Cidadão honorário, Ronaldo se declara ao Cruzeiro em homenagem: “Oportunidade da minha vida”

0
81

Com presença de dirigentes e torcedores, Fenômeno recebe homenagem na Assembleia Legislativa de Minas Gerais


https://57ca997430ed4d32d65c0ebc1b091371.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-40/html/container.html

Com a presença de torcedores e dirigentes, Ronaldo Fenômeno recebeu o título de cidadão honorário de Minas Gerais em cerimônia na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. No discurso, o gestor do Cruzeiro se declarou ao clube e disse que o clube abriu porta para oportunidade da vida. Além disso, discursou que, atualmente, a Raposa faz parte dos seus projetos futuros.roduzir vídeo

Ronaldo acompanha treino do Cruzeiro às vésperas do clássico

– Foi aqui que entrei em campo pela primeira vez como profissional aos 16 anos de idade. Não está no meu discurso, mas aqui também foi minha primeira namorada (risos). Foi aqui que tive certeza que meus sonhos eram possíveis e daqui parti para conquistá-los. Do Cruzeiro, recebi a maior oportunidade da minha vida. Para fora, fazer história – discursou Ronaldo.

A cerimônia teve a presença de dirigentes do Cruzeiro, alguns torcedores e do empresário Pedro Lourenço. O Fenômeno disse que voltou e escreveu um capítulo de superação do clube.

– Voltei como um bom filho que a casa torna. Por acreditar na volta do Cruzeiro. Voltei para ser parte da mudança do futebol brasileiro. Escrevemos juntos um lindo capítulo de superação. Seguimos enfrentando momentos difíceis, desafiadores, com muitas lições no caminhos, na missão de reerguer um gigante dentro e fora de campo. Realmente mudei minha vida para embarcar no projeto. Esta terra faz parte da minha rotina e dos meus planos.

Desde o fim de dezembro de 2021, Ronaldo passou a ser sócio majoritário do Cruzeiro, comprando 90% das ações da SAF, com a promessa de aportes financeiros de até R$ 400 milhões nos próximos anos na gestão cruzeirense. O ex-jogador assumiu o clube na Série B do Brasileiro.

Ronaldo Fenômeno recebeu premiação — Foto: Reuters

Ronaldo Fenômeno recebeu premiação — Foto: Reuters

No comando do Cruzeiro, ele conseguiu o título da Série B do Campeonato Brasileiro em 2022, após a Raposa passar três anos na Série B. No mesmo ano, levou o time à final do Campeonato Mineiro. No ano passado, não conseguiu títulos, mas levou a Raposa a uma vaga na Copa Sul-Americana.

Como jogador, Ronaldo se profissionalizou no Cruzeiro, em 1993, com 16 anos. Um ano depois, ainda como jogador do clube mineiro, disputou sua primeira Copa do Mundo, nos Estados Unidos.

Pelo Cruzeiro, foram 56 gols em 58 jogos. Ele integrou o elenco campeão da Copa do Brasil de 1993 e foi o artilheiro no título do Campeonato Mineiro de 1994.

(GE)