asdasdasdasd

Pernambucano Sub-20 tem iní­cio em agosto

por Mário Souza 1 de Agosto de 2019 às 16:21
categoria: Divisão de Base

Em reunião realizada na sede da Federação Pernambucana de Futebol, foi definida a data de início do Campeonato Pernambucano Sub-20 de 2019. A competição contará com a participação de 16 equipes, começa no próximo sábado 03 de agosto. 

Modelo de disputa

Na primeira fase, as 16 equipes constituirão 4 (quatro) grupos regionalizados A, B, C e D, com 4 (quatro) equipes cada; dentro de cada grupo todas as equipes jogarão entre si, no sistema de ida e volta, classificando-se para a fase seguinte as duas primeiras colocadas em cada grupo.

Na Segunda Fase (Quartas de final), Terceira Fase (Semifinais) e Quarta Fase (Final), as equipes se enfrentarão no sistema eliminatório, em jogos de ida e volta.


Copa São Paulo de Futebol Júnior começa nesta quarta-feira com 128 clubes

por Mário Souza 2 de Janeiro de 2019 às 16:44
categoria: Divisão de Base

Vai começar a copinha, saiba como assitir aos jogos da maior e mais antiga competição de futebol de base do Brasil começa a ser diputada nesta quarta-feira. Saiba como acompanhar os jogos do seu time. Ah é bom que se diga que é bem provavél que seu time estaeja na disputa. Ja que são 128 equipes.

Tabela de jogos com transmissão na TV e internet

48 jogos da 1ª fase da Copinha serão transmitidos pela TV e internet. Veja abaixo a programação com datas, horário dos jogos e onde assistir:



























































































































































































































































