asdasdasdasd

Nego do Borel perde contrato milionário com Sony Music

por Milena Pacheco 24 de Dezembro de 2019 às 09:41
categoria: Música

Além dos problemas de relacionamento, os números que ele alcançou durante o contrato não chegaram a satisfazer a gravadora

O cantor Nego do Borel não faz mais parte da cartela de artistas da Sony Music.

Após quase quatro anos de parceria, o funkeiro perdeu seu contrato com a gravadora, que é responsável por grandes nomes da música no Brasil como Djavan, Arlindo Cruz, Emicida e Adriana Calcanhoto.

De acordo com o jornal ‘Extra’, Nego teria sido demitido pelo presidente da gravadora, Paulo Junqueiro, em uma reunião a portas fechadas na qual os ânimos ficaram exaltados.

O artista desmente a história e afirma que a decisão foi tomada em comum acordo.

“Tenho plena consciência sobre tudo o que representei para a gravadora, e principalmente sobre o tamanho dela no Brasil e no mundo. Estou muito feliz e grato a tudo o que vivemos juntos, mas é hora de viver novos sonhos e investir em novos projetos. Conto com vocês nesta nova jornada”.

O desligamento de Nego aconteceu há algumas semanas. Segundo o jornal ‘Extra’, pessoas da equipe que trabalhava com o funkeiro haviam jogado a toalha após episódios polêmicos protagonizados pelo cantor.

Além dos problemas de relacionamento, os números que ele alcançou durante o contrato não chegaram a satisfazer a gravadora. (Fonte: Bahia.Ba/Foto Perfil Instagram @negodoborel)


Worldwide: Anitta vai lançar primeiro álbum em inglês em 2020

por Milena Pacheco 13 de Dezembro de 2019 às 09:58
categoria: Música

Novidade foi confirmada pelo produtor executivo da artista, o cantor Ryan Tedder

O ano de 2020 promete ser um marco na carreira de Anitta. Traçando seu caminho rumo a carreira internacional, a artista irá apostar em seu primeiro álbum completamente em inglês. A novidade foi confirmada pelo produtor executivo da funkeira, Ryan Tedder.

Em entrevista à Variety, o vocalista da banda OneRepublic e produtor musical revelou que entrou em estúdio com a funkeira para a produção do projeto que será lançado no ano que vem.

“Sou produtor executivo da Anitta. É a maior artista na história da América do Sul. Ela é brasileira. Ela é uma loucura. Ela popularizou o estilo de música do baile funk, algo que ela domina. Nós vamos fazer sua passagem para a América e para o resto do mundo em 2020, com o seu primeiro álbum em inglês”.

Tedder é responsável por sucessos de nomes como Beyoncé, Adele, Paul McCartney, Taylor Swift, Camila Cabello, U2 e Jonas Brothers. Em sua lista de hits estão as canções Halo de Beyoncé, Maps do Maroon 5 e Rumour Has It de Adele.

A dedicação da artista em se destacar de forma internacional rendeu ainda uma menção em um discurso feito pela cantora Alicia Keys, homenageada em cerimônia da Women In Music, realizada pela Billboard na última quinta-feira (12).

Na ocasião, a americana citou a brasileira ao falar sobre a importância da união das mulheres na música e sobre a criação de um comitê latino. “Essa primavera lançamos o comitê latino, com a ajuda de artistas como Becky G e Anitta. Essas artistas se tomaram uma posição e falaram: ‘vamos levar isto para frente, vamos nos juntar”, disse Alicia, sem dar mais detalhes do projeto”. (Foto: Bahia.Ba/Foto Perfil Instagram @anitta)


Morre Marie Fredriksson, vocalista da banda Roxette, aos 61 anos

por Milena Pacheco 10 de Dezembro de 2019 às 10:02
categoria: Música

Artista sueca lutava contra um câncer no cérebro diagnosticado em 2002

A cantora Marie Fredriksson, vocalista da banda Roxxete, morreu na manhã desta terça-feira (9), após uma longa batalha contra o câncer no cérebro.

Foto Perfil Instagram/ Arquivo Pessoal

O falecimento da cantora foi confirmada pelo empresário da artista em entrevista a BBC. Marie foi diagnosticada com o tumor em 2002 e chegou a voltar aos palcos e 2010 com uma turnê que passou pelo Brasil. 

Por meio das redes sociais Per Gessle, integrante do Roxette, lamentou a morte da colega de trabalho.

“Não há tanto tempo atrás, passávamos dias e noites em meu pequeno apartamento compartilhando sonhos impossíveis. Estou honrado e ter compartilhado seu talento e generosidade. As coisas nunca mais serão as mesmas”.

Responsável por dar voz aos sucessos ‘Listen To Your Heart’, ‘Spending My Time’, ‘It Must Have Been Love’, ‘Joyride’, Marie deixa um marido e dois filhos. (Fonte Bahia.Ba)


Marília Mendonça faz pausa no fim da gravidez: ''Pra esperar a minha vida''

por Milena Pacheco 2 de Dezembro de 2019 às 10:03
categoria: Música

Em um texto emocionado publicado na internet, Marília Mendonça anunciou uma pausa na carreira para aguardar a chegada do primeiro filho, Leo. Com o texto, a cantora publicou uma foto sua chorando, no fim do show que fez em Caxias do Sul (RS), no sábado (30).

