asdasdasdasd

Propaganda eleitoral no segundo turno para presidente começa hoje

por Adriana Rodrigues 12 de Outubro de 2018 às 07:00
categoria: Eleições

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta quinta-feira (11) o plano de mídia para a campanha eleitoral de segundo turno, que detalha como será exibida a propaganda no rádio e na TV dos candidatos à Presidência da República.

Os programas começam nesta sexta (12) e vão até o dia 26 de outubro, antevéspera da votação. A primeira propaganda, no dia 12, será de Jair Bolsonaro (PSL), pelo fato de ter obtido mais votos no primeiro turno. Depois, será a vez de Fernando Haddad (PT), segundo colocado.

A cada dia, a ordem das propagandas se alternará; assim, Haddad aparece primeiro no segundo dia de propaganda, sábado (13), seguido de Bolsonaro. Cada um terá direito a dois programas de 5 minutos por dia, de segunda a sábado, no rádio e na TV.

No rádio, a propaganda será transmitida às 7h e às 12h. Na TV, às 13h e às 20h30.

Além de 5 minutos em cada bloco no rádio e na TV, os dois candidatos terão, cada um, 12 minutos e 30 segundos de inserções (cada uma de 30 segundos) que são transmitidas ao longo da programação de cada emissora, todos os dias, de segunda a domingo.

As propagandas para governador no segundo turno, em 13 estados e no Distrito Federal, seguem as mesmas regras. Só muda o horário: no rádio, os programas começam às 7h10 e às 12h10 e na TV, às 13h10 e 20h40.


2/3 dos reeleitos para a Câmara têm votação menor nesta eleição

por Adriana Rodrigues 12 de Outubro de 2018 às 07:00
categoria: Eleições

 

 

 

Levantamento feito pelo G1 mostra que 159 dos 240 deputados federais reeleitos neste ano – o equivalente a 66% – tiveram um desempenho nas urnas pior que nas eleições de 2014. Isso significa, portanto, que dois a cada três deputados tiveram menos votos, apesar de terem renovado o mandato na Câmara dos Deputados. Os números são da Câmara dos Deputados e do Tribunal Superior Eleitoral.

Menos da metade dos políticos que tentou a reeleição conseguiu. E os dados mostram que, para a maioria dos que conseguiram, o resultado nas urnas não foi tão bom.

Percentualmente, a deputada federal Clarissa Garotinho (PROS-RJ) teve a maior redução de votos. Em 2014, a filha do ex-governador Anthony Garotinho conquistou 335.061 votos. Desta vez, Clarissa contabilizou apenas 10,5% dos votos do pleito anterior: 35.131. Ainda assim ela foi eleita.

O candidato do PSOL Jean Wyllys (RJ) aparece logo depois. Ele registrou uma brusca queda em seus votos. Em quatro anos, o ex-BBB passou de 144.700 para 24.295 votos. Os votos recebidos pelos demais candidatos do PSOL ajudaram a manter a cadeira de Wyllys na Câmara. Seu colega de partido Marcelo Freixo foi o segundo mais bem votado no Rio de Janeiro, com 342.491 votos.

Deputados reeleitos com pior desempenho: comparação do número de votos nas eleições de 2014 e 2018 — Foto: Igor Estrella / G1 Deputados reeleitos com pior desempenho: comparação do número de votos nas eleições de 2014 e 2018 — Foto: Igor Estrella / G1

Deputados reeleitos com pior desempenho: comparação do número de votos nas eleições de 2014 e 2018 — Foto: Igor Estrella / G1

O deputado Paulinho da Força (SP), fundador do Solidariedade e presidente da Força Sindical, ficou com a terceira maior queda na votação. O número de votos caiu de 227.186 para 75.613 votos na comparação de 2014 com 2018. Eleita por Roraima, Shéridan (PSDB) tinha 35.555 votos há quatro anos e, agora, registrou 12.129 votos.

Em números absolutos, o deputado Celso Russomanno (PRB-SP) teve a maior perda de votos. Em 2014, ele saiu vitorioso com 1.524.361 votos. Agora, ficou com quase 1/3 daquele número: 521.728 votos. Ou seja, Russomanno perdeu mais de 1 milhão de votos. 


TRE limita atuação de Carros de Som nas Eleições

por Mário Souza 24 de Julho de 2018 às 15:30
categoria: Eleições

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) fixou entendimento sobre uma questão que vem causando polêmica: uso de carros de som e minitrios na campanha eleitoral de 2018. Em sessão realizada na última quinta-feira (19), respondendo a uma consulta formulada em tese, a Corte se posicionou sobre o tema.

Encaminhada pelo partido Solidariedade (SD), a consulta buscava orientações relativas à permissão do uso de tais equipamentos para a divulgação de propaganda eleitoral.

