asdasdasdasd

Organizações sociais mobilizam sociedade contra Reforma da Previdência em Ouricuri

por Redação Nossa Voz 11 de Dezembro de 2017 às 18:11
categoria: Sertão do Araripe

As organizações sociais que compõem a Frente Brasil Popular do Araripe, sindicatos, associações, ongs e sociedade civil, lotaram as dependências da Câmara Municipal de Ouricuri na manhã desta segunda-feira (11) para debater contra a Reforma da Previdência.

A Reforma Previdenciária, é a implementação de medidas legislativas que venham a alterar substantivamente a legislação previdenciária de um país, e é uma tentativa do atual governo brasileiro.  Os trabalhadores consideram que a reforma exclui direitos que importantes para os trabalhadores, por isso mobilizam o povo para ouvir autoridades políticas, o evento acontece nacionalmente nesta segunda.

A Presidente do Sindicato dos Servidores Municipais Didi Ribeiro, repudiou a reforma, para ela, o projeto exige que as pessoas contribuam sem ao menos ter condições parea colocar alimento em suas mesas.

“ A Frente Popular do Araripe vem lutando o ano todo e esse é o momento especialmente de unirmos força e tá gritando, porque a gente não aceieta a Reforma da Previdência, ela vem para massacrar o trabalhador, não existe como o homem do campo tá contribuindo pra poder se aposentar, considerando que muitos não tem nem o que colocar na mesa”, comentou a sindicalista.

Compareceram alguns vereadores, como Alex Bar, Giba, Nem do Cross, Ananias, Adelucia, Delvania e Everaldo Valério que provocou à Câmara a relizar uma reunião extra para falar sobre a carta de repúdio que foi um pedido dos movimentos, a criação de um documento que seja divulgado com a declaraçao de todos que são contra a reforma.

“Muito preocupado com a mudança na previdência,  o vereador tem que se posicionar perante a sociedade, solicitei à presidenta que haja uma reunião extra para que a gente possa produzir este documento, solicitando aos parlamentares, que tiveram votos na região para que ouça o clamor da sociedade para votar contra esta reforma”, falou o vereador Everaldo Valério.

Já César de Preto, pré-candidato a deputado estadual e ex prefeito de Ouricuri, disse que já entrou em contato com aliados. Além disso ele confirma sua pré-candidatura, disse que continua firme na intenção de participar das eleições 2018.

“Na eleição passada eu votei no deputado João Fernando Coutinho e já tivemos contato com ele, em algumas posições ele não se colocou, faltando pra não votar, não sei porque motivo. Mas eu digo as pessoas, a gente tem que acompanhar. Claro que temos que confiar em alguém, e o trabalho desse deputado e se não merecer devemos sim votar em outra pessoa. Vários deputados que se colocaram a favor esta reforma e outras reformas, é muito difícil hoje a gente chegar na casa das pessoas em Ouricuri, principalmente as pessoas mais simples que mais precisam das ações do governo e pedir voto pra um deputado que votou a fazer de reformas como estas”, disse o ex-prefeito César.

O vereador Alex Bar lamentou que políticos faltaram, ele confirma que a situação está dando apoio aos grupos contra a reforma previdenciária

“Esse ato representa todo o povo do Araripe, certamente o avanço poderia ter sido maior, e até deputados poderiam estar presentes para entender o sentimento das pessoas, contra esta reforma que vem prejudicar e muito a classe trabalhadora em especial, os agricultores que são os mais sofridos, vivemos numa região semiárida, com muita dificuldade de chuva e as politicas estruturadores para diminuir a dificuldade de água não chega a nossa região e eu já me posicionei, sou contra a reforma”, disse o vereador Alex.

O secretário de Agricultura João William defendeu a justificativa de falta do prefeito Ricardo Ramos, ele está em uma viagem para Petrolina com problemas familiares de saúde.


Tribunal de contas destaca cidade de Bodocó a primeira no Índice de Transparência dos municípios do Sertão do Araripe

por Redação Nossa Voz 11 de Dezembro de 2017 às 18:06
categoria: Sertão do Araripe

O mais recente levantamento realizado nos Portais da Transparência dos 184 municípios pernambucanos revelou índices de transparência do Sertão do Araripe. A cidade de Bodocó está no primeiro lugar do ranking do Tribunal. Administrada por um dos prefeitos mais jovens do Brasil, Túlio Alves celebra a informação. 



“Para nós é motivo de grande satisfação saber que Bodocó é o mais transparente do Sertão do Araripe, isso só reforça que estamos no caminho certo, nosso zelo e compromisso com o nosso município,” disse o prefeito Túlio Alves.

