asdasdasdasd

Cenário energético é tema de discussão e prefeito garante que Petrolina será 100% sustentável

por Redação Nossa Voz 27 de Abril de 2017 às 14:27
categoria: Cotidiano

O cenário energético nordestino foi o tema de um debate realizado na manhã de hoje, dia 27, durante o I Fórum de Energias do Sertão, em Petrolina. O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE), Ricardo Essinger, enfatizou que com o desenvolvimento acelerado das indústrias, em breve, a energia fornecida não será o suficiente para o abastecimento da região.

“Aqui [o Vale do São Francisco] é um ícone na produção de energia. Mas devido a problemas do rio, tem reduzido essa produção. E todos precisam ter conhecimento do setor de energia elétrica. Os problemas estruturais precisam ser discutidos e pensar no futuro. No momento atual, estamos supridos, mas se a indústria crescer, a energia não vai dar conta”, explicou o presidente.

O diretor regional da FIEPE, Albânio Nascimento, explicou que o nordeste é ideal para a aplicação de projetos de energias renováveis devido a diversos fatores, por isso é preciso pensar novas formas de produção de energia. “Existem muitos grupos internacionais que estão participando dos leilões e ganhando. Nem todo local se apropria para colocar um investimento desse. Mas aqui temos em Sobradinho, Casa Nova e Campo Formoso [todas na Bahia]”, enfatizou.

De acordo com o economista e diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura, Adriano Pires, Petrolina precisa de uma política de regionalização da energia. Para isso, é preciso que o prefeito descentralize o poder que está, segundo ele, em Brasília. “Eu acho que a gente está atrasado. Precisa-se de políticas mais regionalizadas com mais poder aos prefeitos e aos governadores”, disse.

Em contrapartida, o prefeito Miguel Coelho (PSB) garantiu que a prefeitura tem trabalhado na distribuição de energia, e que ela será a primeira cidade 100% sustentável do país. “A gente não tem abonança de vento como na Bahia, mas temos solo. Estamos liderando um projeto para que todo o nosso consumo seja proveniente da energia solar. Vamos servir de base para outras cidades que têm o solo como o nosso”, explicou.

O ministro de Minas e Energia, Fernando Filho (PSB), fez um panorama da atual situação energética do nordeste, destacando que serão realizados investimentos em novas formas de produção de energia. Ele destacou ainda sobre o projeto da usina heliotérmica de Petrolina que deve produzir energia através do calor solar e vapor. “Vão ser 40 milhões de investimentos e o objetivo principal será estudar novas aplicações da energia solar. Vamos iniciar a obra em junho – no mais tardar – e devemos concluir em 12 meses”, garantiu.

Gabriela Canário


Em alusão ao Dia Nacional de Combate à Hipertensão profissionais do HDM e UPAE fazem alerta

por Adriana Rodrigues 27 de Abril de 2017 às 12:00
categoria: Saúde

O Dia Nacional de Combate à Hipertensão Arterial (26 de abril) é um marco de luta contra a doença que mata 300 mil brasileiros por ano (820 mortes por dia, 30 por hora ou uma a cada 2 minutos). A data sugere um alerta e propõe um momento de conscientização, visto que na última década o número de pessoas com hipertensão no país cresceu 14,2%. 

De acordo com o coordenador médico da Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina, Elson Marques, é crescente também o número de pessoas que procuram as urgências e emergências por conta das síndromes hipertensivas descontroladas. 

“Percebemos isso no nosso dia a dia, pois a hipertensão é uma doença silenciosa e que se apresenta muitas vezes com os sintomas de dor de cabeça, cansaço, tonturas e sangramento nasal. E esse quadro, muitas vezes, leva o paciente a procurar o serviço de saúde. Isso sem falar das situações mais graves, pois as consequências mais importantes da pressão alta estão relacionadas ao risco de infarto agudo do miocárdio e acidente vascular cerebral”, esclarece. 

É considerado hipertenso o indivíduo que, em repouso, apresenta a pressão igual ou superior a 14 por 9. Esse é o número de corte. Para ajudar no diagnóstico, adultos devem medir a pressão arterial a cada seis meses, principalmente se houver histórico na família, e crianças também devem aferir a pressão com regularidade, pois não estão livres do problema. Além da hereditariedade, os principais fatores de risco para o desenvolvimento da doença são: consumo de álcool; obesidade; idade; ingesta excessiva de sal; sedentarismo; tabagismo; alterações dos níveis de colesterol e diabetes. 

