asdasdasdasd

Problema de saúde faz Safadão cancelar show e agenda profissional

por Milena Pacheco 19 de Setembro de 2019 às 15:00
categoria: Música

O artista, que recebe cuidados médicos em casa, se disponibilizou a realizar a apresentação em uma outra data

Afastado dos palcos e dos compromissos profissionais devido a um problema de saúde, Wesley Safadão usou as redes sociais para dar uma satisfação aos seus admiradores.

Foto do perfil de wesleysafadao @wesleysafadao

O cantor precisou cancelar o show que faria em Bom Jardim, no Maranhão, na última quarta-feira (18), por conta de uma febre alta.

“Oi, pessoal, vim dar uma satisfação aqui pra cidade de Bom Jardim, no Maranhão, onde seria nosso show hoje. Já são duas noites de febre alta, e hoje até 3, 4 da tarde, eu estava me queimando em febre. Neste momento, graças a Deus, estou sem febre, mas suando bastante. Sei o quanto é complicado, o quanto é chato cancelar show, o quanto causa de transtorno na cidade”, contou.

Em seu perfil no Instagram, o forrozeiro mostrou que esta recebendo cuidados profissionais em sua casa, onde montou um ambulatório. Safadão ainda lamentou ter conseguido comparecer a uma gravação por conta da doença.

“Já são duas noites já tendo febre. Hoje tinha gravação, meninos vieram de São Paulo pra gravar e não consegui ir lá gravar com eles. Pedi desculpas também por não ter conseguido realizar esse compromisso. Dei improvisada aqui no quarto pra tomar soro. Desde 18h, estou na segunda bolsa de soro aqui. Consegui realizar a primeira refeição agora: um arrozinho com frango”.

Para compensar o desfalque da quarta-feira (18), o artista se disponibilizou a realizar o show na cidade de Bom Jardim na sexta-feira (20).

“Se Deus quiser, hoje terei uma noite mais tranquila e, a partir de amanhã (19), seguir com compromissos e agendas. Me deixo à disposição aqui pra realizar o show, que seria hoje (18), na sexta-feira (20). E amanhã cedo, assim que acordar, dói mais notícias por aqui. Um abraço”. (Fonte: Bahia.ba)


'Nem tudo na vida é trabalho, é dinheiro', diz Gusttavo Lima ao anunciar pausa

por Milena Pacheco 26 de Agosto de 2019 às 13:00
categoria: Música

O cantor Gusttavo Lima anunciou que fará uma pausa na carreira em 2020 para dedicar atenção exclusiva para a esposa, a modelo Andressa Suíta, e os dois filhos.

Foto: Perfil de gusttavolima/Reprodução Instagram @gusttavolima

Gusttavo encerrou shows no palco Arena da Festa do Peão de Barretos, no interior de São Paulo, na manhã de domingo, 25. Durante a apresentação, ele falou sobre a morte da mãe, há quatro anos. "Eu tive a maior perda da minha vida: a perda da minha mãe, dona Sebastiana Maria de Lima, em 2015. Eu venho tentando superar isso a cada dia e é por isso que quem tem mãe e pai - é um pedido de filho -, valorize seu pai e sua mãe", aconselhou aos fãs.

Gusttavo Lima tem cumprido uma agenda de shows lotada, com aproximadamente 30 por mês. Diante da intensidade da carreira, o cantor avisou. "A partir de 2020, eu vou dar uma parada na minha agenda, uma reduzida no número de shows. Vou fazer 10, 12 shows por mês para dar mais atenção para o que mais significa na minha vida. 

Meus filhos já estão com um e dois anos. Nem tudo na vida é trabalho, é dinheiro. Chegou a hora de dar uma acalmada", desabafou. 

