asdasdasdasd

Chefe De Cartório Eleitoral explica detalhes sobre o Cadastramento Biométrico em Belém Do São Francisco

por Mário Souza 23 de Agosto de 2017 às 17:12
categoria: Eleições

O Tribunal Regional Eleitoral Esta Realizando O Cadastramento De Eleitores Para A Implantação Do Sistema De Identificação Biométrica em várias Zonas Eleitorais. Em Belém Do São Francisco estão sendo convocados todos os 15.370 eleitores para a atualização dos dados e o Cadastramento Biométrico.

Sobre o assunto Mário Souza apresentador do programa Nossa Voz Da Radio Grande Rio Fm Cabrobó, conversou com s Chefe Do Cartório Da 73ª Zona Eleitoral Almira Alice De Carvalho. Dentre outras questões ela explicou os documentos necessário para o cadastramento e as sansões sofridas pelos eleitores que não comparecem ao Cartório Eleitoral.


Inauguração de obras nos três meses anteriores às eleições poderá ser proibida

por Adriana Rodrigues 19 de Julho de 2017 às 07:54
categoria: Eleições

Proibir a inauguração de obras públicas nos três meses que antecederem eleições é o objetivo do PLS 199/2017, recentemente apresentado pelo senador Cristovam Buarque (PPS-DF). O projeto aguarda a designação de relator na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ)

A proposta deve alterar a Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) para proibir a inauguração de obras públicas durante o pleito eleitoral e nos três meses anteriores. Também ficará proibida no mesmo período, segundo a proposta, a realização de shows artísticos, eventos culturais, feiras e exposições pagos com recursos públicos.

De acordo com o autor, o objetivo é evitar que inaugurações de obras públicas sejam usadas com conotação eleitoral em benefício de algum candidato. Cristovam explica que a Lei das Eleições já proíbe a presença de candidatos em inaugurações de obras públicas nos três meses anteriores à eleição, sob pena de cassação do registro ou diploma.

“Entretanto, é inegável que uma inauguração em plena campanha ou em período próximo a ela, ainda que os candidatos não compareçam, pode adquirir forte conotação eleitoreira, principalmente em cidades pequenas”, argumenta Cristovam na justificação do projeto, acrescentando que essa avaliação também se aplica a eventos artísticos e afins, que podem ter intenções eleitoreiras quando promovidos em épocas próximas a eleições.

O projeto receberá decisão terminativa na comissão. Se for aprovado e não houver recurso para que seja votado pelo Plenário do Senado, poderá seguir diretamente para a Câmara dos Deputados.

 


Obama se despede dos americanos após 8 anos de governo

por Simone Marques 10 de Janeiro de 2017 às 14:00
categoria: Eleições

Aos 55 anos, depois de dois mandatos na Casa Branca, Barack Obama despede-se nesta terça-feira (10) da vida política americana. O democrata, que passará o poder em 20 de janeiro ao republicano Donald Trump, escolheu a cidade de Chicago, terra de sua meteórica ascensão política, para discursar pela última vez como presidente dos Estados Unidos.

Acompanhado por sua esposa Michelle e pelo vice-presidente Joe Biden, vai se pronunciar no "McCormick Place", no coração desta grande cidade de Illinois (norte). As entradas - gratuitas - para este último discurso foram disputadas na madrugada de sábado (7), em frente ao centro de conferências onde centenas de pessoas fizeram fila apesar do frio glacial. 

A poucas quadras de distância, no Grant Park, imenso parque público encravado entre o Lago Michigan e arranhas-céus, que Obama falou na noite de sua primeira vitória, em 5 de novembro de 2008. "Precisou de um longo tempo. Mas esta noite, graças ao que conquistamos hoje e conseguimos durante esta eleição, neste momento histórico, a mudança chegou", havia dito, a ocasião, o primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos depois de sua esmagadora vitória sobre seu adversário republicano John McCain.

"Se alguém ainda duvida que a América é um lugar onde tudo é possível (...) a resposta lhe é dada esta noite", acrescentou diante de dezenas de milhares de pessoas reunidas no frio e acenando cartazes com o slogan "Yes, we can" ("Sim, podemos"). Oito anos à frente da primeira potência mundial embranqueceram seus cabelos e emagreceram seu rosto, mas o presidente em fim de mandato, que pode contar com um forte índice de aprovação, pretende transmitir mais uma vez uma mensagem de esperança.

