asdasdasdasd

Luverdense mantêm hegemonia mato-grossense

por Mário Souza 17 de Maio de 2017 às 15:16
categoria: Futebol

Fonte/ CBF

O Luverdense foi o grande campeão da Copa Verde 2017. O Verdão do Norte garantiu o título ao segurar o empate com o Paysandu na noite da última terça-feira (16), no Estádio Olímpico do Mangueirão, em Belém (PA). Esta conquista não foi importante apenas para o próprio Verdão do Norte, mas também para o Estado de Mato Grosso. 

Com o título do LEC, a região do Centro-Sul brasileiro passa a ser a com mais títulos da Copa Verde no país. Das quatro edições disputadas de 2014 até o presente momento, uma foi para a capital Cuiabá, quando o time que leva o nome da cidade levou a melhor, em 2015, e agora vai para Lucas do Rio Verde.

O Distrito Federal, com o Brasília, em 2014, e o Pará, com o Paysandu, em 2016, completam a galeria dos Estados campeões da Copa Verde. Será que a hegemonia do Mato Grosso continua na próxima edição? 


Beach Soccer: recordes e números antes da estreia

por Mário Souza 25 de Abril de 2017 às 16:15
categoria: Futebol

A Seleção Brasileira de Beach Soccer enfrenta o Taiti nesta sexta-feira (28), a partir das 19h30 (horário de Brasília), na estreia na Copa do Mundo FIFA 2017, no Estádio de Nassau. Antes de a bola rolar para o Mundial do Caribe, vale destacar os números impressionantes e recordes que viajam com o Brasil para as areias de Bahamas. 

Quatro títulos de Copa do Mundo FIFA que o Brasil conquistou. Tetracampeão invicto em 2009 (Dubai), 2008 (Marselha), 2007 (Rio de Janeiro) e 2006 (Rio de Janeiro)

Cinco finais em oito edições tem a Seleção Brasileira em seu retrospecto. Além dos quatro títulos, foi vice-campeã em 2011 (Ravenna) e tem ainda dois terceiros lugares (2005/Rio de Janeiro e 2013/Papeete) 

Seis é o número de conquistas internacionais após Gilberto Costa assumir o comando do Brasil (Sul-Americano, Mundialito Cascais, Mundialito Brasil, Copa Intercontinental, Copa América e Eliminatórias Conmebol)

Esta será a nona participação da Seleção Brasileira em Copa do Mundo FIFA. Só o Brasil e o Japão nunca ficaram fora da competição até hoje

13 – Total de derrotas para as seleções que vão disputar a Copa 2017: oito para Portugal, três para o Paraguai, uma para Irã e uma para a Nigéria 

13 – Além dos quatro títulos na ’Era FIFA’, o Brasil tem ainda nove conquistas do extinto Campeonato Mundial, totalizando 13 títulos mundiais

22 – É o somatório de vitórias do Brasil contra Taiti (2v), Polônia (2v) e Japão (18v), adversários da primeira fase (Grupo D). Em 22 jogos, 22 vitórias

28,5 – É a média de idade entre os 12 jogadores que vão competir nas Bahamas. O capixaba Mão é o mais velho (38) e o pernambucano Filipe o caçula (23)

29 – É a sequência invicta de partidas da Seleção Brasileira. A última derrota foi em 16 de julho de 2015, nas quartas de final da Copa do Mundo FIFA Portugal 2015

40 – Número de partidas oficiais que tem o goleiro Mão em Copa do Mundo FIFA (disputou as edições de 2015, 2013, 2011, 2009, 2008, 2007 e 2006)

45 – O Brasil é o recordista de jogos em Copas do Mundo FIFA com 45 partidas (41 vitórias e apenas quatro derrotas)

99 – É o número total de conquistas da Seleção Brasileira nas areias. Caso conquiste a Copa do Mundo FIFA 2017, o pentacampeonato significaria o 100º título verde-amarelo

161 – Considerando o retrospecto contra as 15 seleções que estarão nas Bahamas, a Seleção Brasileira venceu 161 partidas – nunca enfrentou apenas o Panamá entre os participantes

294 – Total de gols marcados pelo Brasil em oito edições de Copa do Mundo FIFA (média de 6,5 por jogo)  