Em 2016, a nota do município foi 198,50 (índice que o TCE julga como crítico), já neste ano de 2017 a prefeitura alcançou a pontuação de 639,75. Para Tulio, a pontuação mostra um visível amadurecimento e qualidade da informação disponibilizada pelo município, calculado com base na pontuação dos critérios de avaliação estabelecidos pelo TCE, como: informações de receita e despesa; de licitações e contratos, entre outras informações que estão no Portal da Transparência.



O Índice de Transparência das Prefeituras dos Municípios Pernambucanos (ITMPE-Prefeitura) é realizado desde 2015.

Em 2017 a prefeitura de Bodocó alcançou o principal índice, 639,50, Araripina 513,50, Ipubi 501,50, Santa Filomena 483,50, Santa Cruz 472,50, Trindade 448,00, Ouricuri 128,50, Moreilândia 104,50, Granito 101,50 e Exu 90,00. 

Por Cidinha Medrado


Prefeito de Bodocó rebate críticas de vereadora sobre administração e projeto do executivo

por Redação Nossa Voz 8 de Dezembro de 2017 às 17:27
categoria: Sertão do Araripe

O projeto que pede aumento na Contribuição de Iluminação Pública (CIP) deve ser votado na próxima semana, em assembleia extraordinária, na câmara de vereadores de Bodocó. Sobre esse documento, a vereadora de oposição, Leninha Diniz (PSD) fez várias críticas ao prefeito Túlio Alves (DEM). Segundo ela, esse aumento é abusivo e não agrada a população.

A cidade arrecada com iluminação pública em torno de R$ 30 mil a R$ 35 mil reais por mês e tem uma despesa de R$ 50 mil a R$ 60 mil reais. Diante das críticas o gestor afirmou que é necessário essa adequação na lei. “Se for para o bem da população, a gente precisa encarar e fazer o que for preciso. Digo a população que depois dessa adequação, se em três meses nós não mudarmos a realidade de iluminação pública de Bodocó eu chamo a responsabilidade pra mim”, garantiu Túlio Alves.

O prefeito também rebateu sobre o que disse a vereadora a respeito da influência do ex-prefeito Brivaldo Alves (DEM), pai de Túlio, no governo. Ela havia dito que o jovem apenas assina os papéis, e seu pai, hoje no cargo de secretário de governo, é quem dá as ordens. “Quem tem boca fala o que quer. O grande desejo da oposição de Bodocó é que eu brigue com meu pai, e isso não vai existir. Cada dia que passa a gente está mais fortalecido. Nosso fortalecimento enfraquece a oposição, e é por isso que eles não se conformam”, rebateu.

BRUNO MORAIS


Diocese de Salgueiro realiza Congresso Diocesano do setor e movimentos sociais em Ouricuri neste sábado (9)

por Redação Nossa Voz 8 de Dezembro de 2017 às 17:25
categoria: Sertão do Araripe

 

A Diocese de Salgueiro por meio das Pastorais Sociais e Movimentos Sociais Populares do Araripe vem, realiza neste sábado a partir das 08 h, o I Congresso Diocesano do Setor e Movimentos Sociais. O encontro será na Escola Estadual Dom Idílio na Avenida Fernando Bezerra, no centro de Ouricuri.

Os movimentos e pastorais realizarão oficinas sobre diversos temas como, resíduos orgânicos, separação, coleta e reciclagem, outro tema é a reforma agrária e a luta pela terra, feminismo e residência, violência na sociedade civil, juventude rural e urbana perspectivas e desafios, entre outros temas e rodas de conversas.

As oficinas serão monitoras por equipes de pastorais vindas de várias localidades do Araripe, de cidades como, Cabo, Caruaru, Afogados e Santa Filomena.

“Será um dia de reflexão, as paróquias estão avisadas e será um dia de animação e oração também, vamos falar sobre a conjuntura política do país”, disse o padre Luciano Lima.

Por Cidinha Medrado


Polícia Militar lança Operação Papai Noel no centro de Ouricuri

por Redação Nossa Voz 7 de Dezembro de 2017 às 17:38
categoria: Sertão do Araripe

O 7º Batalhão da Polícia Militar (BPM) iniciou na manhã dessa quarta (6), em Ouricuri, a operação Papai Noel, que consiste em ampliar o trabalho de segurança pública no Centro da cidade, Neste final de ano dará suporte em segurança diariamente. O trailer foi inaugurado com a presença de comerciantes, CDL e comando da PM, o comandante Sargento André Luiz, subcomandante Major Carvalho. Os policiais da ROCAM e GATI que trabalharão no local foram transferidos há poucos dias para Ouricuri.

Para Edilson Silva presidente da CDL, este é um momento especial porque a presença da polícia vai trazer mais segurança para o centro comercial.