O voto da relatora da consulta, desembargadora Érika de Barros Lima Ferraz, foi no sentido de apenas permitir a utilização de carros de som e minitrios em carreatas, caminhadas, passeatas e durante reuniões e comícios.

Para a relatora “a sonorização ambulante não deve ser efetuada fora das hipóteses previstas na Lei. O objetivo da norma é evitar a intensidade e intermitência dessa modalidade de propaganda ensejadora de poluição sonora, uma vez que sempre fora objeto de reclamações intensas pela população”.

O voto foi acompanhado por unanimidade pelos demais desembargadores da Corte e, na prática, proíbe o uso de carros de som e de minitrios em situações diversas daquelas apontadas, vedando a circulação isolada de equipamentos sonoros para divulgar propaganda eleitoral por meio de mensagens, jingles etc.

O Regimento interno do TRE-PE indica que o Tribunal responderá às consultas sobre matéria eleitoral formuladas, em tese, por autoridade pública ou partido político, salvo durante o processo eleitoral quando será vedada sua apreciação.


Cartórios eleitorais funcionam até quarta

por Redação Nossa Voz 7 de Maio de 2018 às 15:00
categoria: Eleições

O eleitor terá que se apressar nesta semana para regularizar a sua situação com a Justiça Eleitoral. Quem deixou o ajuste para última hora terá até a próxima quarta-feira, às 16h, para fazê-lo. A data marca o chamado fechamento do cadastro eleitoral e o prazo do término não será prorrogado. Para atender o aumento da demanda, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) ampliou os horários de atendimento. Todos os cartórios e postos de atendimento estão funcionando das 8h às 16h. Os eleitores com alguma pendência com a Justiça Eleitoral podem ter problemas para tirar passaporte, se inscrever em concurso público, efetuar matrículas em faculdades e participar de benefícios sociais, como o Bolsa Família, por exemplo. 

Os serviços obrigatórios que vão até dia 9 de maio são: emissão do 1º título, alteração de dados, regularização de título cancelado e transferência de domicílio eleitoral e regularização da biometria para quem perdeu os prazos deste ano ou de anos anteriores. Travestis e transexuais que quiserem inserir o nome social no título eleitoral também têm até o dia 9 de maio. Para as pessoas com deficiência também se encerra nessa data a transferência para seção eleitoral com acessibilidade e a regularização da situação eleitoral de presos provisórios e adolescentes internados que não possuem cadastro eleitoral ou desejam votar no pleito este ano. 

Todos esses procedimentos devem ser feitos no cartório eleitoral ou posto de atendimento da cidade onde o cidadão reside, sendo necessária a transferência caso o título pertença a outro domicílio eleitoral. Para saber a qual cartório se direcionar, o eleitor poderá, através do site do TRE-PE (www.tre-pe.jus.br), encontrar o endereço e telefone de todos os postos de atendimentos de Pernambuco. Maior posto de atendimento no Estado, a Central de Atendimento ao Eleitor do Recife (Caec), localizada no Bairro de São José, está atendendo apenas com senhas entregues na hora, pois os agendamentos via internet já foram esgotados. 

Após o fechamento do cadastro no dia 9 de maio próximo e até 10 dias antes das eleições (27 de setembro próximo), os únicos serviços que poderão ser feitos em cartório são emissão 2ª via do título eleitoral e certidão circunstanciada (são tiradas no cartório e concedida pelo juiz para resolver provisoriamente a necessidade de apresentar a quitação eleitoral enquanto o cadastro está fechado).

Fonte Folha PE


Chefe De Cartório Eleitoral explica detalhes sobre o Cadastramento Biométrico em Belém Do São Francisco

por Mário Souza 23 de Agosto de 2017 às 17:12
categoria: Eleições

O Tribunal Regional Eleitoral Esta Realizando O Cadastramento De Eleitores Para A Implantação Do Sistema De Identificação Biométrica em várias Zonas Eleitorais. Em Belém Do São Francisco estão sendo convocados todos os 15.370 eleitores para a atualização dos dados e o Cadastramento Biométrico.

Sobre o assunto Mário Souza apresentador do programa Nossa Voz Da Radio Grande Rio Fm Cabrobó, conversou com s Chefe Do Cartório Da 73ª Zona Eleitoral Almira Alice De Carvalho. Dentre outras questões ela explicou os documentos necessário para o cadastramento e as sansões sofridas pelos eleitores que não comparecem ao Cartório Eleitoral.