Ele explicou que quer agradecer aos americanos por "esta aventura extraordinária" e "expressar algumas reflexões" sobre o futuro. "Este é um discurso a parte (em uma presidência), não há nenhum esquema pré-definido", explica à AFP Cody Keenan, redator de discursos de Barack Obama, que afirma ter lido o todos os seus antecessores (a tradição remonta a George Washington).

Se ele pretende falar sobre sua carreira e apresentar "sua visão da América", "não será um discurso anti-Trump", garante ele. Falar sobre o futuro sem riscar seu sucessor em nome de uma transição política pacífica promete ser um exercício de equilibrista para aquele que disse durante a campanha que os progressos realizados ao longo dos últimos oito anos "iriam desaparecer como fumaça" em caso de vitória do magnata imobiliário.

Donald Trump vai participar nesta quarta-feira (11), em Nova York, pela primeira desde a sua eleição em 8 de novembro, de uma coletiva de imprensa. Chicago, onde a família Obama ainda possui uma casa, irá desempenhar um papel central na "vida após" o presidente democrata: receberá sua biblioteca presidencial e sua fundação.

Obama esperava viver mais alguns anos em Washington, até sua filha mais nova, Sasha, terminar o ensino médio. Mas ele recorda incansavelmente a sua forte ligação com Chicago: "Este é o lugar onde eu encontrei uma forma de idealismo, onde eu conheci minha esposa, onde minhas filhas nasceram". 

Em seu retorno, na madrugada de quarta-feira (11), Barack Obama terá apenas dez dias na Casa Branca. Foi neste edifício público, o mais antigo na capital dos Estados Unidos, que ele trabalhou e viveu por oito anos. E onde viu suas duas filhas crescerem. "Este é um dos principais benefícios de ser presidente, sobre o qual você não pensa antes de chegar aqui, nunca levei mais de 30 segundos para ir de casa para o escritório...", disse em uma entrevista transmitida no domingo pela ABC. "Foi graças a isso que consegui manter uma vida em família que me alimentou e apoiou durante todo este período." (Com informações do NE10)


Cabrobó : TSE aprova registro e Pretinha Truká será Vereadora

por Mário Souza 20 de Dezembro de 2016 às 10:02
categoria: Eleições 2016

Por Mário Souza / Com informações do TSE (Foto Didi Galvão)

Os Ministros do Tribunal Superior Eleitoral aprovaram nesta segunda-feira (19), o deferimento do Registro de Candidatura de Edilene Pajeú - a Pretinha Truká (PV), eleita vereadora no município de Cabrobó-PE. Ela havia sido indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral pernambucano, com a justificativa de que não teria se descompatibilizado da função para concorrer.

Os ministros entenderam que o caso dela era especial, porque é indígena e atua como professora numa aldeia indígena, com contrato temporário e não o efetivo. O Ministro Hermam Benjamim, argumentou que o fato de uma índia ser professora em sua aldeia já é excepcional, lembrando a importância do fato.

Pretinha Truká, obteve 780 votos no pleito realizado no último dia 2 de outubro e aguardava o julgamento do recurso no TSE para saber se ocuparia o cargo de vereadora. Com a decisão da corte, ela deve ser diplomada e assumirá a vaga até então ocupada por José Nílson Novaes (PP), que recebeu 749 votos. Com a mudança no quadro, Zé Nílson ficará na suplência da coligação (PP-PTB/DEM/PSDB/PV/PPS)

Ouça como foi o julgamento do recurso;

https://soundcloud.com/m-rio-souza-7/20-12-audio-julgamento-pretinha


Cabrobó : Marcílio Cavalcante anuncia Secretários e fala sobre prioridades dos primeiros dias de governo

por Mário Souza 13 de Dezembro de 2016 às 19:03
categoria: Eleições 2016

Logo após o evento de Diplomação realizado na ultima segunda-feira (12), o agora Prefeito Eleito e Diplomado de Cabrobó, Marcílio Cavalcante (PMDB) conversou com a reportagem do Programa Nossa Voz.

Processo na Justiça Eleitoral

Entre os assuntos abordados, Marcílio comentou o desfecho do processo na Justiça Eleitoral que definiu se ele e Pedro Caldas assumiriam ou não o mandato, o peemedebista comentou que sempre teve expectativas positivas. “Eu esperei como qualquer cidadão esperaria pela justiça. Eu tinha certeza dessa vitória, pois colocamos a chapa com confiança que a situação do nosso vice, o companheiro Pedro estava legal. Se não fosse assim não colocaríamos ele. Aqui em Cabrobó o juiz deferiu, eles recorreram e fomos para Pleno do TRE. Houve um resultado de 7 a 0 e depois 5 a 1. Isso demostra que a atuação Justiça Eleitoral de Pernambuco” disse.