Data e hora Jogo Transmissão
2 jan (qua) 17:15 Paulista (SP) x Red Bull Brasil (SP) Sportv
2 jan (qua) 19:15 Vila Nova (GO) x Clube Atl. do Porto - PE Sportv
2 jan (qua) 21:30 Corinthians (SP) x Ricanato (TO) Sportv / ESPN
3 jan (qui) 16:00 Cruzeiro (MG) x Babaçu (MA) ESPN
3 jan (qui) 21:00 São Paulo (SP) x Holanda (AM) ESPN
3 jan (qui) 18:00 Botafogo (RJ) x Horizonte (CE) globoesporte.com
3 jan (qui) 16:00 Internacional (RS) x Trem (AP) globoesporte.com
3 jan (qui) 21:30 Vitória (BA) x Desportiva Ferroviária (ES) Rede Vida
3 jan (qui) 21:30 Palmeiras (SP) x Galvez (AC) Sportv
3 jan (qui) 13:45 Jaguariúna (SP) x Trindade (GO) Sportv
3 jan (qui) 16:00 Flamengo (RJ) x River (PI) Sportv
3 jan (qui) 19:00 Grêmio (RS) x São Raimundo (RR) Sportv
4 jan (sex) 19:00 Santos (SP) x Sergipe (SE) Sportv
4 jan (sex) 13:45 Taubaté (SP) x Tubarão (SC) Sportv
4 jan (sex) 16:00 Vasco da Gama (RJ) x Carajás (PA) Sportv
4 jan (sex) 21:30 Fluminense (RJ) x Parnahyba (PI) Sportv / ESPN / Rede Vida
5 jan (sáb) 19:00 Marília (MA) x Naútico Capibaribe (PE) Rede Vida
5 jan (sáb) 11:00 Guarani (SP) x Bahia (BA) Rede Vida
5 jan (sáb) 19:00 Linense (SP) x Cruzeiro (MG) Sportv
5 jan (sáb) 16:30 Cuiabá (MT) x Botafogo (RJ) Sportv
5 jan (sáb) 11:00 Criciúma (SC) x América (MG) Sportv
5 jan (sáb) 13:45 Batatais (SP) x Internacional (RS) Sportv / ESPN
5 jan (sáb) 21:30 Sinop (MT) x Corinthians (SP) Sportv / ESPN
6 jan (dom) 21:00 XV de Piracicaba (SP) x Palmeiras (SP) ESPN
6 jan (dom) 19:00 Bragantino (SP) x Juventude (RS) Rede Vida
6 jan (dom) 21:30 Serra (ES) x São Paulo (SP) Sportv
6 jan (dom) 19:00 Lagarto (SE) x Grêmio (RS) Sportv
6 jan (dom) 13:45 Jacobina (BA) x Atlético Mineiro (MG) Sportv
6 jan (dom) 11:00 Santa Cruz (PE) x Goiás (GO) Sportv
6 jan (dom) 16:00 Trindade (GO) x Flamengo (RJ) Sportv / ESPN
7 jan (seg) 21:30 Portuguesa Desp (SP) x Volta Redonda (RJ) Rede Vida
7 jan (seg) 17:30 Sete de Dourados (MS) x Fluminense (RJ) Sportv
7 jan (seg) 13:30 Taubaté (SP) x Carajás (PA) Sportv
7 jan (seg) 20:00 São Caetano (SP) x Santos (SP) Sportv / ESPN
7 jan (seg) 15:30 Tubarão (SC) x Vasco da Gama (RJ) Sportv / ESPN
8 jan (ter) 17:00 Marília (SP) x Cruzeiro (MG) Sportv
8 jan (ter) 19:15 Francana (SP) x Botafogo (RJ) Sportv
8 jan (ter) 21:30 Ituano (SP) x Corinthians (SP) Sportv / ESPN
9 jan (qua) 16:00 Votuporanguense (SP) x Internacional (RS) globoesporte.com
9 jan (qua) 13:45 Taubaté (SP) x Vasco da Gama (RJ) globoesporte.com
9 jan (qua) 19:00 Ferroviária (SP) x São Paulo (SP) Sportv
9 jan (qua) 21:30 Capivariano (SP) x Palmeiras (SP) Sportv / ESPN
9 jan (qua) 16:00 Jaguariúna (SP) x Flamengo (RJ) Sportv / ESPN
10 jan (qui) 21:30 Oeste (SP) x Grêmio (RS) ESPN / Rede Vida
10 jan (qui) 17:30 Audax (SP) x Fluminense (RJ) Sportv
10 jan (qui) 19:45 União (SP) x Santos (SP) Sportv
10 jan (qui) 13:30 Aquidauanense (MS) x Jacobina (BA) Sportv
10 jan (qui) 15:30 Água Santa (SP) x Atlético Mineiro (MG) Sportv

 

Calendário da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2019

Primeira Fase

De 03/01/2019 a 10/01/2019

Segunda Fase

11/01/2019 – Sexta-Feira

12/01/2019 – Sábado

Terceira Fase

13/01/2019 – Domingo

14/01/2019 – Segunda-Feira

Quarta Fase

15/01/2019 – Terça-Feira

16/01/2019 – Quarta-Feira

Quinta Fase

17/01/2019 – Quinta-Feira

18/01/2019 – Sexta-Feira

19/01/2019 – Sábado

Sexta Fase (Semifinal)

21/01/2019 – Segunda-Feira

22/01/2019 – Terça-Feira

Sétima Fase (Final)

