asdasdasdasd

Miguel inaugura novo posto de saúde e amplia atendimento médico no Alto do Cocar

por Gabriela Canário 19 de Junho de 2018 às 11:19
categoria: Saúde



O prefeito Miguel Coelho entregou, na noite desta segunda-feira (18), a terceira Unidade Básica de Saúde de um conjunto de dez que serão abertas nos próximos meses. Dessa vez, a comunidade beneficiada foi a do bairro Alto do Cocar. A solenidade de inauguração teve a presença do senador Fernando Bezerra, do deputado Fernando Filho, vereadores e moradores da comunidade.



A nova UBS funcionará de segunda à sexta, no horário das 7h às 17h, na Rua 20. O posto contará com a estrutura preconizada pelo Ministério da Saúde, com recepção, salas de vacina, procedimentos e curativos; consultórios médico e odontológico; e assistência farmacêutica.



Com a abertura do posto, o bairro passa a ter atendimento exclusivo e diminui a carga de pacientes na AME Gaudêncio Nascimento, no Jardim Amazonas. “Estamos descentralizando e aproximando o serviço médico e odontológico das comunidades com esses novos postos de saúde. Esse trabalho faz parte de um conjunto de ações para melhorar a saúde do povo de Petrolina, que deve ser sempre a prioridade da Prefeitura”, justificou o prefeito Miguel Coelho.



Além da UBS do Alto do Cocar, foram entregues nas últimas semanas os postos de saúde do Mandacaru e N-6. Outras sete estruturas serão abertas em bairros como Idalino Bezerra, N-4 e Jardim Maravilha.


Superlotado, Hospital Universitário recebe mais vítimas de acidentes que instituições metropolitanas

por Gabriela Canário 12 de Junho de 2018 às 16:23
categoria: Saúde

Referência no atendimento a traumas na região, o Hospital Universitário, em Petrolina, registrou, apenas nos primeiros quatro meses deste ano, mais de 2.500 acidentes, sendo que, aproximadamente ¾ desse total possuem envolvimento com motocicletas. Em 2017, foram 7.841 no total. Mensalmente, são cerca de 650 pacientes atendidos na instituição.

E, o que há de elevado em número de atendimentos, fica faltando de suporte em nível de espaço, equipamentos e quantidade de profissionais para isso. Mais de 600 dos colaboradores da área de saúde, entre médicos e enfermeiros, desdobram-se em turnos para dar conta de uma demanda que está acima da capacidade operacional, chegando a 160%. De acordo com a chefe da Unidade de Vigilância, Daniely Figueiredo, o Hospital Universitário atende um número mais elevado que instituições maiores da região metropolitana do estado. Ela explica que o HU, em Petrolina, é o único a utilizar o Sistema de Informação de Notificações de Agravo dos Acidentes de Transportes Terrestres.

“São unidades sentinelas que fazem essas notificações, sendo que em Recife são os de grande [porte]. Dentre os 17 [hospitais] no estado de Pernambuco, somos os que mais tem notificação de transporte e quando a gente vai comparar isso em relação aos Hospitais da região metropolitana, nós somos os que temos menos leitos. Juntando pelo menos três ou quatro hospitais da região metropolitana, eles tem dez vezes mais leitos do que a gente e, independente desse quantidade de leitos deles ser maior, a gente continua recebendo muito mais vítimas de acidentes”, explicou Figueiredo.

O Hospital Universitário possui, atualmente, 141 leitos em atividade. Entretanto, 12 leitos de UTI estão bloqueados, por conta do número insuficiente de profissonais. O órgão atende pacientes de mais de 50 municípios e se encontra com toda a infraestrutura de suporte à vida (nas Salas de Emergência e Unidade de Tratamento Intensivo) totalmente ocupada e sobrecarregada. “É impossível. A gente se desdobra”, desabafou Figueiredo. Agora, em vésperas de Festejos de São joão na cidade, o caso pode ser ainda mais grave. “A gente tem uma intensificação porque os acidentes aumentam e a gente tenta reforçar a logística dentro do próprio hospital e com a rede”, completou.


SAMU inicia preparativos para atendimentos no São João de Petrolina

por Karine Paixão 11 de Junho de 2018 às 10:52
categoria: Saúde

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) vai marcar presença no São João de Petrolina. Para garantir a segurança de quem vai curtir a folia durante os nove dias de festa, a prefeitura está preparando, junto ao serviço do 192, uma estrutura completa de atenção à saúde no Pátio Ana  das Carrancas.

