asdasdasdasd

WhatsApp: Ministério da Saúde lança canal para tirar dúvidas sobre coronavírus

por Milena Pacheco 27 de Março de 2020 às 14:03
categoria: geral

O Ministério da Saúde lançou no WhatsApp nesta quinta-feira (26) um sistema gratuito para tirar dúvidas da população sobre o novo coronavírus.

A ferramenta responde a uma série de solicitações por meio de mensagens automáticas e funciona durante 24 horas. Para acessá-la, basta salvar o número (61) 9938-0031 na agenda de contatos do telefone e enviar um "oi" no WhatsApp.

Há informações sobre a doença, transmissão, sintomas, prevenção, diagnóstico, tratamento, desmistificações de informações falsas, dentre outros.

Há um tópico específico sobre isolamento domiciliar. Apesar de não abordar a quem o isolamento é recomendado, trata de forma correta questões sobre como fazê-lo e as condutas adotadas por pessoas contaminadas.

O isolamento tem sido uma das questões mais controversas no Brasil atualmente. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e alguns apoiadores defendem, para evitar o estrangulamento da economia, o fim da medida que tem sido adotada em vários estados, o que vai contra orientações de autoridades médicas e sanitárias do mundo inteiro.

Em seu pronunciamento diário da quarta-feira (25), o ministro Luiz Henrique Mandetta assumiu discurso dúbio ao defender e criticar o isolamento. Ele vem sofrendo pressão do presidente para amaciar a recomendação ao isolamento.

A medida é uma parceria do Ministério da Saúde com o Facebook, que tem oferecido o sistema robótico em diversos países.

A (OMS) Organização Mundial da Saúde também tem seu canal no WhatsApp, em inglês. (Fonte: Diário de Pernambuco/Imagem de HeikoAL por Pixabay)


'Vida perdida não se recupera”, diz Câmara após 1ª morte por Covid-19 em PE

por Milena Pacheco 26 de Março de 2020 às 11:12
categoria: geral

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara fez um novo pronunciamento ontem (25), após o anúncio da morte do primeiro paciente acometido por Covid-19 no estado. Nas redes sociais, Câmara reafirmou que seguirá adotando medidas restritivas recomendadas pelas autoridades sanitárias no mundo.

Confira o pronunciamento do governador na íntegra:

Pernambucanos e pernambucanas,

Eu tenho conclamado todos vocês a entrarem na luta pela vida. O coronavírus é uma ameaça real e exigiu a adoção de medidas duras. E de uma orientação que vem sendo seguida no mundo inteiro: ficar em casa. Nada é mais importante e urgente do que proteger a vida. Não pode existir outra escolha. Vamos precisar, sim, construir caminhos para a recuperação econômica, será assim no mundo. Mas tudo ao seu tempo. Vida perdida não se recupera. Todo esforço agora é para conter a propagação de uma doença fatal. Por isso, quero reafirmar a determinação do nosso governo. Vamos atuar firmemente pelo seu cumprimento. Minhas ações se pautam em recomendações científicas e humanísticas. Assim continuaremos. Convoco mais uma vez o povo pernambucano a participar deste enorme esforço pessoal, familiar, profissional. O risco é uma realidade, ninguém pode negar. O momento é de responsabilidade e dedicação integral à defesa da vida. O protocolo internacional conta com o nosso governo e nós contamos com vocês. Vamos seguir juntos e fortes para superar este desafio e seguir em frente. Muito obrigado.

(Fonte: Blog Nossa Voz/Foto: Divulgação)


Petrolina: Prefeitura alerta sobre fake news de liberação de benefícios sociais

por Milena Pacheco 26 de Março de 2020 às 09:41
categoria: Fake News

A prefeitura de Petrolina informou que está circulando nos grupos e redes sociais sobre um suposto cadastramento para a para liberação de benefícios sociais, durante a pandemia da Covid-19. No entanto, segundo a gestão municipal, não existe ainda nenhum recurso liberado pelo Governo Federal para assistir as famílias de baixa renda e autônomos. 

As mensagens afirmam que Governo Federal daria uma ajuda mensal no valor de R$ 200 para autônomos e R$ 470 para beneficiários para produtos de limpeza. A prefeitura reforça que nenhum dado será solicitado através da internet e alerta a população para não fornecer nenhum tipo de documento ou informação pessoal.