498 – Total de vitórias do Brasil em jogos oficiais desde o primeiro confronto, em 1993. A vitória de número 500 pode acontecer ainda na fase classificatória em Nassau

682 – Somatório de gols marcados pelos 12 jogadores da Seleção Brasileira que vão às Bahamas. Bruno Xavier lidera com 150 gols e apenas o goleiro Rafael Padilha ainda não estufou as redes

4.000 – O Brasil está perto do gol de número 4 mil. Até hoje, a Seleção Brasileira balançou as 3.940 vezes em 530 partidas oficiais


Técnicos famosos vão discutir evolução do futebol brasileiro

por Mário Souza 19 de Abril de 2017 às 15:39
categoria: Futebol

Fonte / CBF

Entre os dias 8 e 11 de maio, o auditório da sede da Confederação Brasileira de Futebol receberá, pelo segundo ano consecutivo, grandes nomes do futebol mundial. Vem aí o “Somos Futebol – 2ª Semana de Evolução do Futebol Brasileiro”, que promoverá intensos debates sobre o futuro do esporte mais popular do país e sua evolução em todo o planeta.

Ao todo, 27 palestrantes estão programados para comandarem as interações, com destaque para os técnicos da Seleção Brasileira masculina e feminina, Tite e Emily Lima; o ex-técnico das seleções Argentina e Chilena, Marcelo Bielsa; o técnico Fábio Capello, ex-Milan e Real Madrid; o co-fundador da Premier League, David Dein; o diretor de futebol do Arsenal, Richard Law; e o coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar.

Durante quatro dias de evento, oito temas diferentes serão apresentados e debatidos, divididos em dois turnos – manhã e tarde: Técnicos e Táticas, Gestão Esportiva, Transferências Internacionais e Litígios, Digital, Competições e Operações, Futebol Feminino, Categorias de Base e Internacionalização. A apresentação de todo o evento ficará a cargo da jornalista Vanessa Riche.

Também passarão pelo auditório da CBF, além de diretores e profissionais da própria entidade, especialistas de grandes empresas e instituições esportivas como Fifa, Uefa, Youtube, Twitter, Facebook, NBA e Guaraná Antárctica. A Semana do Futebol gerará mais de 40 horas de conteúdo inédito. Todas as palestras terão transmissão ao vivo por meio da CBF TV, no site www.cbf.com.br, além de cobertura dos principais veículos de imprensa.

Em breve, a CBF publicará as informações sobre o credenciamento para os profissionais de imprensa. 

Conte, Aguirre e Baldini em 2016

No primeiro ano do “Somos Futebol – Semana de Evolução do Futebol Brasileiro”, o evento debateu projetos e soluções para a contínua melhoria do futebol brasileiro. O técnico do Chelsea, Antonio Conte; e Franco Baldini, ex-diretor de futebol do Real Madrid foram alguns nomes que marcaram presença nas interações. 

 

Programação “Somos Futebol 2017”

Dia 8 de maio (segunda-feira):

9h às 12h30 - "Técnicos e Táticas – Treinando clubes e seleções para o novo futebol mundial".

- Tite, técnico da Seleção Brasileira 

- Marcelo Bielsa, técnico ex-seleções Argentina e Chilena.

- Fábio Capello, técnico ex-Milan, Real Madrid, Roma, Juventus e Seleções Inglesa e Russa.

14h30 às 18h - "Gestão Esportiva – Novas ideias para a gestão do esporte no Brasil".

- David Dein, co-fundador da Premier League e ex-vice-presidente e acionista do Arsenal.

- Richard Law, diretor de futebol do Arsenal.

- Edu Gaspar, coordenador de Seleções da CBF

 

Dia 9 de maio (terça-feira):

9h às 12h30 - "Transferências internacionais - Registros e Transferências Internacionais e Litígios". 

- Omar Ongaro, Diretor de Regulamentação de Futebol FIFA.

- Kimberly Morris, head de Integridade e Compliance FIFA TMS.

- Marcos Motta, especialista em Direito Esportivo Internacional Bichara & Motta Advogados.

- Reynaldo Buzzoni, diretor de Registros e Transferências da CBF.