Hipertensão na gestação

Segundo o médico obstetra do Hospital Dom Malan, Marcelo Marques, a hipertensão na gestação é a principal causa de morte materna no Brasil. E as consequências podem se estender ao bebê, já que muitas vezes a gestação precisa ser interrompida antes do tempo. “Em alguns casos, a única forma de salvar a mãe é realizando o parto prematuro. Por isso, a gestação de uma grávida hipertensa deve ser acompanhada em uma unidade referenciada para o pré-natal de alto risco”, ressalta o profissional.  

O aumento da pressão sanguínea diagnosticado durante a gestação em mulheres que nunca haviam antes demonstrado o problema é classificado como doença hipertensiva específica da gestação (DHEG). Esse é um dos distúrbios mais comuns em grávidas e se apresenta de duas formas: como pré-eclâmpsia e eclâmpsia. Esse agravo é caracterizado pela pressão muito elevada escoltada de outros sintomas mais graves, como convulsões e inchaços. Nesse estágio da DHEG, a vida da mãe e do bebê entra em risco.

“A gestante que já era hipertensa também está em risco e deve controlar a pressão arterial através de medicamentos prescritos pelo médico, dieta saudável e exercícios moderados. Em alguns casos, é recomendado o uso de AAS infantil e cálcio”, orienta Marcelo. 

Outras dicas importantes

Pratique caminhadas, diminua o sal na dieta, perca peso, beba com moderação, apague o cigarro, reduza o estresse, faça uso de vitamina D, monitore o seu coração, pratique sexo seguro e faça atividades ao ar livre com as crianças. Hábitos de vida saudáveis contribuem com a prevenção e o controle da maioria das doenças.


Termina amanhã prazo para declarar Imposto de Renda

por Adriana Rodrigues 27 de Abril de 2017 às 12:00
categoria: Economia

Nesta sexta-feira (28), às 23h59, termina o prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2017. Até 17h dessa quarta-feira (26), 7,5 milhões de 28,3 milhões de declarações que a Receita Federal projeta receber ainda não haviam sido entregues. Mas o superintendente do Imposto de Renda, Joaquim Adir, diz que a meta será cumprida “sem dúvida”.

Explica que já é esperado que boa parte dos contribuintes deixe a entrega para a última hora. No caso de pessoas que não poderão fazer a declaração completa em tempo hábil, ele diz que, na maioria dos casos, o melhor é entregar incompleta e fazer a retificação mais tarde.

No entanto, ele lembra que nem sempre a recomendação significa que o contribuinte não terá despesas. Caso, após a entrega, se constate na declaração retificadora que há imposto a pagar ou diferença de valor em relação à declaração original, por exemplo, o contribuinte deverá pagar multa sobre esse imposto.

A declaração é obrigatória para quem recebeu rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano passado. Precisa ainda declarar quem recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40 mil; quem obteve, em qualquer mês de 2016, ganho de capital na alienação de bens ou direitos sujeito à incidência do imposto ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias e de futuros.


Veja quais categorias paralisam atividades na greve geral desta sexta

por Adriana Rodrigues 27 de Abril de 2017 às 12:00
categoria: Regional

A sexta-feira 28 de abril de 2017 não será um dia comum no Brasil, pelo menos no que depender das centrais sindicais. A promessa dos grupos é que várias categorias participem da greve geral em protesto à reforma da Previdência e à reforma trabalhista em discussão na Câmara e propostas pelo governo Temer.

Confira abaixo quais são até o momento:

Rodoviários

Os funcionários vinculados ao Sindicato dos Rodoviários (STTREPE) decidiram aderir à greve geral desta sexta-feira (28). A decisão foi comunicada durante a caminhada realizada no final da tarde desta segunda (24), que protestava contra a retirada de cobradores das linhas de ônibus. De acordo com Genildo Pereira, do STTREPE, a decisão foi unânime entre os sindicalizados. A suspensão dos serviços começará à 0h da sexta, voltando às atividades regulares no dia seguinte.

Bancários

Em assembleia realizada na terça-feira (18), os profissionais decidiram aderir ao movimento nacional, que também protesta contra a Lei da Terceirização, aprovada no final de março.

Metroviários

O setor de transportes também pode ser impactado pela paralisação. Os metroviários vinculados ao Sindmetro-PE também se mostraram favoráveis às atividades do dia 28. Um estado de greve foi decretado no último dia 19 e uma nova assembleia nesta terça (25) define se eles paralisam ou não nesta sexta.