O stand do SAMU irá disponibilizar uma equipe completa de profissionais com médico, enfermeiro, dois técnicos de enfermagem e um condutor para atendimento no local, além de uma ambulância de suporte avançado para possíveis remoções. A novidade deste ano é que o portão estratégico para a saída da ambulância será com acesso direto à BR (via aeroporto) e não mais no estacionamento, como nos anos anteriores.

De acordo com a Coordenadora Geral do SAMU de Petrolina, Laís Cabral, a medida visa facilitar o atendimento de urgência às pessoas que precisarem. “A decisão de modificar o local foi para garantir maior agilidade no atendimento das ocorrências e remoções, caso sejam necessárias. Com a saída direto na BR, pretendemos fugir dos engarrafamentos que possam atrapalhar o trabalho do SAMU”, destaca.

O stand terá estrutura para realizar procedimentos básicos em saúde, como administração de alguns tipos de medicação, aferição de pressão arterial e verificação de glicemia. “A nossa estrutura e os profissionais do SAMU estarão habilitados pra atender a todas as situações de emergência, desde o socorro às vítimas que exageram no consumo de bebidas alcoólicas, quedas de pressão e até ferimentos”, ressalta Laís. (Ascom PMP)


Secretaria da Saúde informa mudança de endereço em Juazeiro

por Gabriela Canário 6 de Junho de 2018 às 08:43
categoria: Saúde



Com o objetivo de garantir maior acessibilidade e mais comodidade para a população de Juazeiro, a Secretaria da Saúde localizada atualmente na Praça Barão do Rio Branco, área central da cidade, informa que em breve estará funcionando em novo endereço. Ao longo desta semana, (04 a 08) as equipes estarão realizando a mudança para o prédio do Antigo SAC, localizado no Shopping Água Center, na Avenida Adolfo Viana.



Para a Secretária de Saúde, Fabíola Ribeiro, a mudança irá proporcionar conforto e qualidade no atendimento à população. “Pedimos a compreensão da população e nossos esforços são para garantir qualidade e comodidade no atendimento. O prédio da prefeitura não dispõe de acessibilidade para as pessoas portadoras de necessidades especiais e isso estava se transformando em transtorno para nós, prestadores de serviços e mais ainda para o usuário do serviço. Em breve estaremos divulgando a data de inauguração, esse primeiro momento é para conscientizar e alertar sobre a mudança”, explicou.


Nova UBS garante retorno de médicos e dentistas permanentes na comunidade do Mandacaru

por Gabriela Canário 4 de Junho de 2018 às 10:02
categoria: Saúde



Após mais de cinco anos, o bairro Mandacaru voltou a contar com uma Unidade Básica de Saúde (UBS) exclusiva para atendimento médico e odontológico dos moradores da comunidade. Na noite desta sexta (1°), o prefeito Miguel Coelho entregou o equipamento para o local, numa solenidade com a presença do deputado Fernando Filho, vereadores, secretários e centenas de moradores.  



A estrutura funcionará na Rua Quadra M, sempre de segunda à sexta, com médicos, enfermeiros, dentistas, agentes de saúde e diversos técnicos. O novo posto foi equipado com recepção, salas de vacina, procedimentos e curativos, consultório médico, odontológico e assistência farmacêutica.



Durante a inauguração, o prefeito ressaltou a importância de levar o atendimento médico e odontológico para perto dos moradores do Mandacaru. “O formato que se usava antes concentrava o serviço e dificultava o acesso. Aqui no Mandacaru, por exemplo, as pessoas tinham que andar mais de 2 km para uma simples consulta. Agora estamos reorganizando a rede de saúde e invertendo essa lógica, com um serviço de qualidade perto da casa dos moradores”, justificou Miguel.



O atendimento mais próximo da comunidade foi comemorado por dona Maria Lenice, moradora do Mandacaru há mais de 15 anos. “A gente tinha que sair de madrugada, correr riscos de ser assaltada muitas vezes e no final nem ser atendida. Agora, ficamos mais tranquilos porque temos um posto de saúde dentro de nosso bairro e não precisaremos mais ir até o Antonio Cassimiro para receber o tratamento”, resumiu.