14h30 às 18h – “Digital: Promoções e transmissões esportivas na era digital".

- José Colagrossi, diretor executivo IBOPE RECUPOM

- Eduardo Brandini, VP de Parcerias de Conteúdo Youtube Brasil – Google.

- Laura Froelich, head global de conteúdo e parcerias esportivas Twitter.

- Luis Olivalves, head de Parcerias de Mídia na América Latina Facebook.

 

Dia 10 de maio (quarta-feira):

9h às 12h30 - "Competições e Operações – A importância para uma competição da experiência em dia de jogo".

- Mark Ellis, chefe de operações Middlesbrough FC

- Catalina Navaro, head de Operações Comerciais Uefa Events

- Manoel Flores, diretor de competições da CBF

14h30 às 18h – "Desenvolvimento do Futebol Feminino". 

- Sue Ronan, head de futebol feminino e ex-técnica da Federação Irlandesa de Futebol.

- Emily Shaw, head de governança e liderança de futebol feminino da FIFA.

- Emily Lima, técnica da Seleção Feminina de Futebol da CBF.

 

Dia 11 de maio (quinta-feira):

9h às 12h30 - "Categorias de Base – Cultivando as categorias de base com a devida atenção".

- Ronaldo Lima, coordenador de Categorias de Base do Santos FC

- Lennard van Ruiven, gestor de Desenvolvimento de Futebol da Federação Holandesa de Futebol.

- Teun Jacobs, coordenador Técnico de Futebol da Federação Holandesa de Futebol.

- Carlos Amadeu, Técnico da Seleção Brasileira Sub-17 de Futebol.

14h30 às 18h - "Estratégias para Internacionalização de Marcas".

- Tom Greenwood, head de Parcerias e Ativações da Premier League

- Arnon de Mello, VP América Latina da NBA.

- Patrícia Schiavo, head de exportação Guaraná Antárctica Ambev



 


Veteranos do Santa Cruz farão amistosos em Cabrobó e Boa Vista

por Mário Souza 4 de Abril de 2017 às 15:09
categoria: Futebol

Os saudosos torcedores do Santa Cruz no Sertão, vão poder matar a saudade de grandes craques do passado que vestiram a camisa do Tricolor do Arruda.

Nos próximos dias 29 e 30 de Abril, o time de Masters da Cobra Coral, desembarca no Vale do São Francisco, para dois amistosos contra Seleções de Veteranos de Cabrobó e Santa Maria da Boa Vista.

Organizado pelo ex-atleta da Seleção de Futsal de Cabrobó, Tinanan e pelo Diretor da Escolinha Grandes Talentos de Santa Maria da Boa Vista, Bruno Vidal, os eventos também devem oferecer a oportunidades aos jovens da região de mostrar suas habilidades para os craques do passado - na sua maioria, olheiros de grandes clubes do nosso futebol.

O primeiro confronto do Santa no Vale, será no dia 29. sexta-feira, às 4 da tarde no Estádio Edvanes Nascimento em Santa Maria da Boa Vista, contra um selecionado local. No dia seguinte, sábado (30), será a vez de Cabrobó receber o Tricolor, às 4 da tarde no Estádio João Freire de Carvalho (Joãozão).

Durante o Programa Nossa Voz Esporte, desta terça-feira, Tinanan conversou com o Repórter Mário Souza, sobre os preparativos para os jogos.

Ouça a entrevista sobre os amistosos dos Veteranos do Santa Cruz no Sertão.


Sulamericana pode dar acesso a 4 títulos

por Mário Souza 3 de Abril de 2017 às 16:03
categoria: Futebol

Fonte / Fox

Iniciada no dia 28 de fevereiro, a Conmebol Sul-Americana 2017 começa para os brasileiros nesta semana. Corinthians, Ponte Preta, São Paulo, Cruzeiro, Fluminense e Sport são os times que irão representar o Brasil nesta edição, mas o número pode aumentar ainda mais, já que os terceiros colocados de seus grupos na CONMEBOL Libertadores Bridgestone também terão a chance de jogar esta outra competição continental.