No perfil oficial no Instagram, o cantor sempre publica momentos em família com a esposa e filhos. (Fonte: Diariodepernambuco/viver/Foto: Perfil de gusttavolima/Reprodução Instagram @gusttavolima)


Um mês após alta, João Gordo volta para a UTI com pneumonia grave

por Milena Pacheco 12 de Agosto de 2019 às 09:38
categoria: Música

Informação foi confirmada pela banda de João Gordo, Ratos de Porão, através de uma nota nas redes sociais

Cerca de um mês após ter alta médica de um quadro de pneumonia , o cantor e apresentador de TV João Gordo voltou a ser internado em São Paulo pelo mesmo problema. Ele encontra-se na unidade de tratamento intensivo (UTI) do Hospital São Camilo, em São Paulo, com pneumonia grave.

 

A informação foi confirmada pela banda de João Gordo, Ratos de Porão, através de uma nota nas redes sociais. O grupo de hardcore anunciou ainda que os shows marcados até o fim de 2019 estão cancelados, inclusive a turnê europeia que se avizinhava.

As únicas apresentações mantidas são as mais próximas três, em Ourinhos (neste sábado), Goiânia (domingo) e Fortaleza (dia 17), que contarão com o guitarrista Jão assumindo os vocais.

Ainda segundo a nota, "João Gordo agradece o carinho e compreensão, pois logo estará recuperado e dando o seu melhor".

João Gordo, de 55 anos, passou uma semana no hospital em junho com quadro de pneumonia. Ele também apresentou alteração na glicemia.

Na ocasião, Vivi Torrico, companheira do artista, publicou: "Finalmente JG teve alta! Ainda tem um período de recuperação e cuidados, exames e retornos médicos, mas está tudo bem. Gratíssimos pelas good vibes, mensagens, enfermeiros, médicos e suporte de nossos amigos! Todo nosso amor para vocês".

Em março, João Gordo deu entrevista ao GLOBO, quando falou sobre os 30 anos do disco "Brasil", um clássico do Ratos de Porão. (Fonte: Ibahia)


Com seis anos de hiato no lançamento de álbum, o retorno de Marcelo Jeneci

por Milena Pacheco 7 de Agosto de 2019 às 09:39
categoria: Música

Um homem sentando na areia em volta de algumas pedras e com uma cumbuca na cabeça foi a imagem escolhida para ilustrar a capa do novo álbum de Marcelo Jeneci, Guaia. A escolha é um forte símbolo das origens do compositor e combina perfeitamente com o tom do novo trabalho, perpassado de lirismo. Com Mana Bernardes assinando a capa do CD, produção por Pedro Bernardes, além de Jeneci e Lux Ferreira como os coprodutores, o disco marca a volta do cantor, após seis anos sem lançar álbuns.

 

 

Com De Graça (2013), último lançamento antes de Guaia, o músico foi indicado ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Popular Brasileira e emplacou sucessos com os hits Nada a ver, Julieta, O melhor da vida e Um de nós. Agora, com Guaia, ele volta com o assunto do qual fala com mais propriedade: a própria vida. Transmite, pela música, as vivências divididas entre São Paulo e Pernambuco, além da necessidade de prestar atenção ao redor e à Terra. “Trago na alquimia desse álbum a rua onde cresci, o agreste de Pernambuco e a grande metrópole, que se fundiram em mim”, conta Marcelo Jeneci.

Em Guaia, o artista segue explorando a multiplicidade de instrumentos e reverbera o lado músico do cantor e compositor. Em meio ao piano, à sanfona, e ao violão, ele explora os instrumentos para enfatizar as emoções do outro lado da linha, o ouvinte. “Eu sinto que a busca pela canção que, para muitos, se resume a melodia e letra, para mim, ela vai tridimensionalmente para todos os elementos que compõem o fonograma. Essa multiplicidade sonora é bem escolhida para ampliar alguns elementos que a letra já traz”, pontua o cantor e compositor.