Polícia Civil

Os policiais civis de Pernambuco, na útlima quarta-feira (19), indicaram que também vão cruzar os braços em protesto contra às reformas trabalhista e previdenciária. O ato se estende pelas 24 horas do dia 28. A decisão foi definida duas semanas após o STF determinar inconstitucional a deflagração de greve por policiais e servidores públicos da área de segurança pública.

Trabalhadores dos Correios

Os trabalhadores dos Correios em Pernambuco decidiram entrar em greve por tempo indeterminado durante assembleia realizada na noite desta quarta-feira (26) no Clube Português, Zona Norte do Recife. A decisão reforça o movimento nacional, que é contra as demissões, fechamento de agências e possibilidade de privatização. As atividades começam a ser suspensas já a partir das 22h desta quarta. A estatal afirma que os prejuízos somaram R$ 2 bilhões no ano passado.

Servidores da Alepe

O Sindicato dos Servidores no Poder Legislativo do Estado de Pernambuco (SINDLEGIS) declarou que os servidores da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) se unem ao dia nacional de paralisação, nesta sexta. O grupo fará panfletagem para mobilizar os demais funcionários até o dia da greve geral.

Guardas municipais

Insatisfeitos com o tratamento recebido pela Prefeitura do Recife, os guardas municipais decidiram aderir à paralisação geral que acontece no próximo dia 28. Segundo o presidente do Sindguardas Recife, Ewerson Miranda, nada do que foi prometido e assinado em acordo realizado no início do ano, foi cumprido. 

Aeronautas

Em assembleia realizada nesta segunda-feira (24), os aeronautas decretaram estado de greve e, na próxima quinta-feira (27), decidirão se cruzarão os braços. Segundo o Sindicato Nacional dos Aeronautas, as assembleias foram realizadas em São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Brasília e Porto Alegre.

Servidores Administrativos Fazendários de Pernambuco

Segundo o Sindicato dos Servidores Administrativos Fazendários de Pernambuco, toda a categoria irá paralisar as atividades em apoio ao movimento de greve geral, nesta sexta-feira (28). De acordo com a classe, o governo vem promovendo grandes ataques aos nossos direitos sociais através das reformas da Previdência e Trabalhista.

Servidores do Ministério Público de Pernambuco (MPPE)

Em assembleia realizada nesta quinta (20) no Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Pernambuco Sindsemppe), os servidores do MPPE, decidiram aderir a greve geral. A concentração será a partir das 12h na Praça do Derby. Promotores e procuradores vão apoiar a manifestação no Derby.

Federação Nacional dos Petroleiros (FNP)

A federação confirmou que vai paralisar as atividades durante o dia 28 de abril para aderir à greve geral. 

Sindicato dos Correios

O Sindicato dos Trabalhadores da Empresa de Correios e Telégrafos de Pernambuco (SINTECT-PE) vai realizar assembleia na próxima quarta-feira (26), às 18h30, para decidir se deflagra greve por tempo indeterminado em todo o Estado. A categoria informou, entretanto, que independentemente do que for determinado nesta reunião, participará da paralisação geral do dia 28. As reivindicações da categoria incluem críticas à gestão da empresa, como proibição de férias até maio de 2018 e defasagem salarial.

Professores da UFPE

Em assembleia geral extraordinária realizada pela ADUFEPE , os docentes da UFPE decidiram por paralisação no dia 28 de abril em adesão à Greve Geral. A assembleia também aprovou por unanimidade a contrariedade dos docentes às reformas da previdência, trabalhista, às terceirizações e à cobrança de mensalidade em universidades.

Sindsprev

Os servidores públicos federais de Pernambuco irão aderir à paralisação nesta sexta-feira (28). Com a greve da categoria, serviços prestados no Ministério da Saúde e nas agências do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) serão afetados.

Agentes penitenciários

A categoria publicou nota nesta segunda-feira (24) confirmando sua adesão ao movimento grevista.

Auditores Fiscais do Estado e Julgadores Tributários

Filiados ao Sindicato dos auditores fiscais e julgadores tributários do Estado de Pernambuco (Sindfisco) também declararam apoio à greve geral, que é contra a Lei da Terceirização e às reformas trabalhista e previdenciária.

Professores e servidores civis do Colégio Militar do Recife

Outras categorias que participam da paralisação geral do próximo dia 28 é a dos professores e a dos servidores civis do Colégio Militar do Recife (CMR). A decisão foi tomada em uma assembleia da Sinasefe-CMR, sindicato que representa os grupos.