Além do título internacional e de uma vaga para a próxima Libertadores, o vencedor também ganhará a oportunidade de brigar por outros três troféus. Disputada entre o campeão das duas competições mais importantes do continente, a Recopa Sul-Americana é um deles. Jogada anualmente no Japão, a Copa Suruga é decidida entre o campeão da Sul-Americana e o campeão da Copa da Liga Japonesa. Por fim, o vencedor da segunda competição mais importante da América do Sul também disputa a Supercopa Euroamericana, contra o ganhador da Liga Europa.



Nesta semana, os canais FOX Sports e o APP FOX Sports transmitem a estreia de três times brasileiros. Na quarta-feira (5 de abril), às 19h15, a Ponte Preta, finalista em 2013, recebe o Gimnasia La Plata-ARG. Na mesma data e horário, é a vez do São Paulo, campeão em 2012, estrear, contra o Defensa y Justicia, na Argentina. Também na quarta, mas às 21h45, a Universidad de Chile vem ao Brasil para visitar o Corinthians.

 

Confira os times que disputam a Sul-Americana em 2017:



Argentina: Independiente, Arsenal, Defensa y Justicia, Huracán, Gimnasia y Esgrima e Racing.

Bolívia: Bolívar, Oriente Petrolero, Nacional Potosí e Petrolero.

Brasil: Corinthians, Ponte Preta, São Paulo, Cruzeiro, Fluminense e Sport.

Chile: O’Higgins, Palestino, Universidad de Chile e Everton.

Colômbia: Deportes Tolima, Deportivo Cali, Patriotas e Rionegro Águilas.

Equador: LDU Quito, Deportivo Cuenca, Universidad Católica e Fuerza Amarilla.

Paraguai: Cerro Porteño, Sol de América, Nacional e Sportivo Luqueño.

Peru: Alianza Lima, Comerciantes Unidos, Sport Huancayo e Juan Aurich.

Uruguai: Danubio, Defensor, Liverpool e Boston River.

Venezuela: Estudiantes de Caracas, Atlético Venezuela, Caracas e Deportivo Anzoátegui.

Times vindo da Libertadores: Olimpia-PAR, Junior-COL e os oito terceiros colocados de seus grupos.


Pesquisa coloca Bahia mais caro que Vitória

por Mário Souza 2 de Março de 2017 às 16:13
categoria: Futebol

Uma pesquisa do site alemão Transfermarkt divulgou a lista dos clubes com elencos mais valiosos do Brasil. Na relação, o Bahia aparece à frente do rival Vitória.

O Tricolor ocupa a 14ª colocação entre os times mais caros da Série A. Segundo os dados, o grupo do Esquadrão é avaliado em R$ 91,4 milhões. O Rubro-Negro vem logo atrás, na 15ª posição. O Leão, segundo a pesquisa, tem um elenco de R$ 90,6 milhões.

No topo da lista aparece o Cruzeiro, com time de R$ 253,4 milhões, seguido pelo São Paulo, com um elenco avaliado em R$ 231,1 milhões.

Confira a lista:

1º Cruzeiro - R$ 253,4 milhões

2º São Paulo - R$ 231,1 milhões

3º Atlético- MG - R$ 227,9 milhões

4º Palmeiras - R$ 207,5 milhões

5º Flamengo - R$ 187,5 milhões

6º Grêmio - R$ 177,7 milhões

7º Corinthians - R$ 160,4 milhões

8º Santos - R$ 154,6 milhões

9º Fluminense - R$ 143,5 milhões

10º Atlético-PR - R$ 123,1 milhões

11º Vasco - R$ 114,9 milhões

12º Sport - R$ 109,6 milhões

13º Botafogo - R$ 96,4 milhões

14º Bahia - R$ 91,4 milhões

15º Vitória - R$ 90,6 milhões

16º Coritiba - R$ 88,3 milhões

17º Chapecoense - R$ 72,6 milhões

18º Ponte Preta - R$ 65,6 milhões

19º Avaí - R$ 30 milhões

20º Atlético-GO - R$ 28,7 milhões


Baianão 2017 terá Controle de Dopagem

por Mário Souza 24 de Janeiro de 2017 às 17:19
categoria: Futebol

Assim como nas principais competições do futebol brasileiro e mundial, o Baianão 2017 terá Controle de Dopagem. Os últimos detalhes para a aplicação dos testes foram definidos em uma reunião na Federação Bahiana de Futebol (FBF), nesta quinta-feira (19).