Experiência

As participações ficaram restritas a uma única voz, a de Maya. Com apenas 19 anos, a cantora é dona de uma voz doce e extremamente bonita. Marcelo e Maia dividem a faixa Vem vem, que nada mais é, segundo Jeneci, que a sedução tropical com consciência do território do outro. Sobre a experiência, o cantor conta: “Conheci Maya no estúdio, ela estava lançando uma música, eu adorei. Achei-a de uma potência, ela é incrível canta de um jeito muito gigante e especial. É uma voz do Brasil”.

No atual momento político e social, o compositor reforça a importância das comunidades indígenas para a preservação ambiental e territorial na faixa inicial do álbum, intitulada Emergencial. Embalada pelo canto de uma integrante da tribo Iauanauá, logo após é enfatizada a questão com o trecho: “É emergencial a gente se conectar com a terra”, a frase é frequentemente falada por Mana Bernardes, par do cantor. “A questão indígena é uma questão do planeta, planetária, os índios são os guardiões do mundo e a gente precisa falar disso”, afirma Jeneci.

O Nordeste também é temática, aliás foi em Pernambuco que Marcelo Jeneci passou boa parte da vida. “São fragmentos e arquétipos que compõem a pessoa que eu sou. Eu sou um tanto do agreste de Pernambuco, porque eu fui criado lá”, conta. Estas partículas são evidências em Oxente, música composta com Chico César, que envolta pela sanfona, passeia pelo baião.

Para a produção do disco, Marcelo Jeneci ficou cerca de um ano trabalhando no disco. Sempre junto dos parceiros Pedro Bernardes e Lux Ferreira, com quem o cantor pretende trabalhar mais algumas vezes. “Eu entrei no território de entrega máxima e isso passou a me dominar, não tinha espaço para distração. A inspiração é todo o momento presente, é dos encontros, das relações com as pessoas que trabalharam no disco, na alquimia das relações e dos sons”, relembra Jeneci. (Fonte: diariodepernambuco/viver/Foto: Reprodução/Facebook)


Tiago Iorc anuncia 1ª turnê após passar mais de um ano 'sumido'

por Milena Pacheco 5 de Agosto de 2019 às 10:02
categoria: Música

O cantor Tiago Iorc, 33, anunciou na noite deste domingo (4) que dará início a uma turnê em outubro para divulgar seu show no Acústico MTV, gravado por ele em 30 de maio deste ano.

 

 

Essa será a primeira turnê realizada pelo cantor após seu ano sabático - Iorc passou o ano de 2018 "sumido" do cenário musical, e retornou com um disco surpresa em maio, que trouxe 13 faixas acompanhadas de clipe.

Através de seu perfil no Instagram, Iorc confirmou que iniciará a sequência de shows em Salvador, no dia 20 de outubro, e encerrará no Rio de Janeiro, nos dias 29 e 30 de novembro.

Entre essas datas, ele se apresenta por mais 12 cidades: Aracajú (21/10), João Pessoa (23/10), Fortaleza (25/10), Recife (27/10), Porto Alegre (2/11), Curitiba (3/11), Ribeirão Preto (5/11), Jundiaí (6/11), São Paulo (8/11), Goiânia (20/11), Brasília (21/11), Belo Horizonte (23/11). A região Norte foi a única não contemplada. Os ingressos para a turnê estarão à venda a partir do dia 6 de agosto. (Fonte: diariodepernambuco/viver)

 

 


Gabriel Diniz é lembrado em três categorias do Prêmio Multishow

por Milena Pacheco 31 de Julho de 2019 às 09:54
categoria: Música

 

 

Há três indicações póstumas a Gabriel Diniz no Prêmio Multishow, que divulgará seus vencedores no dia 29 de outubro, em cerimônia no Rio de Janeiro. As chances de o cantor, falecido em maio, ser escolhido nas categorias a que foi indicado, é grande. GD “concorre” a Cantor do Ano (com Dilsinho, Ferrugem, Gusttavo Lima e Wesley Safadão), a Música do Ano, por “Jenifer”, e ainda a Música Chiclete por Ano, também graças ao hit. Sobre “Jenifer”, pelo menos, não deve haver outra mais forte nem chiclete.

