Carpini vira opção mais viável para substituir Dorival Júnior no São Paulo

0
407

São Paulo, SPThiago Carpini se tornou a opção mais viável para substituir Dorival Júnior no São Paulo. O técnico do Juventude é bem avaliado pela diretoria tricolor e, embora seja uma grande aposta em uma temporada tão importante, com o retorno do clube à Libertadores, Julio Casares e a alta cúpula são-paulina podem acabar fechando com o profissional.

Aos 39 anos, Thiago Carpini ganhou notoriedade no futebol brasileiro após levar o modesto Água Santa à final do Campeonato Paulista no ano passado, eliminando, inclusive, o São Paulo na semi. O time de Diadema até venceu o Palmeiras no jogo de ida da decisão, por 2 a 1, mas acabou goleado na volta, por 4 a 0, ficando com o vice-campeonato.

Passada a disputa do Paulistão, Carpini assumiu o Juventude na Série B do Campeonato Brasileiro e conseguiu conduzir a equipe à elite do futebol nacional ao terminar a Segundona na vice-liderança, atrás apenas do campeão Vitória.

Carpini é a opção mais viável entre os treinadores entrevistados pela diretoria por ter uma multa rescisória inferior à de outros profissionais empregados, como o português Pedro Martins, do Al-Gharafa, e o uruguaio Paulo Pezzolano, do Real Valladolid.

O fato de já conhecer o futebol brasileiro e falar o mesmo idioma da maioria do elenco também pesa a favor de Thiago Carpini. O treinador está ciente da desgastante maratona de jogos que há no País, a necessidade de poupar alguns atletas em determinadas partidas, além dos longos deslocamentos pelo território nacional.

Carpini também é visto como um treinador que possui um perfil parecido com o de Dorival Júnior em termos de relacionamento com o elenco. Com apenas 39 anos, o técnico é avaliado como um profissional com ideias modernas e com disposição de sobra para que seu possível trabalho em um dos maiores clubes do Brasil dê certo.

(Gazeta Esportiva)