Montagem da Equipe

Cavalcante, também falou sobre a montagem de sua equipe de governo e adiantou alguns nomes que já estão confirmados. Para a pasta da Saúde a escolhida foi a enfermeira Michele Calda, a Infraestrutura será comandada pelo ex-prefeito Edgar Caldas, a professora Lorena Rodrigues será a Secretaria de Educação, O Advogado Antônio Neto chefiará o Procon e Glênio Rodrigues voltará a assumir a pasta da Agricultura. Segundo Marcílio outros nomes devem ser divulgados nos próximos dias, o certo e que o primeiro escalão será composto por 8 secretarias. “Queremos ouvir nossa base, a sociedade que me deu mais de 10 mil votos. Temos muita vontade de acertar e fazer um bom governo. Quero o portal da transparência aberto para que o povo saiba onde eu estou gastando os recursos. Quero assumir essa compromisso com mês eleitores faremos um bom governo com a ajuda de vocês” ressaltou.

Prioridades

Sobre suas prioridades após assumir o cargo no dia 1º de janeiro, Marcílio declarou que as áreas de saúde e habitação devem estar entre as primeiras ações. No entanto, ele destacou que antes, vai ser preciso reduzir despesas da máquina administrativa. “Vamos organizar… vamos organizar porque é preciso organizar. Temos que fazer uma redução enorme nos gatos da prefeitura de Cabrobó. Temos que rever todos contratos de alugueis, temos que ver os carros locados, transporte escolar, temos rever os contratos da folha de pagamento. Então estamos começando a ajustar” explicou.


Eleitos em Cabrobó e Orocó são diplomados

por Mário Souza 13 de Dezembro de 2016 às 17:47
categoria: Eleições 2016

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, através da equipe do Cartório da 77ª Zona Eleitoral, promoveu na última segunda-feira (12), a solenidade de Diplomação dos Candidatos eleitos no pleito municipal do último dia 2 de outubro.

O evento, sediado no auditório da Escola de Referência em Ensino Médio José Caldas Cavalcante contou com a participação de políticos, autoridades e familiares dos eleitos. Foram diplomados os prefeitos e vice-prefeitos, bem como os vereadores eleitos em Cabrobó e Orocó, municípios que companhem a 77ª zona eleitoral.

A Diplomação foi presidida pelo Juiz Eleitoral Doutor Thiego Dias Marinho. A mesa das autoridades foi formada pelo Promotor Eleitoral Doutor Carlos Eugênio do Rego Barros Quintas Lopes, Os presidentes das Câmaras municipais de Cabrobó Zezito Salú e de Orocó Luiz Bernardino, O Comandante da 2ª CIPM Clodualdo Silva, e a representante da OAB, Zoenadja Lima.

Os primeiros a serem diplomados foram Marcílio Cavalcante (PMDB) e Pedro Caldas (PT), Prefeito e Vice-Prefeito eleitos em Cabrobó-PE. Em seguida foram diplomados o prefeito George Gueber Cavalcante Nery e a vice-prefeita Adaltiane Menezes Dos Santos Roma, eleitos para chefiar o executivo em Orocó-PE.

Na sequência da solenidade, os 13 eleitos para legislativo cabroboense receberam seus diplomas, seguidos dos 9 futuros vereadores orocoenses.


Cabrobó : Confirmado recurso para reverter decisão que deferiu registro de Marcílio Cavalcante e Pedro Caldas

por Mário Souza 29 de Novembro de 2016 às 12:04
categoria: Eleições 2016

A Coligação O Povo No Poder - que teve Antônio de Nestor (PSB) como candidato a Prefeito e Mailson Novaes (PSD) como candidato a vice-prefeito de Cabrobó-PE, protocolou um Recurso Especial junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, com o objetivo de reverter a decisão que deferiu o Registro de Candidatura de Pedro Caldas (PT), candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Marcílio Cavalcante (PMDB).

Na última quinta-feira (24), o pleno do TRE acolheu um embargo de declaração e modificou a decisão anterior da própria corte, que negava o registro de candidatura da chapa formada por Marcílio e Pedro - prefeito e vice-prefeito, vencedores do último pleito.

O peemedebista e o petista concorreram nas eleições do último dia 2 de outubro com o Registro de Candidatura Indeferido com Recurso, devido ao fato de que o Tribunal entendeu anteriormente que Pedro havia perdido do prazo para comprovar sua filiação ao Partido dos Trabalhadores.