“Pelos ocorridos que vem acontecendo principalmente no comércio, já enviamos mais de três ofícios para o governo paulo Câmara e mais um na visita do Secretário de Defesa Social e graças a Deus deu certo. Isso é fruto também daquele encontro que tivemos há 15 dias atrás. Isso vai fazer com que a cidade seja vista com mais segurança”, disse Edilson

O comandante André Luiz disse que o compromisso da polícia, é inibir e as tentativas de assaltos no comércio de Ouricuri, que a polícia deverá trafegar em duplas em motos e as ocorrências serão repassadas para a polícia em tempo real através de um grupo de Whatsapp.

“Esse lançamento oficial é um projeto que fizemos em parceria com a CDL de Ouricuri, já que dezembro é um mês que traz certo incremento de dinheiro ao mercado, nós fizemos uma avaliação prévia e constatamos que 90% das denúncias, era de casos aqui no centro, no comércio. Nós vamos ter duplas de policiais militares exclusivamente para o comércio com o apoio das motos da Rocam e também temos o grupo de Whatsapp Comércio Seguro e já começamos a cadastrar os comerciantes para receber informações em tempo real”, disse o comandante.

Por Cidinha Medrado


Vereadores aprovam projeto que proíbe a ideologia de gênero nas escolas de Trindade

por Redação Nossa Voz 7 de Dezembro de 2017 às 17:37
categoria: Sertão do Araripe

 

O projeto 09/2017 do vereador Francisco Diassis Pereira Freire (Popular Serra Branca) que proíbe a discussão de ideologia de gênero nas escolas do Município, o plenário da câmara lotou com a presença de representantes civis, educadores, religiosos representados pelo Pe. Domingos Pedro e também, o Pastor Eronildo Braz, além de famílias. Durante a reunião, desta terça (5), houve o debate a respeito do projeto inserido em pauta, por solicitação do vereador, apesar de que um plano da secretaria municipal de educação já tinha retirado as práticas pedagógicas das salas de aula.

O vereador falou sobre o projeto, ele disse que não estava fazendo favor para igrejas, mas repudia o a intenção dos canais de TV que expõem o assunto, que considera afronta às famílias.

“Quero dizer a toda a sociedade, principalmente eu, que apresentei a tramitação deste projeto, não fiz isso para prestar serviços à igreja evangélica e nem a igreja católica, mas para prestar um serviço às famílias que já sofrem diariamente os atentados das novelas que entram em nossa casa sem pedir permissão. O nosso projeto visa somente proibir as atividades pedagógicas no nosso município”, esclareceu Serra Branca

Ele disse também que o projeto está amparado pelo artigo 30 da legislação, que diz “compete ao município legislar sobre o interesse local” e no estatuto da criança e do adolescente. O edil afirmou, que o objetivo maior e proteger a legislação que ampara a criança e adolescente.

Dez vereadores votaram a favor da rejeição e houve justificativa de votos na tribuna. (Foto Portal do Araripe)


Bodocó: vereadora de oposição critica projeto de aumento de imposto e diz que pai do prefeito é quem manda na cidade

por Redação Nossa Voz 7 de Dezembro de 2017 às 17:35
categoria: Sertão do Araripe

Uma polêmica tem tomado conta de Bodocó. O prefeito da cidade, Túlio Alves (DEM), encaminhou para a câmara municipal, um Projeto de Lei (024/2017), onde sugere o aumento na Contribuição de Iluminação Pública (CIP). A proposta do governo é alterar a tabela vigente.

A oposição tem se mobilizado para que a proposta seja reprovada. Na sessão da última terça-feira (05), outros projetos foram aprovados, mas o da CIP, foi adiado. Segundo a vereadora Leninha Diniz (PSD), isso aconteceu porque a situação ficou com medo de uma repercussão negativa, já que o plenário estava lotado de pessoas cobrando a rejeição.

O recesso parlamentar no município começa a partir do dia 15 desse mês. A vereadora Leninha disse acreditar que a bancada do prefeito convoque uma reunião extraordinária para aprovar. Segundo ela, a oposição continuará convocando a população a pressionar. “Têm contas com aumento em mais de40%. Tivemos vários aumentos através do governo federal. Não tem mais que o povo continuar pagando impostos em momentos de crise como esse. Vamos continuar alertando a população e convocando todos que forem contra esse projeto a participar das sessões da câmara e pressionar os vereadores de situação”, disse.

Outra polêmica acrescentada pela vereadora foi a respeito da influência do ex-prefeito Brivaldo Alves (DEM), pai de Túlio, que ocupa o cargo de secretário de governo. De acordo com Leninha, o jovem apenas assina os papéis, mas quem manda é Brivaldo. “Túlio é apenas para assinar papel. Quem governa e determina tudo em Bodocó é Brivaldo, o pai do prefeito”, completou.