Participaram do encontro o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, o vice-presidente, Ricardo de Lima, e membros da Comissão de Controle de Doping da CBF, representada pelos Drs. Renato Deeke, Josias Ribeiro e Petronilo, ambos da equipe do Dr. Fernando Solera.

No local, ficou decidido que os exames antidopings serão realizados em todas as rodadas da Serie A do Baianão. O objetivo da FBF é que todos os 11 clubes tenham atletas submetidos ao exame.

O primeiro teste já será aplicado na rodada de abertura do estadual, marcada para o dia 29 de janeiro. Uma partida será indicada para ter o exame na primeira rodada.



Para orientar e ajudar os clubes e atletas, a FBF, até o início do campeonato, disponibilizará no seu site oficial um link fixo, padronizado com a CBF e a FIFA, com todas as informações sobre o Controle de Dopagem. Nele estarão documentos como Código Mundial Antidoping, Regulamento Antidoping da FIFA, Regulamento de Controle de Dopagem e Lista de Medicamentos Proibidos.  


Jovens de Cabrobó ganham chace no Linense-SP

por Mário Souza 19 de Janeiro de 2017 às 17:13
categoria: Futebol

Esquerda (Macos Antonio), Direira (Luiz Gustavo)

Dois jovens talentos do futebol cabroboense, terão no próximos dias aquela que talvez seja a oportunidade de suas vidas. O atacante Marcos Antônio (17) e o meia Luiz Gustavo (23), seguiram nesta quinta-feira (19) para Salvador-Ba onde vão se integrar a um grupo de atletas selecionados no Vale do São Francisco, para integrar ao elenco do Clube Atlético Linense.

Selecionados pelo olheiro Roberto Cerqueira “Bob”, os garotos incialmente devem disputar uma partida amistosa na capital baiana e podem ate ser cedidos para outras equipes ou passar por um período de testes no interior paulista até serem efetivados no Clube.

Residente no Bairro da Subestação, Marco Aurélio nasceu em Salgueiro, mas desde os primeiros dias de vida mora em Cabrobó-PE. Ele é filho do agricultor Cícero Alberto Rodrigues do Nascimento e da doméstica Maria Das Dores Da Silva. Ambidestro, Marcos se define como habilidoso e gosta de atuar pelos lados do campo.

O cabroboense Luiz Gustavo Freire, tem na mãe, a doméstica Maria Evani Freire Da Silva – que o criou sozinha, sua grande inspiração. O meia esquerda habilidoso, vê no seu preparo físico uma das grandes virtudes para vencer no futebol profissional.

Antes da viagem, Marcos e Luiz conversaram com o repórter Mario Souza do Programa Nossa Voz Esportes da Garnde Rio FM, sobre as suas expectativas diante da chance de mostra seus talentos.

Confira ; https://soundcloud.com/m-rio-souza-7/18-01-entrevista-jogadores-cabrobo-linense

 


Aumento da idade-limite dos árbitros é confirmado pela CBF

por Mário Souza 17 de Janeiro de 2017 às 17:44
categoria: Futebol

Fonte : FBF

Para quem se cuida, passar dos 40 anos praticando esporte em alto nível não é problema, não representa dificuldade. É assim com jogadores de futebol, com atletas profissionais de diversas modalidades.



O mesmo vale para os árbitros. Juventude não significa qualidade. Ter idade mais avançada não significa ser ultrapassado.



Por isso, a Federação Bahiana de Futebol (FBF), através do presidente Ednaldo Rodrigues vinha lutando, desde o ano passado, pelo aumento da idade-limite para os árbitros e assistentes que trabalham nas competições nacionais. Até o final de 2016, os profissionais do apito só poderiam permanecer no quadro nacional até os 45 anos de idade.



A FBF formalizou a reivindicação em documento e o enviou ao presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Coronel Marinho, e à Conmebol. A entidade contava com um grande exemplo de que idade não garante a qualidade, ou falta dela: Jailson Macedo Freitas.