Além disso, qualquer tipo de repasse ou benefício será notificado através dos meios de comunicação oficiais. As pessoas que quiserem informações sobre benefícios sociais devem entrar em contato com a Casa Bolsa através do contato (87) 3863-6871. (Fonte: Blog Nossa Voz/Foto: Reprodução)


MPPE denuncia a divulgação de notícias falsas sobre casos de coronavírus em Petrolina

por Milena Pacheco 23 de Março de 2020 às 09:01
categoria: Denúncias

Promotora diz que condutas são criminosas e serão devidamente punidas.

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e o Ministério Público Federal (MPF) tiveram conhecimento que notícias falsas sobre o coronavírus (Covid-19) estão circulando nas redes sociais em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Diante disso, o MPPE divulgou no sábado (21) uma nota explicando as consequências da divulgação dessas 'fake news'.

"É necessário frisar que as referidas condutas, para além de criminosas e que serão devidamente punidas, vão de encontro ao conceito maior de cidadania. O momento é de cuidado e prevenção. O pânico não resolverá a doença e em nada ajudará a sociedade. A união e a colaboração de cada um sim”, explica a promotora de Justiça, Ana Paula Cardoso.

A promotora de Justiça ressaltou ainda que não há caso algum de infecção por coronavírus confirmado no município de Petrolina. “O MPPE e o MPF mantêm contato diário com a Secretaria Municipal de Saúde, acompanhando os boletins epidemiológicos locais. Até então, não foi confirmado qualquer caso do Covid-19. (Fonte: G1Petrolina/Foto: Reprodução/ Redes Sociais)


Aéreas terão até 12 meses para reembolsar passageiros, diz ministério

por Milena Pacheco 19 de Março de 2020 às 11:09
categoria: geral

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, afirmou nesta quarta-feira que o governo vai alterar as regras de reembolso de passagens. Por meio de uma medida provisória, as companhias de aviação civil terão um prazo de até 12 meses para devolução do dinheiro aos consumidores.

A medida foi assinada na noite desta quarta pelo presidente Jair Bolsonaro e será enviada ao Congresso nesta quinta (19). A providência é uma forma de tentar conter os impactos da crise do novo coronavírus na economia e, em especial, no setor aéreo. Além da MP, o governo também promoverá ações para socorrer as companhias por meio de um decreto. (Fonte: Diário de Pernambuco/ Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)


Polícia Federal restringe emissão de passaporte e suspende alguns atendimentos

por Milena Pacheco 17 de Março de 2020 às 08:19
categoria: Nacional

Não serão mais realizadas entrevistas para emissão de visto; determinação é para prevenir proliferação do novo coronavírus

Os atendimentos presenciais para emissão de passaporte e regularização migratória de imigrantes foram restritos pela Polícia Federal (PF), que emitiu comunicado na noite de segunda-feira (16).

A determinação ocorre para prevenir a proliferação do novo coronavírus (Covid-19) e vale para todo o território brasileiro.

A regra atinge, inclusive, os serviços previamente agendados, explica a corporação. “A emissão de passaportes será limitada às situações de extrema necessidade devidamente comprovadas, segundo avaliação da autoridade policial”, diz em nota.

O processamento dos pedidos de emissão de passaporte será realizado somente para pessoas que tenham viagem devidamente comprovada nos próximos 30 dias, afirma a PF. Já a entrega de Carteira de Registro Nacional Migratório – CRNM e Documento Provisório de Registro Nacional Migratório – DPRNM e passaporte seguirá sendo realizada. “No caso do documento de viagem, o requerente tem o prazo de 90 dias, a partir da confirmação da solicitação no posto de emissão de passaporte, para buscá-lo”, diz a nova regra. Conforme a Polícia Federal, os prazos de vencimento de protocolos, carteiras e outros documentos relativos às atividades de regularização migratória serão prorrogados até o final da situação de emergência de saúde pública por conta do novo coronavírus.

“O imigrante não sofrerá prejuízos relacionados à regularização migratória em função da restrição no atendimento”, aponta a PF.