BRUNO MORAIS


Capoeira Muzenza de Ouricuri se destaca em encontro regional

por Redação Nossa Voz 5 de Dezembro de 2017 às 17:12
categoria: Sertão do Araripe

O grupo de Capoeira Muzenza de Ouricuri conquistou novos troféus em evento regional na cidade de Petrolina, segundo o professor Jangada (Fernando Vieira coordenador) o grupo vem obtendo excelentes resultados. Teve aluno que se destacou até na modalidade musical, Jangada confirma que a equipe já está treinando para novos eventos.

15 pessoas do Grupo Ouricuri participaram do encontro, eles os destaques está o Corisco que já é Bicampeão em Muzenza no Brasil.

“Foi uma grande alegria divulgar nossa vitória na cidade de Petrolina, 15 pessoas participaram em modalidades diferentes, infantil e adulta. O Tourinho que foi campeão mundial em Fortaleza e o Aerton Romeu, popular Corisco, Bi Campeão, se destacaram. Eles são bastantes dedicados, muitos anos treinando”, disse o treinador.

O grupo de Capoeira Muzenza oferece treinos gratuitos na praça Academia da Saúde no Centro e no Bairro Batalhão. Quem quiser participar pode se apresentar à coordenação durante os treinos. O Muzenza é uma modalidade cultural e existe em vários países.

Por Cidinha Medrado


Menores invadem lagoa de reaproveitamento da Compesa e menina de 13 anos morre afogada

por Redação Nossa Voz 5 de Dezembro de 2017 às 13:24
categoria: Sertão do Araripe

Crianças e adolescentes invadiram na tarde de sábado (2) a sede da Compesa em Ouricuri, na BR 316, no Bairro Capela do São Braz. Na região interna da Companhia, as crianças tomavam banho na lagoa de reaproveitamento, quando uma menina, e por voltas das 15 h, a adolescente Gabriela dos Santos Silva de 13 anos se afogou. Sem ter como socorrer, as crianças ficaram apavoradas. A comunidade chamou a polícia e o Corpo de Bombeiros retirou o corpo da menina, policiais do 7o BPM chegaram ao local e confirmaram a informação, foram feitos os devidos procedimentos.

O Conselho Tutelar foi chamado com urgência, já que os pais da vítima não foram encontrados. Durante o ocorrido, havia apenas um funcionário que estava fazendo os procedimentos de rotina da empresa, mas que não viu a chegada da menina.

O gerente regional João Virgílio lamentou a situação, ele disse que essa não é a primeira vez que crianças e adolescentes invadem a estação para tomar banho.

“Infelizmente ocorreu este fato, crianças pularam, a cerca onde delimitam a área dos nossos sistemas de abastecimento. Ela entrou na lagoa, no tanque de reaproveitamento e acabou se afogando. Eu quero ressaltar a importância da responsabilidade dos pais, é lamentável mas que mostre a eles sua responsabilidade para que não permitam que suas crianças fiquem por ai sem segurança”, Disse João.

Por Cidinha Medrado


I Conferência Intermunicipal de Educação aconteceu em Ouricuri

por Redação Nossa Voz 4 de Dezembro de 2017 às 18:28
categoria: Sertão do Araripe

A I Conferência aconteceu na sexta-feira (1) na Escola Moysés Mendes da Costa, no Bairro Nossa Senhora de Fátima. Secretária das cidades de Ouricuri, Bodocó, Exu, Granito, Santa Cruz, Trindade, Ipubi e Moreilândia, se reuniram no encontro sob o tem: Consolidação do Sistema Nacional de Educação - SNE e o Plano Nacional de Educação - PNE: monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social, pública, gratuita e laica.



Com o propósito de discutir e deliberar sobre os rumos da Educação pública com equidade social, garantia do acesso e permanência e qualidade do desenvolvimento social, oito eixos compuseram as discussões. Bodocó discutiu o eixo IV - Planos decenais, Sistema Nacional de Educação (SNE) e democratização da Educação: acesso, permanência e gestão.

O dia dos educadores foi bem movimentado, o evento iniciou as 07.20h com um coffee break, seguindo com abertura oficial, palestras e apresentação de eixos temáticos. Cada cidade destacou as necessidades e importância para cada eixo.

Durante a Conferência foram debatidos planos essenciais para melhorias nas escolas municipais como qualidade, avaliação, democratização, direitos humanos, justiça social, formação, carreira, entre tantos tópicos citados nos eixos temáticos de cada secretaria.

Por Cidinha Medrado