GD

Gabriel Diniz morreu num acidente aéreo, dia 27 de maio, aos 28 anos. O cantor viajava de Feira de Santana (BA), depois de um show, a Maceió (SE), onde encontraria a namorada, Karoline Calheiros. O avião do tipo bimotor caiu numa área de manguezal no município de Estância (SE). O acidente também vitimou fatalmente os pilotos Abraão Farias e Linaldo Xavier. (Fonte: Social1)


Durante show, Marília Mendonça diz que não abandonará a carreira após maternidade

por Milena Pacheco 29 de Julho de 2019 às 09:56
categoria: Música

Grávida de seu primeiro filho, a cantora Marília Mendonça afirmou durante uma apresentação em São Paulo na noite desta sexta (26) que não vai deixar a carreira musical após a chegada de Leo, seu bebê. No palco, disse ao público no CTN (Centro de Tradições Nordestinas): "Eu não tenho que amar só uma coisa na minha vida, não".

Foto: Reprodução / Instagram

O pronunciamento, segundo a cantora, veio após "alguém da imprensa" perguntar a ela o que faria com a carreira agora que está grávida. "Essa pergunta me machucou muito, porque colocou em prova muitas coisas da minha vida que são importantes, que é cantar, a minha família e agora o meu filho, que está aqui na minha barriga", afirmou.

Marília seguiu a conversa com os fãs dizendo sobre o amor que têm pelo palco, pela família e pelo futuro filho. "Nós, mulheres dos dias atuais, sabemos muito bem que a gente consegue conciliar tudo na nossa vida. A gente consegue fazer mil e uma coisas ao mesmo tempo, a gente é mulher guerreira. Então eu jamais abandonaria [a carreira musical]", disse ela.

Em seguida, dedicou a música "Serenata" ao filho, que deve nascer em março de 2020, e cujo nome e sexo foram anunciados no último dia 22. O bebê é fruto do seu relacionamento com o namorado, o compositor e cantor Murilo Huff. (Fonte: bahianotícias/holofotes/foto: Reprodução / Instagram)


"Fuego": Anitta anuncia parceria com DJ Snake

por Milena Pacheco 25 de Julho de 2019 às 09:38
categoria: Música

© Foto: Instagram/@anitta

A cantora Anitta revelou o motivo de sua misteriosa contagem regressiva! A diva compartilhou um Stories no Instagram, na manhã  do dia 23, marcando o internacionalmente conhecido DJ Snake e escreveu “Fuego” na postagem. A música será lançada na próxima sexta-feira (26), data do lançamento do novo disco do DJ.

DJ Snake já colaborou com diversos artistas mundiais como Selena Gomez, Justin Bieber, J. Balvin, Cardi B e muito mais! Depois do lançamento de “Kisses“, albúm visual e trilíngue da cantora, Anitta vem apostando em muitas parcerias internacionais, como o recente lançamento de “Make it Hot“, junto com Major Lazer. (Fonte: msn)


‘Acústico MTV’ está de volta: relembre os 10 shows icônicos do programa

por Milena Pacheco 24 de Julho de 2019 às 17:08
categoria: Música

Nos últimos meses, dois anúncios animaram os fãs do formato voz-banquinho- violão: a MTV Brasil decidiu trazer de volta o Acústico MTV, com Tiago Iorc no primeiro programa, e a MTV internacional reviveu o MTV Unplugged, que será reinaugurado por Liam Gallagher.

Legião Urbana

A banda brasiliense foi responsável pela segunda edição do Acústico MTV Brasil, gravada em 1992. Em 1999, o registro se tornou o álbum ‘Acústico MTV’, primeiro disco ao vivo do Legião.

