asdasdasdasd

Famílias e amigos fazem círculo de oração pedem por justiça em frente ao MP

por Redação Nossa Voz 10 de Agosto de 2017 às 09:33
categoria: Cotidiano

Familiares e amigos da menina Beatriz Angélica Mota, de sete anos, assassinada no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, em Petrolina, no dia 10 de dezembro de 2015, realizaram um novo círculo de oração nesta quinta-feira, dia 10 – data em que completa um ano de oito meses do crime.

“Estamos todos aqui, junto ao Ministério Público, fazendo uma oração para que ilumine todas as pessoas que estão trabalhando à frente desse caso para que tudo seja resolvido. Nossa luta é justa. Isso é para que outros casos sejam resolvidos mais rápido. Estamos pedindo justiça e respostas”, destacou o pai de Beatriz, Sandro Romildo.

Intitulado de ‘Muralha de Oração’, o ato aconteceu nos arredores do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), no Centro da cidade, logo no início da manhã. O movimento, mais uma vez, teve o objetivo de pressionar as autoridades pela elucidação do caso.