Um dos árbitros mais atuantes do país, já eleito o melhor do Braileirão, Jailson se despediria da arbitragem nacional em 2016, quando completou 45 anos, para atuar apenas nas competições locais. Porém, seu desempenho dentro de campo dizia outra coisa. Que ele deveria continuar prestando serviço à arbitragem brasileira.



Em excelente condição física e técnica, Jailson viu a luta da FBF surtir efeito. A CBF confirmou o aumento da idade-limite para 50 anos. Porém, terão privilégio de chegar a essa idade apitando jogos do Brasileirão apenas aqueles que mantiverem o bom nível técnico e ético e passarem nos testes físicos, caso do baiano.



Confiante na mudança, a entidade máxima do futebol na Bahia, junto à Comissão Estadual dos Árbitros de Futebol (Ceaf-BA), já havia indicado Jailson para permanecer no quadro antes mesmo da decisão favorável da CBF. Mas, vale ressaltar que a mudança vale apenas para profissionais como Jailson, que já se encontram no quadro nacional e em atividade na elite da arbitragem, composta por aqueles que apitam jogos das Séries A e B do Brasileirão.



Árbitros que ultrapassam os 45 anos ainda sem terem feito parte do quadro nacional, não serão aceitos na CBF. O mesmo vale para aqueles que já fazem parte do quadro, mas não participam de jogos das Séries A e B, consideradas as principais competições do país. Estes terão a idade limite mantida em 45 anos.

 


Mistério: Marcelo Cabo aparece e volta a sumir

por Mário Souza 16 de Janeiro de 2017 às 17:33
categoria: Futebol

Fonte / ESPN

Após quase dois dias desaparecido, o técnico Marcelo Cabo apareceu na tarde desta segunda-feira por sete minutos no apartamento onde ele reside, no Jardim Goiás, em Goiânia. Segundo o tenente-coronel Wellington Urzêda da PM-GO, ele chegou de taxi, subiu ao andar onde mora, desceu e voltou para o taxi e foi embora.

As 15h48, um táxi com seu Marcelo Cabo chegou onde ele mora. Foi até o subsolo com o carro. Ele desceu, subiu ao apartamento. Quem viu disse que ele não tinha mancha de sangue nem lesões. Ele está bem. Inclusive foi cumprimentado pelos funcionários. Mas saiu daqui do jeito que voltou. Não sabemos ainda para onde. Mas ele está bem. As investigações continuam. Precisamos saber se ele está sendo coagido por alguém", disse o tenente-coronel Wellington Urzêda exclusivamente para a "Rádio 730" de Goiânia.

Foi ele quem observou toda a movimentação, após receber informações anônimas.

"Vi que era um Fiesta branco, um táxi, mas parece que não é táxi de Goiânia. Pelas faixas sabemos que não é de Goiânia. A primeira coisa que pensávamos já descartamos. Não foi homício nem latrocínio. Ele está bem, graças a Deus. A investigação prossegue".

A PM não tem qualquer pista do que pode ter acontecido ou de onde Marcelo Cabo pode ter ido. Por isso não descartou prosseguir as investigações.

Nesta segunda-feira, o elenco do Atlético-GO realizou treino na academia pela manhã, como estava previsto. Mas o sumiço do treinador chamou a atenção da diretoria.

"Tentei falar com ele no domingo, mas o celular estava desligado. O que não é normal. Ele não costuma desligar. Mas tudo bem. Agora hoje ele não apareceu. Fomos checar o que houve, e buscamos todas as possibilidades. Nossos médicos chegaram a consultar o IML e todos hospitais, tudo. Depois que não tínhamos mais ideia e que comunicamos a imprensa", disse Adson Batista, diretor de futebol do Atlético-GO.

"É um sentimento muito difícil. Uma situação difícil de abosrver. Um cara próximo. É uma situação muito tensa. Sem condição de falar. Vamos esperar que Deus ilumine e que ela termine da melhor maneira possível", disse.

O diretor também disse que a família do treinador está no Rio de Janeiro aflita, aguardando notícias sobre o que pode ter ocorrido com ele.

O treinamento não foi cancelado. Além da atividade pela manhã, os jogadores vão prosseguir com a preparação nesta tarde.