asdasdasdasd

Esposa de vereador de salgueiro é investigada por receber salário da Alepe sem trabalhar

por Redação Nossa Voz 18 de Janeiro de 2019 às 09:03
categoria: Denúncia

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) abriu um inquérito civil público para investigar enriquecimento ilícito de uma servidora lotada no gabinete do deputado estadual Beto Accioly (PP) na Assembleia Legislativa (Alepe). Priscila Parente Soares Sampaio recebeu salários referentes ao período de abril de 2016 a junho de 2018 pelo cargo de secretária parlamentar do deputado, mas não cumpria expediente na Alepe. A abertura do inquérito foi publicada no Diário Oficial do órgão na terça-feira (15).

O MPPE aponta que Priscila, que é esposa do vereador de Salgueiro George Sampaio, trabalhava no mesmo período como médica contratada pela Prefeitura de Salgueiro-PE, no programa Saúde da Família. Ressaltando que a distância entre o município e a capital pernambucana é de 513 km. 

O MPPE informou que agora serão notificadas a prefeitura de Salgueiro, a Assembleia Legislativa, Priscila Sampaio e o deputado estadual para prestarem informações e apresentarem documentações comprobatórias dos contratos e frequência da servidora. 

Sobre a denúncia, O deputado Beto Accioly afirmou que ainda não foi notificado sobre o inquérito, mas assegurou que a servidora prestou serviços durante os dois anos.

Fonte: Blog Alvinho Patriota