25/01/2019 – Sexta-Feira

Grupos, sedes e clubes

Grupo 1 – Andradina: Andradina, Ceará, Ponte Preta, Ceilândia-DF

Grupo 2 – Penápolis: Penapolense, Chapecoense, Rio Preto-SP, São José-RS

Grupo 3 – Marília: Marília-SP, Cruzeiro, Linense-SP, Babaçu-MA

Grupo 4 – Assis: Vocem-SP, Sport, Vitória da Conquista-BA, FF Sports-AL

Grupo 5 – Osvaldo Cruz: Osvaldo Cruz-SP, Atlético-GO, Mirassol-SP, Legião-DF

Grupo 6 – Tupã: Tupã-SP, Athletico, Comercial-SP, CSP-PB

Grupo 7 – Araraquara: Ferroviária-SP, São Paulo, Serra-ES, Holanda-AM

Grupo 8 – Rio Claro: Velo Clube-SP, Náutico, Rio Claro-SP, Marília-MA

Grupo 9 – Franca: Francana-SP, Botafogo, Cuiabá-MT, Horizonte-CE

Grupo 10 – São Carlos: São Carlos-SP, América-MG, Criciúma, Atlântico-BA

Grupo 11 – Votuporanga: Votuporanguense-SP, Internacional, Batatais-SP, Trem-AP

Grupo 12 – Taquaratinga: Taquaratinga-SP, Bahia, Guarani, Boavista-RJ

Grupo 13 – Capivari: Capivarriano-SP, Palmeiras, XV de Piracicaba, Galvez-AC

Grupo 14 – Santa Bárbara D’Oeste: União Barbarense-SP, Vitória, Grêmio Novorizontino-SP, Desportiva Ferroviária-ES

Grupo 15 – Jaguariúna: Jaguariúna-SP, Flamengo, Trindade-GO, River-PI

Grupo 16 – Itapira: Itapirense-SP, Figueirense, Botafogo-SP, CRB-AL

Grupo 17 – Itu: Ituano-SP, Corinthians, Sinop-MT, Ricanato-TO

Grupo 18 – Jundiaí: Paulista-SP, Vila Nova-GO, Red Bull Brasil-SP, Porto-PE

Grupo 19 – Indaiatuba: Primavera-SP, Fortaleza, Sertãozinho-SP, Queimadense-PB

Grupo 20 – Porto Feliz: Desportivo Brasil-SP, Remo, Uberlândia-MG, Visão Celeste-RN

Grupo 21 – Barueri: Oeste-SP, Grêmio, Lagarto-SE, São Raimundo-RR

Grupo 22 – São Bernardo do Campo: EC São Bernardo-SP, ABC-RN, São Bernardo FC, CSA-AL

Grupo 23 – Osasco: Grêmio Osasco Audax-SP, Fluminense, Sete de Dourados-MS, Parnahyba-PI

Grupo 24 – Capão Bonito: Elosport-SP, Londrina-PR, Taboão da Serra-SP, Confiança-SE

Grupo 25 – Mogi das Cruzes: União Mogi-SP, Santos, São Caetano, Sergipe

Grupo 26 – Guarulhos: Flamengo-SP, Coritiba, AD Guarulhos, Madureira

Grupo 27 – Taubaté: Taubaté-SP, Vasco, Tubarão-SC, Carajás-PA

Grupo 28 – Guaratinguetá: Manthiqueira-SP, Juventude, Bragantino-SP, Real Ariquemes-RO

Grupo 29 – Diadema: Água Santa-SP, Atlético-MG, Aquidauanense-MS, Jacobina-BA

Grupo 30 – São Paulo: Juventus-SP, Avaí, Inter de Limeira, América-RN

Grupo 31 – São Paulo: Nacional-SP, Goiás, São Bento-SP, Santa Cruz

Grupo 32 – São Paulo: Portuguesa-SP, Paraná Clube, Santo André-SP, Volta Redonda


São Paulo bate o Palmeiras e fatura a Supercopa Sub-20

por Mário Souza 28 de Novembro de 2018 às 17:25
categoria: Divisão de Base

Texto e Fotos - CBF

O São Paulo é o campeão da Supercopa Sub-20 2018! Na noite desta terça-feira (27), o Tricolor enfrentou o Palmeiras, no Allianz Parque, e ficou com o título após disputa de pênaltis. No tempo regulamentar, o Verdão venceu por 2 a 1, mas viu o time do Morumbi fazer 5 a 4 nas penalidades e se sagrar o campeão do torneio, que dá vaga para a Libertadores da categoria no ano que vem.

Atual campeão da Copa do Brasil Sub-20, o São Paulo disputou o título da Supercopa com o Palmeiras, que venceu o Brasileirão da categoria deste ano.