Veja a nota na íntegra:

A Polícia Federal, após a edição de normativo interno, que estabelece orientações quanto às medidas de proteção para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do Coronavírus (COVID-19), no âmbito das atividades de Polícia de Imigração, vem a público esclarecer:

Os atendimentos das unidades da Polícia Federal referentes aos serviços de emissão de Passaportes e de Regularização Migratória de imigrantes, mesmo que previamente agendados, estarão limitados às situações consideradas de extrema necessidade, segundo avaliação da unidade descentralizada, conforme os seguintes parâmetros gerais:

1. Processamento dos pedidos de emissão de passaporte para as pessoas que tenham viagem devidamente comprovada nos próximos 30 dias;

2. Processamento dos pedidos de regularização migratória nos casos em que a comprovação da condição do imigrante no País seja indispensável para o exercício inadiável de direitos essenciais, como, por exemplo, situações laborais que gerem penalidades ao empregador, hipóteses de incidência do Decreto 9.175/2017 (transplante de órgãos), dentre outras a serem avaliadas pelas unidades descentralizadas da Polícia Federal;

3. Entrega de Passaportes, CRNM’s (Carteira de Registro Nacional Migratório) e DPRNM’ s (Documento Provisório de Registro Nacional Migratório);

4. Emissão de certidões para comprovação de situação migratória, de restrição de atendimento, dentre outras situações comprobatórias de direitos.

– Entende-se por procedimentos de Regularização Migratória os atinentes a Refúgio, Asilo, Apatrídia e demais hipóteses de autorização de residência previstas na legislação pátria.

– Consideram-se prorrogados os prazos de  vencimento de protocolos, carteiras e outros documentos relativos às atividades de Regularização Migratória, situação que perdurará até o final da situação de emergência de saúde pública, com nova orientação da Coordenação-Geral de Polícia de Imigração.

5. Não serão processados, diante da falta de urgência, os pedidos referentes à Naturalização e à Igualdade de Direitos e Obrigações.

6. Esclarece-se que a regularização migratória prejudicada por fato a que o requerente não deu causa, como restrição no atendimento, justifica a não autuação e notificação do imigrante durante o período da excepcionalidade.

7. Os prazos migratórios serão suspensos a partir desta data, retomando-se a contagem ao final da situação de emergência de saúde pública, com nova orientação da Coordenação Geral de Polícia de Imigração.

8. O disposto nos itens 6 e 7 aplica-se à prorrogação de prazos de estada de visitantes. Caso este prazo já esteja vencido na corrente data, a autuação será realizada por ocasião da saída do visitante do País, considerado o período de suspensão dos prazos.

9. O atendimento nos postos de controle migratório portuários, aeroportuários e de fronteiras deve ser mantido em conformidade com a política do Governo Federal de admissão de viajantes.

(Fonte: Bahia.Ba/Foto: Divulgação/PF)

 

 

 

 


Mega-Sena sorteia nesta quinta-feira prêmio estimado em R$ 4,5 milhões

por Milena Pacheco 12 de Março de 2020 às 08:30
categoria: geral

As dezenas serão sorteadas às 20h no Espaço Loterias Caixa em SP

A Mega-Sena sorteia nesta quinta-feira (12) prêmio estimado em R$ 4,5 milhões. É o segundo sorteio da Mega Semana da Mulher. No primeiro sorteio, realizado na terça-feira (10), nenhuma aposta acertou as seis dezenas.

Na ocasião, 33 apostas acertaram cinco números e vão receber um prêmio de R$ 31,9 mil cada. Outros 1.575 apostadores acertaram a quadra, garantindo prêmio individual de R$ 956,20.

De acordo com a Caixa, o valor acumulado de R$ 4,5 milhões, caso investido na poupança, renderia uma renda mensal de mais de R$ 11 mil.

O sorteio de hoje será realizado, a partir das 20h (horário de Brasília, no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

O sorteio é aberto ao público, que pode acompanhar também pelas redes sociais: no Facebook e canal Caixa no Youtube.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa, em todo o país. A cartela, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50. (Fonte: agenciabrasil)


Morador joga lama em Crivella durante entrevista sobre as chuvas no Rio de Janeiro

por Milena Pacheco 2 de Março de 2020 às 11:16
categoria: geral

Segundo o jornal O Globo, o material bateu no rosto do prefeito após ele afirmar que a população é a culpada pelos transtornos das chuvas

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), foi atingido por uma bolinha de lama durante entrevista, nesta segunda-feira (2), em Realengo, bairro da zona oeste, uma das áreas mais atingidas pelas chuvas na cidade.