No repertório, estavam hits como Índios, Pais e Filhos e Faroeste Cabloco, além de regravações em inglês, como On the Way Home, de Neil Young. O grande single do álbum é Hoje a Noite Não Tem Luar, versão de Hoy Me Voy Para Mexico, do Menudo.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Capital Inicial

Um dos maiores sucessos da carreira do Capital Inicial, o Acústico foi gravado e lançado em 2000. O disco trazia duas músicas inéditas que iam se tornar muito populares nas paradas musicais: Natasha e Tudo Que Vai. Além delas, outras quatro canções se popularizaram na versão acústica: Primeiros Erros (Chove), Independência, Cai a Noite e Fogo.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Cássia Eller

A performance de Cássia Eller se tornou símbolo máximo do acústico MTV no Brasil. No show, produzido por Nando Reis, Cássia apresentou 17 músicas de vários compositores, como Renato Russo, John Lennon e Cazuza. O disco foi o último da carreira de Cássia Eller, que morreu em dezembro do mesmo ano.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Kid Abelha

Com participações especiais como Lenine e Edgard Scandurra (Ira!), o Kid Abelha gravou seu acústico MTV em 2002. O show incluiu grandes sucessos da banda, como Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda (Casinha de Sapê) e Como Eu Quero, e canções recém-lançadas ou inéditas, como Nada Sei.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Charlie Brown Jr

Lançado em 2003, o Acústico MTV Charlie Brown Jr contou com muitos convidados especiais: Marcelo Nova, Negra Li e Marcelo D2 foram alguns deles. O repertório contou com duas canções até então inéditas (Vícios e Virtudes e Não Uso Sapato), versões de músicas de outros compositores (como Samba Makossa, de Chico Science) e grandes sucessos da banda.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Pearl Jam

O Pearl Jam ainda não era tão conhecido quando gravou seu acústico MTV. A banda havia acabado de lançar o álbum Ten (1991). O show se tornou um clássico, graças às performances incríveis dos músicos, principalmente nas canções Black e Alive. Hoje, esse acústico é elogiado enquanto registro do grunge e da própria MTV, que estavam em seu auge.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Nirvana

O MTV Unplugged foi um dos últimos grandes shows do Nirvana. O show, dirigido por Beth McCarthy, teve uma atmosfera um tanto sombria, e a banda apostou em covers de músicas de David Bowie, Lead Belly e Vaselines, entre outros. A banda também tocou seus hits, como Come As You Are e Dumb.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Bob Dylan

Até o grande nome do folk Bob Dylan gravou um acústico MTV. Gravado em 1994 e lançado no ano seguinte, MTV Unplugged- Bob Dylan reuniu sucessos como The Times They Are a-Changin, Rainy Day Women #12 & 35, Knockin’ on Heaven’s Door e Like a Rolling Stone.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Alanis Morissette

Um dos acústicos mais conhecidos da MTV, Unplugged - Alanis Morissette reuniu singles dos dois primeiros álbuns da canadense. Entre as performances, estão Thank U, That I Would Be Good, King of Pain, You Oughta Now e You Learn. O álbum marcou uma nova fase na carreira de Alanis, que apostaria em vocais e arranjos diferentes no disco seguinte Jagged Little Pill (2005).

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Oasis

No auge da sua carreira, os irmãos Noel e Liam Gallagher gravaram o MTV Unplugged Oasis em 1996. No setlist, estão sucessos como Live Forever, Don’t Look Back in Anger, Morning Glory e Wonderwall.

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Fonte: Msn/Foto: Reprodução Internet/Vídeos: Reprodutor de vídeo de: YouTube)


Simone e Simaria celebram posto de embaixadoras em Barretos: 'Faremos bonito'

por Milena Pacheco 24 de Julho de 2019 às 10:03
categoria: Música

A dupla Simone e Simaria tomará posse oficialmente, nesta quarta-feira (24), do cargo de embaixadoras da Festa de Barretos, e as irmãs afirmam não sentirem pressão por serem as primeiras mulheres na função, criada em 2010. "Tenho certeza que faremos bonito e honraremos o posto", garante Sinome.