O jogo

Em desvantagem por conta da derrota por 4 a 3 no primeiro jogo, o Palmeiras começou a partida no Allianz Parque pressionando o São Paulo. Já no início da partida, Patrick cobrou escanteio fechado na primeira trave. Depois, Wesley limpou a jogada pela esquerda e finalizou com perigo, conseguindo outro escanteio. Aos sete, Airton fez boa trama pela direita, entrou na área e cruzou para o centro, mas Caio chegou para fazer o corte. O São Paulo, que até então não tinha atacado, chegou ao gol na primeira tentativa. Aos oito minutos, após inversão da esquerda para a direita, Caique cruzou na área para Fabinho completar para o fundo das redes: 1 a 0. O Verdão respondeu na sequência, no chute cruzado de Airton, que passou com perigo pela esquerda do goleiro Júnior. Buscando o resultado, o time da casa conseguiu o empate aos 17 minutos. Após falta cobrada por Matheus Rocha, Vitão cabeceou no canto, sem chances para o defensor tricolor: 1 a 1. As investidas alviverdes seguiram, com boas finalizações de Papagaio, Esteves e Patrick, mas que não entraram.

Na volta do intervalo, o Palmeiras seguiu tentando o gol que levaria a decisão para os pênaltis, mas viu o São Paulo administrar bem a vantagem e se fechar na marcação. Em uma das melhores chances, aos 12 minutos, Matheus Rocha cruzou pela direita, e Yan finalizou para boa defesa de Júnior. Sem deixar de insistir, o Verdão conseguiu a virada. Aos 39, após ataque do time da casa e bate rebate na área, a bola sobrou para Papagaio, que pegou de primeira para fazer 2 a 1. Depois, aos 42, novamente após vários toques na área, a bola sobrou para Anibal, que viu Júnior defender o que seria o terceiro gol do Verdão, que seguiu pressionando até o apito final indicar a decisão nos pênaltis.

Na disputa, o São Paulo venceu por 5 a 4, com Walce, Tuta, Rafael, Danilo e Gabriel Novaes convertendo suas cobranças. E o goleiro Júnior pegou o chute de Wesley, do Palmeiras, que marcou com Papagaio, Cesinha, Anibal e Esteves.


Vitória bate o São Paulo e se isola na liderança

por Mário Souza 12 de Julho de 2018 às 15:26
categoria: Divisão de Base

Fonte / CBF

A segunda rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20 teve cinco partidas disputadas no horário das 15h (de Brasília) desta quarta-feira (11). O Vitória-BA bateu o São Paulo-SP por 2 a 0, o Vasco-RJ derrotou o Atlético-GO pelo mesmo placar, o Figueirense-SC fez 3 a 0 no Atlético-PR, o Fluminense-RJ superou a Ponte Preta-SP por 2 a 1 e o Cruzeiro-MG venceu o Botafogo-RJ por 1 a 0. 

No Barradão, em Salvador (BA), o Vitória-BA recebeu o São Paulo e venceu pelo placar de 2 a 0. Os dois gols foram anotados por Luan. O Leão foi a seis pontos e está isolado na liderança do Grupo C da competição. O Tricolor tem três e é o segundo colocado.

No Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO), o Atlético-GO foi superado pelo Vasco-RJ por 2 a 0. Hugo Borges e Rodrigo fizeram os gols do Cruzmaltino, que foi a quatro pontos e é o líder do Grupo A. O Dragão tem um e está na terceira colocação.

No Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC), o Figueirense-SC bateu o Atlético-PR por 3 a 0. Matheus Lucas marcou todos os gols do triunfo, que levou o Alvinegro a quatro pontos e ao topo da tabela de classificação do Grupo D. O Furacão paranaense ainda não pontuou e está na quinta colocação.

No Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), a Ponte Preta-SP foi derrotada pelo Fluminense-RJ por 2 a 1. João Vitor e Zé Ricardo marcaram os tentos do Tricolor, que foi a três pontos e assumiu a segunda colocação do Grupo B do Campeonato Brasileiro Sub-20. A Macaca ainda não somou pontos e está na quinta colocação.

No Cefat, em Niterói (RJ), o Cruzeiro-MG venceu o Botafogo-RJ pelo placar de 1 a 0. Marcelo fez o único gol da partida. A Raposa foi a três pontos e assumiu a terceira colocação do Grupo C. O Glorioso ainda não pontuou na competição e está no quinto lugar. 