Inauguração de obras nos três meses anteriores às eleições poderá ser proibida

por Adriana Rodrigues 19 de Julho de 2017 às 07:54
categoria: Eleições

Proibir a inauguração de obras públicas nos três meses que antecederem eleições é o objetivo do PLS 199/2017, recentemente apresentado pelo senador Cristovam Buarque (PPS-DF). O projeto aguarda a designação de relator na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ)

A proposta deve alterar a Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) para proibir a inauguração de obras públicas durante o pleito eleitoral e nos três meses anteriores. Também ficará proibida no mesmo período, segundo a proposta, a realização de shows artísticos, eventos culturais, feiras e exposições pagos com recursos públicos.

De acordo com o autor, o objetivo é evitar que inaugurações de obras públicas sejam usadas com conotação eleitoral em benefício de algum candidato. Cristovam explica que a Lei das Eleições já proíbe a presença de candidatos em inaugurações de obras públicas nos três meses anteriores à eleição, sob pena de cassação do registro ou diploma.

“Entretanto, é inegável que uma inauguração em plena campanha ou em período próximo a ela, ainda que os candidatos não compareçam, pode adquirir forte conotação eleitoreira, principalmente em cidades pequenas”, argumenta Cristovam na justificação do projeto, acrescentando que essa avaliação também se aplica a eventos artísticos e afins, que podem ter intenções eleitoreiras quando promovidos em épocas próximas a eleições.

O projeto receberá decisão terminativa na comissão. Se for aprovado e não houver recurso para que seja votado pelo Plenário do Senado, poderá seguir diretamente para a Câmara dos Deputados.

 


Obama se despede dos americanos após 8 anos de governo

por Simone Marques 10 de Janeiro de 2017 às 14:00
categoria: Eleições

Aos 55 anos, depois de dois mandatos na Casa Branca, Barack Obama despede-se nesta terça-feira (10) da vida política americana. O democrata, que passará o poder em 20 de janeiro ao republicano Donald Trump, escolheu a cidade de Chicago, terra de sua meteórica ascensão política, para discursar pela última vez como presidente dos Estados Unidos.

Acompanhado por sua esposa Michelle e pelo vice-presidente Joe Biden, vai se pronunciar no "McCormick Place", no coração desta grande cidade de Illinois (norte). As entradas - gratuitas - para este último discurso foram disputadas na madrugada de sábado (7), em frente ao centro de conferências onde centenas de pessoas fizeram fila apesar do frio glacial. 

A poucas quadras de distância, no Grant Park, imenso parque público encravado entre o Lago Michigan e arranhas-céus, que Obama falou na noite de sua primeira vitória, em 5 de novembro de 2008. "Precisou de um longo tempo. Mas esta noite, graças ao que conquistamos hoje e conseguimos durante esta eleição, neste momento histórico, a mudança chegou", havia dito, a ocasião, o primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos depois de sua esmagadora vitória sobre seu adversário republicano John McCain.

"Se alguém ainda duvida que a América é um lugar onde tudo é possível (...) a resposta lhe é dada esta noite", acrescentou diante de dezenas de milhares de pessoas reunidas no frio e acenando cartazes com o slogan "Yes, we can" ("Sim, podemos"). Oito anos à frente da primeira potência mundial embranqueceram seus cabelos e emagreceram seu rosto, mas o presidente em fim de mandato, que pode contar com um forte índice de aprovação, pretende transmitir mais uma vez uma mensagem de esperança.

Ele explicou que quer agradecer aos americanos por "esta aventura extraordinária" e "expressar algumas reflexões" sobre o futuro. "Este é um discurso a parte (em uma presidência), não há nenhum esquema pré-definido", explica à AFP Cody Keenan, redator de discursos de Barack Obama, que afirma ter lido o todos os seus antecessores (a tradição remonta a George Washington).

Se ele pretende falar sobre sua carreira e apresentar "sua visão da América", "não será um discurso anti-Trump", garante ele. Falar sobre o futuro sem riscar seu sucessor em nome de uma transição política pacífica promete ser um exercício de equilibrista para aquele que disse durante a campanha que os progressos realizados ao longo dos últimos oito anos "iriam desaparecer como fumaça" em caso de vitória do magnata imobiliário.

Donald Trump vai participar nesta quarta-feira (11), em Nova York, pela primeira desde a sua eleição em 8 de novembro, de uma coletiva de imprensa. Chicago, onde a família Obama ainda possui uma casa, irá desempenhar um papel central na "vida após" o presidente democrata: receberá sua biblioteca presidencial e sua fundação.

Obama esperava viver mais alguns anos em Washington, até sua filha mais nova, Sasha, terminar o ensino médio. Mas ele recorda incansavelmente a sua forte ligação com Chicago: "Este é o lugar onde eu encontrei uma forma de idealismo, onde eu conheci minha esposa, onde minhas filhas nasceram". 