Além do Mandacaru, recentemente, a comunidade do N-6 recebeu da Prefeitura de Petrolina uma nova Unidade Básica de Saúde. Outros oito postos serão inaugurados nos próximos meses em bairros como o Alto do Cocar e Capim.


Prefeitura de Petrolina entregará Unidade Básica de Saúde do bairro Mandacaru

por Gabriela Canário 1 de Junho de 2018 às 08:22
categoria: Saúde

Agora é a vez da comunidade do bairro Mandacaru, em Petrolina, receber sua Unidade Básica de Saúde. A inauguração acontecerá nesta sexta-feira (1°), às 19h. Esse será o segundo equipamento de saúde entregue à população petrolinense em menos de um mês. A primeira entrega aconteceu no Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho-N-6.

O objetivo da prefeitura é descentralizar os serviços de saúde, levando-os novamente para dentro das comunidades. Ao todo serão abertos 10 novos postos de saúde. Atualmente, os moradores do Mandacaru são atendidos por uma equipe de profissionais na unidade de saúde do Antônio Cassimiro.

A Unidade Básica de Saúde contará com a estrutura preconizada pelo Ministério da Saúde e terá recepção, sala de vacina, sala de procedimentos e curativos, consultório médico, consultório odontológico e assistência farmacêutica.

De acordo com a secretária de Saúde em exercício, Marlene Leandro, a descentralização do serviço de saúde foi um compromisso da gestão do prefeito Miguel Coelho. "A ação permitirá ainda mais a aproximação da comunidade com as equipes de saúde. A pessoa que precisa de atendimento fica muito mais tranquila sabendo que poderá ser atendido próximo a sua casa”, destaca.

Os outros dois equipamentos que serão inaugurados ainda este mês serão levados às comunidades do Capim, na zona rural, e no bairro Alto do Cocar.


Quase 4 mil exames serão ofertados gratuitamente em Petrolina

por Gabriela Canário 30 de Maio de 2018 às 07:57
categoria: Saúde

Mesmo diante da crise de combustíveis que dificulta algumas ações, a Prefeitura de Petrolina continua trabalhando para manter os serviços essenciais à população. Prova disso, é o segundo mutirão de exames laboratoriais que acontecerá no próximo sábado (2) na Unidade de Atendimento Multiprofissional Especializado (AME) da Vila Eduardo. A ação irá ofertar cerca de quatro mil exames, atendendo mais de 500 pacientes. 

O mutirão de exames de sangue, fezes e urina visa zerar as filas de espera para estes procedimentos, muitos deles pendentes desde 2014. O agendamento foi feito pela Secretaria Municipal de Saúde, que tem realizado um levantamento do número de pessoas cadastradas que aguardam pelos exames.  As guias estão sendo entregues na unidade de saúde da Vila Eduardo, onde as pessoas devem pegar as requisições, receber orientações e adquirir coletores, caso tenham exames de fezes e urina.

De acordo com a secretária de Saúde em exercício, Marlene Leandro, os mutirões tem o intuito de aumentar a oferta de serviços na rede de saúde do município. “A primeira ação nesse sentido foi muito exitosa. Atendemos mais de mil pacientes do Jardim Amazonas e adjacências, e assim vamos diminuindo a lista de espera, que no início da gestão encontramos com mais de 75 mil pendências, de 2014 a 2016. Temos realizado mutirão de consultas, cirurgias e exames, pensando sempre na oferta de serviços de saúde com excelência”, disse.


Em carta aberta, médicos do Hospital Dom Malan negam negligência e cobram dos políticos

por Karine Paixão 24 de Maio de 2018 às 16:17
categoria: Saúde

Com o intuito de desmistificar os problemas relacionados ao atendimento no Hopsital Dom Malan, a equipe de obstetras divulgou uma carta aberta a população do Vale do São Francisco. No texto, repassado através das redes sociais esses profissionais reafirmam seu compromisso em salvar vidas e cobram dos representantes políticos da região mais empenho na concretização das unidades de saúde voltadas para a ampliação do atendimento das mulheres.

"Os obstetras do serviço de urgência do Hospital Dom Malan ( HDM) vem através desta expressar o repúdio acerca da atual descaracterização do serviço médico prestado por esse hospital. O HDM é uma maternidade de alto risco que presta serviço para mais de 50 municípios de Pernambuco, Bahia, Ceará e Piauí. Aqui são realizados aproximadamente 700 partos por mês, além de outros procedimentos de urgência, cirurgias eletivas, atendimentos de urgência e reavaliações. Por ser a única maternidade de alto risco da região, trabalhamos constantemente com uma capacidade bem acima da permitida, o que leva em algumas situações a ausência de leitos para algumas pacientes. Mesmo assim, tentamos dar o melhor atendimento.