São Paulo goleia o Corinthians e fatura o tri

por Mário Souza 7 de Junho de 2018 às 16:25
categoria: Divisão de Base

Fonte / CBF

Tricampeão! Neste sábado (2), o São Paulo conquistou o terceiro título da Copa do Brasil Sub-20. No Morumbi, o Tricolor Paulista tomou conta da partida contra o Corinthians, goleou por 4 a 0 e faturou o título da edição de 2018 – as outras conquistas foram em 2015 e 2016.

Em desvantagem após a derrota por 2 a 1 no jogo de ida, o São Paulo iniciou a partida já levando perigo ao gol do Corinthians. No primeiro minuto, Gabriel Novaes recebeu cruzamento de Toró e finalizou na trave de Diego. No rebote, Igor Gomes mandou por cima. O Tricolor seguiu com mais posse de bola e abriu o marcador aos seis minutos. Após bela jogada de Toró, que se livrou de três e caiu, a bola sobrou para Helinho, que rolou para trás. Gabriel Novaes estava no lance e encheu o pé para fazer 1 a 0. O Timão respondeu na sequência, com Du, que recebeu lançamento, cortou a marcação e bateu cruzado, mas a bola saiu para fora. Marcando bem e pressionando a saída de bola do time alvinegro, o São Paulo foi dominando as ações e quase ampliou aos 24 minutos. Em cobrança de falta, Helinho chutou colocado e acertou a trave. Já no finalzinho da primeira etapa, Carlos falhou quando tentou sair jogando e acabou perdendo a bola para Toró. O camisa 9 do Tricolor rolou na saída do goleiro Diego e ampliou: 2 a 0.

Na volta do intervalo, o Corinthians chegou com perigo logo os três minutos, quando Rael arriscou de fora da área e quase marcou. Depois, o São Paulo voltou a dominar as ações da partida. Aos 12 minutos, Walace cobrou falta de muito longe, no ângulo de Diego: 3 a 0. Depois, aos 20, após contra-ataque tricolor, a bola ficou com Gabriel Novaes na entrada da área. O goleiro Diego tentou tirar com a cabeça, mas mandou nos pés do atacante, que encobriu o goleiro com tranquilidade para aumentar a goleada: 4 a 0. Mesmo com a vantagem no marcador, o time da casa não parou de ser ofensivo e ainda teve mais chances de ampliar. No entanto, o placar não foi mais alterado até o apito final.

No placar agregado, o São Paulo venceu o Corinthians por 5 a 2 e fez a festa dos quase 25 mil torcedores que foram ao Morumbi neste sábado torcer pelo tricampeonato do time, que levantou a taça da Copa do Brasil Sub-20 2018.


Flamengo é tetracampeão da Copinha

por Mário Souza 25 de Janeiro de 2018 às 16:58
categoria: Divisão de Base

Fonte / Bocão News

O Flamengo é tetracampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Depois de vencerem a Copinha em 1990, 2011 e 2016, os rubros-negros repetiram a façanha no Pacaembu. Em boa atuação da dupla de zaga formada por Patrick e Matheus Dantas, os cariocas seguraram o ímpeto ofensivo do São Paulo e venceram, por 1 a 0, gol do centroavante Wendel nos minutos iniciais do duelo. 

Também apoiado pela sua torcida, que preencheu todo o setor do tobogã do estádio municipal, o Flamengo soube explorar o cansaço físico dos paulistas para levar a taça. Depois do gol relâmpago, a equipe do Rio de Janeiro trocou bons passes, permaneceu bem postada em campo e foi impenetrável no setor defensivo. 

Para ser campeão, o Flamengo eliminou Elosport, Coritiba, Audax, Avaí, Portuguesa e o São Paulo na final. O time encerra a Copinha invicto e tendo tomado apenas três gols em nove partidas. 

