Atriz e cantora Cindy Mendes, de “Antônia”, morre aos 38 anos

0
241

A atriz Cindy Mendes, que ficou conhecida por seu papel no filme e série “Antônia” (2006), faleceu aos 38 anos no domingo (8/1), na cidade de São Paulo. A artista não resistiu após complicações de uma pneumonia.Atriz e cantora Cindy Mendes, de “Antônia”, morre aos 38 anos© Divulgação/TV Globo

As ex-colegas de elenco Leilah Moreno (“Pico da Neblina”), Negra Li (“As Minas do Rap”) e Quelynah, prestaram homenagens à amiga pelas redes sociais.

Numa publicação no Instagram, Leilah lamentou a morte precoce de Cindy. “O coração está apertado em dar esta notícia! Obrigada por ter feito parte de um projeto tão importante que representou meninas do Brasil todo”, começou.

“Sua rima, sua voz, sua interpretação estão eternizadas no cinema e em nosso coração. Esteja certa que cumpriu seu tempo na terra e fez muita gente feliz! Sim, você brilhou muito como uma diva! Diva incompreendida e ‘pouco reconhecida’ como você mesma dizia.”

Leilah acrescentou que Cindy ainda pode vir a receber o devido reconhecimento. “Talvez um dia todos ouçam sua arte e conheçam seu valor! Todo meu amor e força a família. Meus sentimentos a todos os fãs e amigos! Seguimos aqui com amor e saudades”, concluiu.

Já a cantora Quelynah declarou que não tem palavras para se despedir da atriz. “Não sei o que dizer, mas sei o que sinto!”, escreveu na rede social.

“Eu só preciso dizer obrigada, irmã. Fizemos sim história, viu? E você foi parte disso. Obrigada pelo seu talento. Você é de muita luz, sim! Agora vai brilhar no céu. Minha linda irmã. Você é e será sempre uma Antônia! Te amo!”, disse.Pernambuco: Projeto libera 30 cursos sem mensalidades.

Pernambuco: Projeto libera 30 cursos sem mensalidades.

A cantora Negra Li, por sua vez, declarou estado de “Luto” nos Stories do Instagram.

O aclamado rapper Emicida também lamentou a morte da artista. “Notícia triste demais”, comentou.

“Uma estrela brilhou na terra, nos palcos, nas telas e agora foi brilhar no céu”, escreveu a diretora Tata Amaral, responsável por “Antônia”, nos stories.

Cindy Mendes começou a carreira de modelo e atriz no teatro Macunaíma aos 7 anos de idade. Formada pelo teatro paulista, ela atuou em inúmeras montagens musicais, como “O Mágico de Oz”, “All That Jazz”, “Black Cat”, entre outros.

A atriz ganhou destaque quando a Globo colocou no ar “Antônia”, que mostrava a jornada de quatro mulheres que tentavam se tornar cantoras. Elas retratavam moradoras da Vila Brasilândia, localizada na periferia da Zona Norte paulistana.

“Há muita coisa parecida na vida da personagem Lena e na minha vida. Além de também começar na igreja, eu já trabalhei nos semáforos antes de cantar profissionalmente. Uma das maiores dificuldades era conciliar o trabalho com os ensaios”, disse Cindy à Folha de São Paulo, na época do lançamento.

Em 2006, Cindy lançou seu primeiro álbum solo “Cindy – Grite Alto” a convite da gravadora Universal Music. Na época, o disco foi considerado um dos melhores álbuns de hip-hop brasileiro pela crítica.

Ao longo de sua carreira, Cindy participou de premiações como Troféu Raça Negra ao lado da cantora consagrada Sandra de Sá. Ela também esteve presente em grandes eventos como no Festival de Cinema de Berlim e no Festival de Cinema de Paulínia.

(Fonte: msn)