Diante do exposto, as recentes caracterizações (“açougue”, “matadouro”, “hospital de canibais”...) não se adéquam à realidade. Os profissionais que aqui trabalham se esforçam ao máximo para que, diante de toda dificuldade que o serviço público de saúde do Brasil se encontra, os resultados das suas intervenções sejam as melhores possíveis. Infelizmente, em algumas situações não conseguimos salvar as vidas e nesses casos, isso nos provoca um sentimento de tristeza grande.

Atualmente existe no corpo clínico do hospital um sentimento de tristeza por todo desrespeito e exposição que estamos sofrendo por parte da população, mídia local e políticos da região. Sabemos bem que em ano político, aqueles que não atuaram durante os últimos anos servindo à população como deveriam ter feito, vão se aproveitar do sofrimento alheio para posarem de bons políticos. Onde estavam os políticos da região que não providenciaram a construção e funcionamento da maternidade de baixo risco de Petrolina que já foi prometida há muito tempo?

Sabemos também que todas essas manifestações negativas em relação ao HDM, são realizadas por uma minoria da população. Acreditamos muito que a maioria da população do Vale do São Francisco já teve um serviço prestado por este hospital e tem um sentimento de gratidão. Esse acreditar é o que faz com que nossa luta por esse serviço que tem muito a servir ainda a essa região continue.

Portanto, solicitamos a população um voto de confiança e que a luta continue, porém que seja colocado na linha de fogo os verdadeiros culpados. Solicitamos também aos órgãos competentes ações no intuito de, somadas aos nossos esforços realizados no Dom Malan, melhorar a assistência à saúde da mulher e o que o Dom Malan seja, novamente, visto por toda população como um hospital referência e motivo de orgulho para todos".


Casa Bolsa levará atendimento itinerante a comunidades de Petrolina

por Gabriela Canário 24 de Maio de 2018 às 08:20
categoria: Saúde

Através de ações itinerantes, a Prefeitura de Petrolina  tem levado diversos serviços aos beneficiários de programas sociais do município. Uma destas ações, acontecerá na próxima sexta-feira (25), a partir das 8h, no  Residencial Monsenhor Bernardino. 

Na oportunidade, equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos irão realizar cadastramento e atualização de dados do Cadastro Único (CadÚnico), no Centro Comunitário da comunidade. No sábado (26) será a vez dos moradores do bairro Pedra Linda serem atendidos, a partir das 8h, na Unidade de Atendimento AME Josefa de Souza Silva. 

Por conta destas atividades externas, o atendimento na Casa Bolsa de Petrolina ficará suspenso nos dois dias, sendo retomados na próxima segunda-feira (28). 

Desde quando foi inaugurada, a Casa Bolsa vem se aproximando da comunidade levando informação e interagindo com as famílias atendidas, principalmente, pelo programa Bolsa Família. A intenção é ampliar as áreas atendidas levando  os serviços ás famílias que não tem fácil acesso a Casa Bolsa. 

A Casa Bolsa fica localizada na Avenida Dr. Fernando Góes, no centro de Petrolina.  O equipamento atende cerca de 300 pessoas ao dia e funciona de segunda a sexta-feira das 7h às 18h e aos sábados das 7h às 13.  Informações podem ser obtidas através do telefone da Casa Bolsa: (87) 3863-6871.


Paralisação pode interferir no abastecimento de oxigênio na rede de saúde em Juazeiro

por Gabriela Canário 23 de Maio de 2018 às 15:58
categoria: Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde se antecipa em informar que o caminhão que abastece com oxigênio as unidades de saúde no município está impossibilitado de chegar a Juazeiro devido à paralisação que está acontecendo nas rodovias do país. O oxigênio disponível no município abastecerá até sexta-feira, 25, as unidades de saúde da rede municipal.

A SESAU informa ainda que dispõe de cilindros em estoque limitado para alguma urgência, mas teme que essa interferência dure mais dias e comprometa o abastecimento de oxigênio nas unidades. A secretaria espera que essa situação seja resolvida o mais rápido possível e não interfira o atendimento à saúde da população.