O goleiro Yago Darub fez alguns milagres durante os pouco mais de 90 minutos da partida. O jovem arqueiro rubro-negro foi o responsável pelo Tricolor não ter saído do zero na decisão. Foi bem pelo alto e também por baixo. Ao lado de Patrick e Matheus Dantas, Darub foi o destaque do Mengão na conquista do tetra da Copinha. 

Durante o primeiro tempo, alguns torcedores do São Paulo trocaram socos nas cadeiras do Pacaembu. O desentendimento aconteceu porque alguns tricolores queriam assistir o jogo sentados, enquanto outros torciam de pé. Depois de um diálogo exacerbado, um dos envolvidos na confusão acertou um chute nas costas de seu desafeto e pancadaria começou. A polícia chegou logo depois e levou os envolvidos. 

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 0 X 1 FLAMENGO

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)

Data-Hora: 25/1/2018 - 10h

Árbitro: Lucas Canetto Bellote

Auxiliares: Paulo de Souza Amaral e Enderson Emanoel Turbiani da Silva

Público/renda: 30.794 pagantes/R$ 829.760,00

Cartões amarelos: Theo, Pepê, Yago e Hugo Moura (FLA)

Cartões vermelhos: - 

Gols: Wendel (Flamengo),

SÃO PAULO: Júnior; Tuta, Walce, Rodrigo e Bruno Dip (Gabriel Novaes, no intervalo); Luan, Liziero e Gabriel Sara (Fabinho); Igor, Toró (Oliveira) e Helinho (Antony). Técnico: André Jardine.

FLAMENGO: Yago; Bernardo (Aderlan) Dantas, Patrick e Pablo (Michael); Theo, Hugo Moura e Pepê (Patrick Valverde); Bill (Yuri), Lucas Silva e Wendel (Luis Henrique). Técnico: Maurício Souza. 


Vai começar a Copinha!

por Mário Souza 2 de Janeiro de 2018 às 18:46
categoria: Divisão de Base

Maior vitrine nacional para revelação de novos talentos, a Copa São Paulo de Futebol Junior contabilizará em 2018 sua 49.ª edição. Ao longo de 23 dias, a contar de 2 de janeiro, 128 clubes espalhados por 32 sedes irão movimentar os gramados do Estado. Seguindo a tradição, a grande final será realizada no Estádio do Pacaembu, no dia 25, brindando o aniversário da capital paulista.

Maior vitrine nacional para revelação de novos talentos, a Copa São Paulo de Futebol Junior contabilizará em 2018 sua 49.ª edição. Ao longo de 23 dias, a contar de 2 de janeiro, 128 clubes espalhados por 32 sedes irão movimentar os gramados do Estado. Seguindo a tradição, a grande final será realizada no Estádio do Pacaembu, no dia 25, brindando o aniversário da capital paulista.

CURIOSIDADES

Em quase cinco décadas, a competição acumula algumas peculiaridades. A inclusão de clubes de outros estados, ocorreu somente a partir de 1971. Logo após assumir a organização, a FPF vislumbrou uma competição mais democrática, o que resultou em um completo sucesso, transformando o torneio no mais importante torneio de base do Brasil.

Houve ainda espaço para algumas equipes estrangeiras participarem. Em 2014, por exemplo, o japonês Kashima Reysol se tornou o primeiro clube de outro país a avançar de fase.

Em 2010, duas alterações importantes aconteceram. Com a criação do Campeonato Brasileiro Sub-20, a FPF opta por admitir jogadores até 19 anos. O regulamento atual prevê garotos nascidos em 1998.

Além de renomear a competição, passando a chamá-la de Copa São Paulo de Futebol Junior.

CELEIRO DE CRAQUES

Em quase cinco décadas de disputa, o campeonato se notabilizou pelo surgimento de diversos craques. Entre tantos atletas que despontaram estão Raí, ídolo do São Paulo, que disputou a final de 1983 pelo Botafogo-SP. Dono de grande categoria, Djalminha foi campeão com o Flamengo em 1990, em um time tido como um dos melhores da história do torneio, que contava ainda com nomes como Junior Baiano, entre outros.

