asdasdasdasd

Em resposta a Gabriel Menezes, Zé Batista chama oposicionista de cético e manda “deixar de mimimi”

por Karine Paixão 11 de Julho de 2018 às 11:35
categoria: Política


Em respostas as colocações do vereador Gabriel Menezes (PSL), que afirmou em entrevista ao Nossa Voz que o prefeito de Petrolina Miguel Coelho tem muito anuncio e pouca entrega, governando uma cidade virtual a qual chamou de “Miguelândia”, o vereador licenciado e secretário de desenvolvimento agrário, José Batista da Gama, disparou que Menezes seria cético e míope e que estaria na turma do “quanto pior melhor” para a cidade. Listando uma série de obras em andamento na cidade, Batista devolve o vereador, que também é pré-candidato a deputado estadual, ao grupo do ex-prefeito Júlio Lóssio com que Gabriel confirmou ter se afastado e relembrou as críticas feitas à paralisação das obras na Avenida Sete de Setembro. 

“São informações de quem é cético, de quem não quer enxergar. De quem está vendo e não enxerga, está vendo a obra e não quer enxergar. Esse mesmo vereador é o mesmo que criticava diuturnamente a Sete de Setembro que está lá com a obra indo de vento em polpa e vai ficar uma avenida de acesso maravilhosa para Petrolina. É daqueles de que quanto pior melhor para Petrolina. É daqueles que não tem realmente propostas, que o grupo político é de oba-oba, de conversa mole, de conversa fiada. Eu ouvi um hoje dizer que vai votar em Júlio Lóssio para governador, que vote. Por que Petrolina já está cansado desse tipo de político”, analisou. 

Entre os empreendimentos da administração municipal que devem ser entregues em breve a população, José Batista apresentou o Matadouro Municipal, fechado pelo ex-prefeito Júlio Lóssio. “Não se deve fazer política em cima da miséria dos outros não, tem que procurar trabalhar mesmo. O matadouro já está em 80% de obras concluídas. Os marchantes estiveram lá e ficaram muito satisfeitos com o que viram lá. Vamos entregar a população até o final de agosto”, assegurou. 

Classificando as críticas como “mimimi” e “choro mole”, o secretário de desenvolvimento agrário atribuiu à oposição um discurso com promessas vazias. “Para os céticos, para os que realmente não enxergam eu quero dizer que vão visitar o Matadouro, vão visitar a Sete de Setembro, vão visitar as obras que estão sendo implementadas em Petrolina e deixar desse mimimi, desse choro mole, de dizer que vai trazer a Lua para Petrolina, vai remodelar o Céu e não sabe nem se será eleito e já dizem que vão fazer isso e aquilo, milagre em Petrolina. Petrolina não precisa de milagre, precisa de homens que trabalhem e que tenham gosto para transformar Petrolina num canteiro de obras e deixar a população feliz”.