Servidores Municipais do Recife

Os servidores municipais do Recife decidiram, em assembleia, aderir a greve geral. No dia da paralisação, sexta (28), o Sindicato dos Servidores Municipais do Recife (Sindsepre) vai realizar uma nova assembleia da categoria no Pátio da Câmara Municipal às 9h. O SINDSEPRE representa os/as servidores/as de todas as Secretarias da Prefeitura, inclusive o setor de Finanças, Controle Urbano, Fiscalização, as empresas e autarquias municipais: URB, EMLURB, CSURB, CTTU, EMPREL e os serviços das Farmácias, Assistência Social, Creches, CAPS e setores administrativos.

Polícia Rodoviária Federal

Por unanimidade, os PRFs decidiram aderir à paralisação geral que acontece nesta sexta-feira (28). O presidente Frederico França convidou a todos para também apoiarem nos demais atos que devem acontecer relacionados ao tema.

Professores da rede particular

Os professores da rede privada de ensino vão paralisar as atividades e se integrarão às demais que categorias que vão parar nesta sexta (28). O Sinpro, sindicato da categoria, está organizando uma assembleia nesta quarta-feira (26) para definir se aceitam a proposta oferecida pelos donos dos colégios, mas a entidade já confirmou que os profissionais de ensino vão participar da greve geral

Simpere Recife

O Sindicato Municipal dos Professores da Rede de Ensino do Recife determinou que seus profissionais também paralisem as atividades nesta sexta-feira (28).

Servidores do TCE-PE

Os servidores do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE) vão apoiar a paralisação nacional geral convocada para o próximo dia 28 contra as reformas propostas pelo presidente Michel Temer. A decisão foi tomada em Assembleia Geral Extraordinária convocada pelo Sindicato dos Servidores do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (Sindicontas-PE), nesta terça-feira (25), que representa cerca de 700 servidores.

Professores estaduais

 

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe) informa à população que todas as unidades de ensino da rede estadual estarão fechadas nesta sexta-feira (28), mediante a participação da categoria na Greve Geral. A decisão dos trabalhadores em Educação de Pernambuco em fortalecer a luta nacional contra as Reformas da Previdência e Trabalhista e parar as suas atividades foi tomada em Assembleia Geral realizada no dia 19 de março, no Teatro Boa Vista.

Professores da UPE

Por conta da paralisação nesta sexta-feira (28), os professores da Universidade de Pernambuco (UPE) irão suspender as atividades.

Procuradores e promotores

A Associação do Ministério Público de Pernambuco, entidade que representa promotores e procuradores de Justiça do Estado, vai apoiar as manifestações desta sexta-feira (28). Promotores e procuradores irão à concentração dos manifestantes, na Praça do Derby, a partir das 15h, e não estarão em atividades nas promotorias.


Sessão da Câmara será às 18h nesta quinta-feira (27) no Bairro Santa Luzia

por Adriana Rodrigues 27 de Abril de 2017 às 12:00
categoria: Regional

A sessão ordinária dessa quinta-feira (27) da Câmara de Vereadores de Petrolina vai acontecer na Escola Luiz Rodrigues de Araújo, localizada na Rua 10, do bairro Santa Luzia, às 18h.

É a primeira sessão itinerante de 2017, solicitada pela Vereadora Cristina Costa (PT), a pedido de lideranças comunitárias daquela região da cidade. Em pauta,  temas de interesse das comunidades do  Dom Avelar, Terras do Sul, Mandacaru, Parque Mandacaru, São Jorge, São Joaquim e Santa Luzia, a exemplo da segurança, saneamento básico,  saúde e regularização fundiária.


Série de concertos no Parque Municipal de Petrolina sofre alteração de datas

por Adriana Rodrigues 27 de Abril de 2017 às 12:00
categoria: Cotidiano

O projeto Parque Sonoro, que iniciaria amanhã (28) uma série de concertos no Parque Municipal Josepha Coelho, em Petrolina, sofreu mudança nas datas de realização. A primeira apresentação, que estava prevista para esta sexta-feira (28), precisou ser remarcada, já que a Escola Municipal Eliete Araújo Souza, cujos alunos fariam parte da apresentação, irá aderir à greve geral. 

Com a mudança, a primeira apresentação da série fica remarcada para o dia 07 de Maio. As apresentações seguem com concerto didático com escolas municipais nos dias 12 e 14/05 quando a regência fará uma homenagem ao Dia das Mães.

Para encerrar a ação, no dia 21/05, o Projeto levará ao Parque Municipal um repertório diversificado com vários estilos musicais. O projeto ‘Parque Sonoro’ é promovido pela Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes. Os concertos são executados pela Philarmônica 21 de Setembro e pela Orquestra e Coro Novos Talentos.  A programação é gratuita e todas as apresentações acontecem a partir das 10h.