A Coligação Cabrobó È Povo de Novo, aguardava o julgamento da semana passada para saber se Marcílio e Pedro assumiriam ou não a gestão da cidade. Apesar da nova tramitação do processo na Justiça Eleitoral, o TRE confirmou que Marcílio Cavalcante e Pedro Caldas serão diplomados como Prefeito e Vice-Prefeito no próximo dia 12 de dezembro.

Clck e confira a tramitassão do processo

http://www.tre-pe.jus.br/servicos-judiciais/acompanhamento-processual-push

RE Nº 0000149-20.2016.6.17.0077 - RECURSO ELEITORAL UF: PE


Cabrobó : Auricelio Torres diz que seu grupo vai recorrer de decisão que deferiu registro de Marcílio e Pedro

por Mário Souza 28 de Novembro de 2016 às 18:05
categoria: Eleições 2016

O Prefeito de Cabrobó-PE Auricelio Torres (PSB), comentou nesta segunda-feira (28) durante entrevista concedida ao programa Nossa Voz da Grande Rio Fm Cabrobó, o desfecho do processo no Tribunal Regional Estadual de Pernambuco, envolvendo as últimas eleições municipais.

Vale lembrar que na última quinta-feira (24), o pleno do TRE acolheu um embargo de declaração e modificou a decisão anterior da própria corte, que negava o registro de candidatura da chapa formada por Marcílio Cavalcante (PMDB) e Pedro Caldas (PT) - prefeito e vice-prefeito, vencedores do último pleito.

Com a decisão Marcílio e Pedro se preparam para assumir a gestão municipal, a partir de 1º de janeiro.

Ao comentar sobre como seu grupo vai se comportar após a decisão do TRE, o Prefeito - que apoiou a chapa Antônio de Nestor (PSB) e Mailson Novaes (PSD), declarou que apesar de reconhecer a derrota nas urnas é necessário cumprir as regras. “Nos sabemos que a vontade do povo deve ser respeitada, apesar de entender quer o jogo tem regras. Se essas regras, elas foram quebradas e o que pareceu no incio de todo esse processo, cabe a justiça julgar. Existem 1ª,2ª e 3ª estâncias. Deixei a cargo da majoritária, Antônio e Mailson decidirem se recorreriam ou não. Mas recebi uma mensagem de que isso já ocorreu no dia de hoje. O setor jurídico de nossa coligação já recorreu ao TSE em Brasília. Respeitamos a vontade do povo, mas o jogo tem regras e se elas não foram quebradas cabe a justiça decidir” ressaltou.

Se não houver nenhuma decisão do TSE desfavorável a Marcílio Cavalcante e Pedro Caldas até o dia da posse, ambos assumiram seus cargos como prefeito e vice-prefeito de Cabrobó.

Ainda durante a entrevista ,o atual gestor foi questionado sobre o andamento do processo de transição de governo. De acordo com Torres, tudo agora depende do futuro prefeito, indicar sua equipe. “Eu tive uma conversa preliminar com o provável futuro prefeito, já que o TRE assim entendeu. Tivemos uma conversa informal onde eu passei algumas informações. Só que agora diante da decisão do Tribunal, nos oficializamos nossa equipe de transição. Agora estou no aguardo da indicação da equipe do futuro prefeito Marcílio Cavalcante, para que se de maneira formal essa transição” explicou.

Segundo informações da 77ª Zona Eleitoral, a diplomação dos eleitos no último pleito, esta agendada para o próximo dia 12 de dezembro.

Marcílio e Pedro - que estão tratando de compromissos fora de Cabrobó, devem chegar a cidade nesta terça-feira (29). A expectativa é que eles sejam recepcionados com um grande festa organizada pelos seus correligionários.


Miguel Coelho tem contas da eleição aprovadas

por Adriana Rodrigues 28 de Novembro de 2016 às 08:46
categoria: Eleições 2016

A Justiça Eleitoral aprovou as contas da campanha do prefeito eleito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB). A decisão foi anunciada nesta sexta-feira (24) pelo juiz Sidney Alves e avaliada com naturalidade pelo socialista.

Até antes da sentença, Miguel não havia se posicionado sobre o parecer do Ministério Público em respeito à instituição. "Sempre confiei na Justiça e devido ao profundo respeito que guardo pelo Ministério Público preferi aguardar a sentença judicial. Nossa campanha foi limpa nas ruas e nas contas tanto que agora temos a posição oficial da Justiça. Agora é hora de trabalho para retomar o crescimento e desenvolvimento tão pedidos por nossa população, que decidiu pela mudança com seriedade e respeito", resumiu o prefeito eleito após tomar conhecimento da decisão da Justiça.