todos acionados, inclusive, nos fizemos nessa semana os últimos e dizem respeito essencialmente a prestação de contas, nas doações excessivas. Tivemos pessoas físicas que fizeram doações acima do limite que é permitido pela Legislação que é até 2% da renda declarada para a Receita e Federal em Imposto de Renda e as pessoas se passaram nessa conta ou talvez pensaram que não havia um controle por parte da Justiça Eleitoral. Só que eu quero alertar as pessoas que tudo isso é feito através do batimento eletrônico, então tudo que é declarado ou não declarado, os partidos também fazem as declarações e aí a Justiça Eleitoral junto com a Receita Federal junto faz todo esse batimento e manda tudo documentado para o Ministério Público Eleitoral pra gente tomar as medidas cabíveis. E muita gente foi acionado”.

Como orientação, dr. Tilemon orienta que quem tiver pendência procure a entidade o mais breve possível. “Essas pessoas de quem eu estou falando são cidadãos que fizeram doações, mas nós temos prestações de contas que estão em análise, muitas contas que foram reprovadas de partidos e candidatos de eleições anteriores que ficaram com pendências na Justiça Eleitoral. Então eu recomendo que essas pessoas procurem a Justiça Eleitoral e não deixem para cima da hora porque podem ter muita surpresa porque transita em julgado e podem ter muita surpresa pela frente e é bom se antecipar”.