Foto: Reprodução / Instagram

"Esse título é mais uma conquista para nós, mulheres. Só tivemos homens ocupando o posto e, agora, chegou a nossa hora. Somos as primeiras [embaixadoras], mas tenho certeza que teremos muitas outras, afinal é muita mulher talentosa nesse mercado que merece o posto também", completa Simaria.

O anúncio das irmãs como embaixadoras foi feito em abril, mas a posse acontecerá nesta quarta durante o lançamento oficial Festa do Peão de Barretos, que acontecerá entre os dias 15 e 25 de agosto. O evento desta quarta, que marca a contagem regressiva para a festa, será na Villa Country, na capital paulista, com Felipe Araújo como atração principal.

Simone e Simaria sucederão o "imperador" Gusttavo Lima, que ficou no posto de embaixador por dois anos consecutivos, sempre com shows que se estendiam por cinco, seis horas na arena principal do evento. A dupla, que se diz fã do cantor, afirma não se intimidar e garante ter sido escolhida para o posto por conta de sua luta por espaço e para dar voz às mulheres.

As irmãs levarão a Barretos sua atual turnê, "Aperte o Play", que tem sucessos como "Um em um Milhão" e "Qualidade de Vida". Em conversa com o F5, no início de julho, Simone e Simaria afirmaram que ainda não definiram detalhes como roupas e possíveis convidados. Elas subirão ao palco em 17 de agosto, mesmo dia de Gusttavo Lima e Alok.

A Festa de Barretos deste ano terá ainda Ivete Sangalo,  Léo Santana, Ferrugem, Kevinho, além dos já esperados representantes do sertanejo, que incluem Fernando e Sorocaba, Rick e Renner, Matogrosso e Mathias e o projeto Amigos, que retorna com Chitãozinho e Xororó, Zezé de Camargo e Luciano, e Leonardo, que fez dupla com Leandro. Veja a programação completa aqui. 

Criado em 2010, o cargo de embaixador da maior festa de peão do país já teve na função nomes como Luan Santana (2010), Jorge e Mateus (2011), Fernando e Sorocaba (2012), Chitãozinho e Xororó e Bruno e Marrone (2013), Cristiano Araújo (2014), Henrique e Juliano (2015), Zezé do Camargo e Luciano (2016) e Gusttavo Lima (2017 e 2018).

SAIA JUSTA

Apesar da comemoração de Simone e Simaria por serem as primeiras mulheres embaixadoras do evento, a escolha também causou desconforto entre algumas das principais representantes do sertanejo feminino, após um comentário de Maraisa, da dupla com Maiara, nas redes sociais. Até Marília Mendonça se manifestou.

A saia justa aconteceu logo após Simone e Simaria terem sido anunciadas para o posto. Maraisa então postou em sua conta no Twitter que "Embaixador só tem um: Gusttavo Lima", o que caiu mal para as novas embaixadoras. Posteriormente, Simaria afirmou que Maiara explicou que o descontentamento era com o evento, que teria prometido o título a ela e à irmã.

Maiara e Maraísa chegaram a pedir abertamente, no lançamento da festa de 2018, que fossem escolhidas mulheres para o cargo, se candidatando para ele. "Acho que já teve homem demais. Podem dizer que embaixador é só um, mas a mulherada está esperando. Cuidado Gusttavo Lima, porque sua coroa vai cair", brincou Maiara.

Simaria afirmou, no entanto, que o problema entre as duplas já foi superado. "Foi um mal-entendido, que conversamos diretamente com cada uma delas e está tudo resolvido. Nós, mulheres, precisamos ser cada vez mais unidas. Nos ajudar para conquistarmos cada vez mais espaço", afirmou em entrevista à Folha de S.Paulo. (Fonte: bahianotícias/holofotes/foto: Reprodução / Instagram)