Um ano depois, o campeonato ficaria marcado pelo surgimento de Denner, que brilhou pela Portuguesa, e até hoje é lembrado como um dos jogadores mais habilidosos que o país já teve.

Mais recentemente, o torneio pode ostentar ter apresentado ao mundo Lucas Moura, atualmente no milionário PSG. O então, 'Marcelinho', apelido adquirido pela semelhança física com o ex-atleta Marcelinho Carioca, foi campeão com o São Paulo em 2010.

Em 2015, mesmo sem a conquista do título, Gabriel Jesus apresentou suas credenciais, após levar o Palmeiras até as semifinais da competição.

Hoje, ele é o centroavante titular da Seleção Brasileira comandada por Tite.

FAVORITOS

Após um ano estrelado nas categorias de base, o Palmeiras chega com condições de conquistar a competição pela primeira vez na sua história.

Ao todo, o clube conquistou quatro títulos, os paulistas sub-11, 13 e 20, além da Copa do Brasil Sub17. Com boa mobilidade, categoria e boa finalização, o atacante Léo Passos deve comandar a equipe palestrina e já se credencia como postulante a principal jogador do torneio.

Maior campeão do torneio com 10 títulos, o Corinthians sempre é uma força a se considerar. Vice-campeão da Copa do Brasil sub-17, o time do Parque São Jorge tem em Fabrício Oya sua maior esperança. Campeão em 2017, o atleta chegou a ser convocado para Seleção Brasileira Sub-20.

Campeã paulista na categoria sub-17, após bater o Palmeiras, a Ponte Preta deve ser uma das forças do interior. Além destes, São Paulo e Santos, conhecidos pelos fortes trabalhos na formação de atletas sempre chegam para buscar a taça.

Com tantos clubes grandes e formadores, o torneio deve ser novamente um sinônimo de bom futebol e boas surpresas. O Cruzeiro foi campeão brasileiro sub-20 ao bater o Coritiba nos pênaltis. A Copa do Brasil ficou com o Atlético-MG que também nos pênaltis superou o Flamengo. são todos clubes com fama de formar talentos ao futebol nacional.

TROCA DE ÚLTIMA HORA

Como de costume nas últimas edições, a próxima Copa São Paulo baterá o recorde de clubes participantes e número de sedes. Com 128 equipes e 31 cidades (a capital terá duas sedes), a edição 2018 supera a de 2017, que teve 120 times e 30 grupos.

Houve uma troca de última hora. O Fast Club oficializou a sua desistência somente no domingo, por não conseguir recursos para a viajem de Manaus até a capital paulista. A direção da Federação Paulista de Futebol (FPF) confirmou a vaga para o União Barbarense, da cidade paulista de Santa Bárbara d' Oeste, que fica perto de Campinas. Agora ele integra o Grupo 23, com sede em Osasco, que tem ainda as presenças do anfitrião, o Osasco Audax, além do Atlético Mineiro e o Rio Branco-AC.

FORMA DE DISPUTA

A competição será disputada em sete fases, sendo seis delas no formato de mata-mata e as duas últimas denominadas semifinais e final. Na Primeira Fase, os 128 clubes foram divididos em 32 grupos, nomeados numericamente (de 1 a 32), todos com sedes diferentes. As quatro equipes de cada grupo se enfrentam entre si em turno único.

Os dois melhores colocados avançam para a Segunda Fase. Em caso de empate por pontos, serão observados os seguintes critérios de desempate: a) mais vitórias b) melhor saldo de gols c) mais gols pró d) menos cartões vermelhos e) menos cartões amarelos f)confronto direto - em caso de empate entre apenas dois clubes g) sorteio - a ser realizado na sede da FPF.

OS CONFRONTOS

Na Segunda Fase, os primeiros melhores colocados encaram os segundos colocados - O vencedor do Grupo 1 mede forças com o segundo colocado do Grupo 2, sendo que o primeiro colocado do Grupo 2 joga contra o segundo do Grupo 1, e assim sucessivamente.

