asdasdasdasd

Nos pênaltis, Sport vence o Náutico e é campeão do PE 2019

por Mário Souza 22 de Abril de 2019 às 09:27
categoria: Pernambucano

Fonte / Federação Pernambucana

Na tarde deste domingo (21), com a presença de mais de 27 mil torcedores na Ilha do Retiro, o Sport conquistou o seu 42º título estadual, nos pênaltis, após o Náutico vencer no tempo normal, por 2x1, igualando a vantagem dos rubro-negros (1x0) no jogo de ida, nos Aflitos. Os gols da partida foram marcados por Diego Silva e Jimenez para o Náutico e Guilherme para o Sport. Nos pênaltis, o goleiro Mailson acabou defendeu as cobranças de Rafael Oliveira e Diego Silva garantindo o título do Campeonato Pernambucano A1 2019 para os rubro-negros.

O jogo

No início do primeiro tempo, o zagueiro Suéliton e o atacante Hernane Brocador foram expulsos, aos oito minutos, por troca de agressões. O Sport aproveitou melhor a falta de um defensor alvirrubro e fez 1x0 com o atacante Guilherme cobrando pênalti e colocando os rubro-negros em vantagem no jogo, aos 17 minutos. Porém o Náutico acabou empatando, aos 39 minutos, após o zagueiro Diego Silva chutar de fora da área e a bola desviar em Danilo Pires e descolar o goleiro Mailson: 1x1. No último ataque do Náutico, Wallace Pernambucano acertou a trave esquerda de Mailson, mas placar da etapa inicial acabou 1x1.

No segundo tempo, o Sport que tinha a vantagem do empate procurava gastar o tempo, enquanto ao Náutico só restava, no mínimo, marcar mais um gol para decidir no pênalti. Com um jogador a menos, de cada lado, os espaços apareciam para que alvirrubro e rubro-negros alternassem os ataques. Num cruzamento de Hereda, aos 36 minutos, veio a virada do Náutico, com Jimenez – acionado no segundo tempo – subir e cabecear do lado direito de Mailson fazendo 2x1 e levando a decisão para as penalidades.

Pênaltis 

Nas penalidades, o Sport converteu quatro cobranças, enquanto o Náutico aproveitou três. As cobranças de Rafael Oliveira e Diego Silva, o goleiro Mailson defendeu garantindo o título de campeão estadual 2019 para o Sport.