Foto: Reprodução G1

Segundo o jornal O Globo, o material bateu no rosto do prefeito após ele afirmar que a população é a culpada pelos transtornos das chuvas. “As pessoas gostam de morar ali perto dos talvegues para gastar menos tubo e colocar cocô e xixi e ficar livre daquilo. Essas áreas são muito perigosas”, afirmou o Crivella que ainda disse que a população joga lixo nos leito dos rios.

Desde a noite do último sábado (29), quatro pessoas já morreram na capital fluminense por causa das chuvas. Ainda no domingo (1), o próprio prefeito já havia responsabilizado moradores de áreas de risco pelos transtornos.

O número de ocorrências atendidas pela Defesa Civil do Rio de Janeiro recebeu 349 chamadas até a amanhã desta segunda. Os principais pedidos de socorro foram por desabamento de estrutura e deslizamento de barreiras e encostas.

Ao todo, 18 imóveis foram interditados emergencialmente e 30 sirenes foram acionadas em 16 das 103 comunidades de alto risco do Rio.

A previsão para a cidade é de tempo ainda instável, com chuvas a qualquer momento od dia, ventos fortes e céu encoberto. O motivo é um canal de umidade que atua sobre o Sudeste do país. (Fonte: Bahia.Ba/Foto: Reprodução G1)


Goleiro Bruno volta a falar de crime: ‘Bola não matou Eliza’

por Milena Pacheco 2 de Março de 2020 às 10:56
categoria: Nacional

Goleiro pediu ainda que Macarrão "conte a verdade"

O goleiro Bruno negou novamente envolvimento na morte de sua ex-namorada e mãe de seu filho, Eliza Samudio. Bruno afirmou ainda que, o ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, não a matou. Eliza desapareceu em 2010, o corpo dela nunca foi encontrado.

Pelo assassinato, Bola foi condenado a 22 anos de prisão. Já Bruno pegou 20 anos e nove meses de prisão como mandante do crime.

“Até que me provem o contrário, para mim, o Bola é inocente. Nesse caso, ele é. Quero avaliar a prova que liga o Bola a esse assunto. Não tem. Foi muito mais naquela época lá, que tinha que condenar, quando o Macarrão falou no júri que o ‘Bruno agora é o mandante, agora fecha. O Bola é o executor”, contou Bruno em entrevista ao jornal O Tempo.

O goleiro declarou ainda que aguarda até hoje que Macarrão conte o que sabe sobre o caso. “Acho que ele deve isso para a sociedade. Se ele foi a última pessoa a estar com a Eliza, por que ele não fala onde ela está então? Fala o que aconteceu realmente com ela. Não o que ele falou lá no júri, porque o júri é mentira”, afirmou. (Fonte: Bahia.Ba)


Governo lança edital para testar ‘drogômetro’ nas rodovias do país

por Milena Pacheco 28 de Fevereiro de 2020 às 11:40
categoria: Nacional

O aparelho é parecido com o bafômetro e irá indicar quando o motorista estiver usando substâncias psicoativas ao dirigir

Será lançado nesta sexta-feira (28), pelo Ministério da Justiça, o edital para testar o “drogômetro” nas rodovias federais do Brasil. O aparelho é parecido com o bafômetro e irá indicar quando o motorista estiver usando substâncias psicoativas ao dirigir.

Os testes serão feitos por meio de amostra de saliva. O aparelho será capaz de confirmar a sensibilidade de, no mínimo, 75% nos motoristas que estiveram ao volante após o uso de oito substâncias: maconha (THC), cocaína (BZE), anfetamina, metanfetamina, anfepramona, femproporex, clobenzorex e metilenodioximetanfetamina (MDMA).

A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas testará a eficácia dos equipamentos ao longo de 2020. Eles serão apresentados por empresas que cederão seus aparelhos gratuitamente para os experimentos. Neste período, os motoristas terão de autorizar a participação. Não haverá multa.

Após a fase experimental, os equipamentos serão regulamentados pelo Conselho Nacional de Trânsito e pelo Inmetro. Os que tiverem eficácia comprovada deverão ser utilizados em ações de fiscalização. (Fonte: Bahia.Ba/Foto: Governo da Austrália)