Nas fases subsequentes, as partidas seguem este formato, em jogo único. Em caso de empate serão observados os mesmos critérios da Primeira Fase.

A Terceira Fase vai ter 16 times e entra na reta final, caindo depois para oito, quatro e dois (finalistas). Assim sendo, o campeão da Copinha de 2018 totalizará nove jogos, no período de 23 dias. Pouco tempo para buscar a glória no futebol.


Seleção Gaúcha conquista a Copa de Seleções Sub-20

por Mário Souza 18 de Dezembro de 2017 às 11:32
categoria: Divisão de Base

Fonte / CBF

A Seleção do Rio Grande do Sul é a grande campeã da Copa de Seleções Estaduais Sub-20. No Estádio de Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ), a equipe gaúcha conquistou o título de 2017 na tarde desde domingo (17) diante do time carioca em um duelo emocionante. A partida terminou com empate em 1 a 1 no tempo normal e foi vencida pela garotada sulista nos pênaltis, com 5 a 4 no placar. 

Logo aos quatro minutos de bola rolando, Patryck fez grande jogada pela direita e cruzou firme na área. O zagueiro Brener apareceu fechando o ataque quase em cima da linha e só desviou para o fundo da rede. Aos 16, Caprini recebeu ótima enfiada de bola de Gabriel e tocou na saída do goleiro Phelippe para deixar tudo igual. Nos acréscimos do primeiro tempo, aos 47, Capixaba fez grande jogada e passou para Carrera, que bateu torto. Kelvin entrou de carrinho para tentar afastar o perigo e acertou o travessão, quase marcando gol contra.

Na etapa final, aos 25 minutos, Caprini teve falta lateral na entrada da área e assustou o goleiro carioca na cobrança, com a bola saindo por cima da meta. Esta foi a grande chance dos 45 minutos finais da decisão. Como ninguém balançou a rede novamente, o título foi decidido nos pênaltis. A Seleção do Rio de Janeiro abriu a série e Raul pegou a primeira cobrança de Jacozinho. A partir daí, ninguém errou o alvo e, com o arremate final de Silas, os gaúchos ficaram com a taça inédita: 5 a 4 nas penalidades. 


Seleção Pernambucana estreia na Copa de Seleções

por Mário Souza 28 de Novembro de 2017 às 19:10
categoria: Divisão de Base

A Seleção Pernambucana de futebol já tem data marcada para estrear na Copa de Seleções Estaduais Sub-20. O ponta pé inicial da terra dos altos coqueiros acontecerá nesta sexta-feira (01), às 15h, na Arena de Pernambuco. O confronto diante da Seleção Tocantinense é válido pela 2ª rodada da competição, na primeira a equipe não joga.

A preparação dos jovens pernambucanos segue de forma intensa. Desde a última sexta-feira, as atividades acontecem de forma diária no Centro de Treinamento Wilson Campos, que pertence ao Clube Náutico Capibaribe.

O adversário da garotada comandada pelo técnico Levi Gomes fez parte da primeira fase da Copa, na qual goleou a Seleção Amapaense por 5 X 0 no placar agregado.

TOCATINS x CEARÁ

Nesta quarta-feira (29), a Arena de Pernambuco receberá o primeiro jogo da Copa. A Seleção do Tocantins irá enfrentar a Seleção do Ceará, às 15h, pela primeira rodada da competição. 


Coritiba enfrenta o São Paulo

por Mário Souza 13 de Novembro de 2017 às 11:33
categoria: Divisão de Base

Fonte / CBF

Uma partida fecha a quarta rodada do Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Coritiba e São Paulo, ambos do Grupo A, se enfrentam às 18h, no Couto Pereira, em Curitiba (PR). O Tricolor Paulista ocupa a segunda colocação na tabela, com quatro pontos conquistados. Já o Coxa, rival desta noite, está na terceira posição e soma três pontos.

O elenco do coxa conta com o talento do zagueiro Pernambucano Romercio. O garoto natural de Santa Maria da Boa Vista, foi vice-campeão Brasileiro Sub-20. Na final o Coritiba foi derrotado pelo Cruzeiro nos penaltes.