Em seu retorno, na madrugada de quarta-feira (11), Barack Obama terá apenas dez dias na Casa Branca. Foi neste edifício público, o mais antigo na capital dos Estados Unidos, que ele trabalhou e viveu por oito anos. E onde viu suas duas filhas crescerem. "Este é um dos principais benefícios de ser presidente, sobre o qual você não pensa antes de chegar aqui, nunca levei mais de 30 segundos para ir de casa para o escritório...", disse em uma entrevista transmitida no domingo pela ABC. "Foi graças a isso que consegui manter uma vida em família que me alimentou e apoiou durante todo este período." (Com informações do NE10)


Cabrobó : TSE aprova registro e Pretinha Truká será Vereadora

por Mário Souza 20 de Dezembro de 2016 às 10:02
categoria: Eleições 2016

Por Mário Souza / Com informações do TSE (Foto Didi Galvão)

Os Ministros do Tribunal Superior Eleitoral aprovaram nesta segunda-feira (19), o deferimento do Registro de Candidatura de Edilene Pajeú - a Pretinha Truká (PV), eleita vereadora no município de Cabrobó-PE. Ela havia sido indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral pernambucano, com a justificativa de que não teria se descompatibilizado da função para concorrer.

Os ministros entenderam que o caso dela era especial, porque é indígena e atua como professora numa aldeia indígena, com contrato temporário e não o efetivo. O Ministro Hermam Benjamim, argumentou que o fato de uma índia ser professora em sua aldeia já é excepcional, lembrando a importância do fato.

Pretinha Truká, obteve 780 votos no pleito realizado no último dia 2 de outubro e aguardava o julgamento do recurso no TSE para saber se ocuparia o cargo de vereadora. Com a decisão da corte, ela deve ser diplomada e assumirá a vaga até então ocupada por José Nílson Novaes (PP), que recebeu 749 votos. Com a mudança no quadro, Zé Nílson ficará na suplência da coligação (PP-PTB/DEM/PSDB/PV/PPS)

Ouça como foi o julgamento do recurso;

https://soundcloud.com/m-rio-souza-7/20-12-audio-julgamento-pretinha


Cabrobó : Marcílio Cavalcante anuncia Secretários e fala sobre prioridades dos primeiros dias de governo

por Mário Souza 13 de Dezembro de 2016 às 19:03
categoria: Eleições 2016

Logo após o evento de Diplomação realizado na ultima segunda-feira (12), o agora Prefeito Eleito e Diplomado de Cabrobó, Marcílio Cavalcante (PMDB) conversou com a reportagem do Programa Nossa Voz.

Processo na Justiça Eleitoral

Entre os assuntos abordados, Marcílio comentou o desfecho do processo na Justiça Eleitoral que definiu se ele e Pedro Caldas assumiriam ou não o mandato, o peemedebista comentou que sempre teve expectativas positivas. “Eu esperei como qualquer cidadão esperaria pela justiça. Eu tinha certeza dessa vitória, pois colocamos a chapa com confiança que a situação do nosso vice, o companheiro Pedro estava legal. Se não fosse assim não colocaríamos ele. Aqui em Cabrobó o juiz deferiu, eles recorreram e fomos para Pleno do TRE. Houve um resultado de 7 a 0 e depois 5 a 1. Isso demostra que a atuação Justiça Eleitoral de Pernambuco” disse.

Montagem da Equipe

Cavalcante, também falou sobre a montagem de sua equipe de governo e adiantou alguns nomes que já estão confirmados. Para a pasta da Saúde a escolhida foi a enfermeira Michele Calda, a Infraestrutura será comandada pelo ex-prefeito Edgar Caldas, a professora Lorena Rodrigues será a Secretaria de Educação, O Advogado Antônio Neto chefiará o Procon e Glênio Rodrigues voltará a assumir a pasta da Agricultura. Segundo Marcílio outros nomes devem ser divulgados nos próximos dias, o certo e que o primeiro escalão será composto por 8 secretarias. “Queremos ouvir nossa base, a sociedade que me deu mais de 10 mil votos. Temos muita vontade de acertar e fazer um bom governo. Quero o portal da transparência aberto para que o povo saiba onde eu estou gastando os recursos. Quero assumir essa compromisso com mês eleitores faremos um bom governo com a ajuda de vocês” ressaltou.

Prioridades

Sobre suas prioridades após assumir o cargo no dia 1º de janeiro, Marcílio declarou que as áreas de saúde e habitação devem estar entre as primeiras ações. No entanto, ele destacou que antes, vai ser preciso reduzir despesas da máquina administrativa. “Vamos organizar… vamos organizar porque é preciso organizar. Temos que fazer uma redução enorme nos gatos da prefeitura de Cabrobó. Temos que rever todos contratos de alugueis, temos que ver os carros locados, transporte escolar, temos rever os contratos da folha de pagamento. Então estamos começando a ajustar” explicou.