asdasdasdasd

Pandemia: Em PE transplantes caíram 51,6% no primeiro semestre

por Milena Pacheco 10 de Setembro de 2020 às 10:06
categoria: Saúde

O mês de setembro traz consigo campanhas voltadas para a saúde física e mental. Pensando nisto, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) está engajada na campanha Setembro Verde, que visa estimular a doação de órgãos. Entre janeiro e julho de 2020, foram realizados 455 transplantes em Pernambuco. O quantitativo é 51,6% menor que o mesmo período de 2019, quando foram realizados 940 procedimentos. 

Imagem de skeeze por Pixabay

A queda é atribuída à pandemia do novo coronavírus, que suspendeu alguns procedimentos, mas serve para reforçar a importância de manter o debate e, principalmente, o gesto de doar ao próximo. Dentre os pontos que contribuíram para a queda, há a suspensão dos transplantes eletivos de córnea pelo Ministério da Saúde (casos de urgência continuaram sendo realizados). 

Os de rim, em uma decisão colegiada dos centros transplantadores e o estado, também foram suspensos, já que o paciente tem um tratamento substitutivo (hemodiálise), mas já voltaram a ocorrer desde a segunda quinzena de julho. É preciso frisar, ainda, que, desde o início da pandemia, foram mantidos os transplantes de fígado, coração e medula óssea.

Com informações DP