Psicóloga conversa sobre o Jogo Baleia Azul

por Mário Souza 27 de Abril de 2017 às 10:34
categoria: Saúde

A psicóloga Aline Meneses do Núcleo de Apoio a Saúde da Família da Secretaria de Saúde de Cabrobó-PE, conversou com o repórter Mário Souza do Programa Nossa Voz da Grande Rio FM, sobre o Jogo Baleia Azul, que tem lavado vários jovens a morte.

Entenda como o jogo se desenvolve e porque as famílias, professores e amigos devem estar atentos. Saiba como perceber indícios de que um adolescente pode estar participando do jogo e o que fazer.

Clique aqui e ouça a entrevista;

 

 


Correios de Petrolina deflagram greve por tempo indeterminado

por Redação Nossa Voz 27 de Abril de 2017 às 09:43
categoria: Regional

A partir de hoje, os funcionários dos Correios de todo Brasil devem cruzar os braços. Em assembléia realizada ontem, todo o Estado decidiu aderir a mobilização nacional. Segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos, Antonio Lira, a categoria, decidiu deflagrar greve por tempo indeterminado devido a uma série de fatores, dentre os quais está a possibilidade de privatização e demissões, o fechamento de agências e o "desmonte fiscal" da empresa, com diminuição do lucro devido a repasses ao governo e patrocínios e a suspenção de férias de todos os trabalhadores. "Quem  tinha viagem marcada, teve que remarcar para outra data", lamentou.

De acordo com o diretor, em Pernambuco, 95% dos funcionários aderiram ao movimento. Em todas as agências dos Correios de Petrolina na manhã desta quinta-feira (27), funcionários estão concentrados com objetivo de ratificar a greve. "O atenmdimento aqui em Petrolina é péssimo, eu como servidor, como representante sindical reconheço. Já vi várias discussões com a população, não tem pessoas que tenham preparação para atender esse público. Se não chega as correspondências, eles tem que ir buscar, quando vão buscar não são atendidos", criticou.

Antônio Lira disse que a atual situação dos Correios é questão política. Ele chamou a atenção dos representantes locais. "Aqui tem um grupo político muito forte, se eles quiserem mudar eles podem, se não, a população precisa ver em quem depositou confiança". Lira deixou claro que se as pautas não forem atendidas a categoria não vai retroceder ao que ele chama de "ataques".

Com a definição, a partir de hoje, os serviços de entrega de correspondências, malotes e outras atividades serão suspensas ou reduzidas. Todos os serviços de entrega postal serão afetados pela medida, enquanto a greve for mantida. 


Servidores do IF Sertão-PE aderem à Greve Geral desta sexta-feira (28)

por Redação Nossa Voz 27 de Abril de 2017 às 08:38
categoria: Cotidiano

O Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE) informa à comunidade acadêmica e à população em geral atendida pelas oito unidades de lotação que, nesta sexta-feira (28), os serviços estarão paralisados em decorrência da adesão dos servidores da Reitoria e dos sete campi à Greve Geral. 

No IF Sertão-PE, o Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Pernambuco (Sindsep/PE) e a seção local do Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (Sinasefe) realizaram assembleias que aprovaram a paralisação em todas as unidades. 

A Greve Geral foi convocada por oito centrais sindicais do país e a principal pauta é a luta contra as reformas da Previdência e trabalhista e a Lei da Terceirização. 


“Programa Feira Limpa” da Prefeitura de Petrolina chega ao bairro João de Deus

por Redação Nossa Voz 27 de Abril de 2017 às 08:35
categoria: Cotidiano

A Prefeitura de Petrolina dá continuidade ao mutirão de limpeza nas feiras livres da cidade: Nesta quarta-feira (26), foi a vez da feira do bairro João de Deus, zona oeste do município.

Os trabalhos começaram cedo e, na ocasião, cerca de 10 funcionários da prefeitura executaram os serviços de limpeza e higienização do local, para deixar o ambiente com melhores condições de uso para os feirantes e consumidores que frequentam o espaço.

De acordo com o diretor de feiras, Tony César, esse tipo de ação é importante para manter a organização e fazer com que a limpeza seja mantida, além de conscientizar os feirantes de jogar os restos e resíduos de produtos nos locais corretos.

O mutirão faz parte das ações da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário, através da Diretoria de Feiras, com a parceria da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade. A ação continua na próxima quarta-feira (3), quando o programa chegará ao bairro Jardim Maravilha.