"Estou dando uma pausa no meu AUGE, literalmente. O auge do meu amor, o auge da minha vida, o auge da minha felicidade, o auge do meu crescimento como mulher, o auge do meu amadurecimento", escreve Marília na postagem.

Ela, então, prossegue: "Pensou que eu tava falando de SUCESSO, né? Acertou. Como eu não seria bem-sucedida tendo em meu ventre o meu grande amor, que eu já escuto os sinais de chegada? Enfim, com lágrimas nos olhos, anuncio que, oficialmente, pausei a minha vida pra esperar a minha vida".

Por fim, a cantora se despede com um "até logo". "Eu amo vocês, amo os palcos, amo o Léo e já já tô de volta pra morrer de amor por tudo isso junto e misturado." O próximo show de Marília já tem data marcada: 6 e 7 de março no Espaço das Américas, em São Paulo. (Fonte: Diário de Pernambuco)


Empresa cobra por shows que Chorão não fez por ter morrido

por Milena Pacheco 2 de Dezembro de 2019 às 09:56
categoria: Música

A Promocom Eventos e Publicidades pede R$ 225 mil de indenização por nove shows que não foram realizados pelo Charlie Brown Jr.

Seis anos após a morte do cantor Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr., a família ainda lida com um processo referente a carreira do artista.

De acordo com o jornal ‘Folha de S.Paulo’, o único filho do roqueiro, Alexandre Ferreira Lima Abrão, briga na Justiça com a empresa Promocom Eventos e Publicidade, que cobra da família uma indenização pelos shows que não foram feitos pelo cantor após a sua morte.

Segundo a publicação, a empresa enviou a notificação nove meses após a morte de Chorão. Eles pediam uma resposta pelos nove shows que haviam sido agendados pela banda que não foram realizados. “Faleceu sem atender à totalidade das obrigações assumidas”, afirmava o texto.

A notificação enviada pela empresa se transformou em uma ação de cobrança que tramita até hoje na Justiça e pede R$ 225 mil de indenização, além de R$ 100 mil de multa por descumprimento de contrato.

No processo, Alexandre Ferreira coloca em dúvida a autenticidade do contrato, datado de 23 de outubro de 2012, que previa a exclusividade para a empresa na realização de shows da banda.

O herdeiro de Chorão também questiona o pedido de indenização e da multa, além da necessidade de ressarcimento.

A empresa chegou a ter ganho de causa com decisão do juiz Cláudio Teixeira Villa, porém o Tribunal de Justiça anulou após considerar que a Promocom não conseguiu demonstrar ter feito o adiantamento do valor ao artista.

Para comprovar a assinatura de Chorão no contrato, o documento passará por um laudo pericial e terá a assinatura comparada a do passaporte do cantor. (Fonte: Bahia.Ba/Foto: Reprodução Youtube)


Marília Mendonça é a artista mais ouvida no Brasil e a 3ª no mundo

por Milena Pacheco 28 de Novembro de 2019 às 16:15
categoria: Música

Cantora lidera o ranking do Deezer, plataforma de streaming de áudio

Hit atrás de hit. É assim que vem sendo a carreira de Marília Mendonça. Não à toa, a cantora aparece no topo de artistas mais ouvidos no Brasil pelo Deezer, plataforma de streaming de áudio. Logo atrás dela estão Zé Neto & Cristiano, Gusttavo Lima e Anitta.

E para quem ainda não acredita no poder da sofrência, temos dados para comprovar. Dos 10 artistas que aparecem no ranking, sete são do gênero sertanejo. 

Nos últimos dois anos, Marília ficou entre os mais escutados, mas essa é a primeira vez que lidera a lista. Em 2017, esteve em segundo lugar. E em 2018, em terceiro.

E o sucesso não é só entre artistas nacionais. No ranking mundial, a cantora aparece em terceiro lugar, atrás apenas de J. Balvin e do francês Ninho. O álbum "Todos os Cantos", da brasielira, conquistou a 5ª colocação dos mais tocados em 2019. Palmas para Marília! (Fonte: Revista Glamour/Foto Perfil Instagram @mariliamendoncacantora)


Em 2019, Anitta ganhou pelo menos R$ 80 milhões com publicidade

por Milena Pacheco 26 de Novembro de 2019 às 09:38
categoria: Música

A cantora representa marcas como Skol Beats, Adidas e Claro

Ao dar uma olhada no Instagram de Anitta, é possível perceber que a cantora tem feito muitas parcerias publicitárias nos últimos meses. O colunista Leo Dias estima que a funkeira vai ganhar, pelo menos, R$ 80 milhões com publicidade este ano.

A imagem da estrela é atrelada a marcas como Skol Beats, Adidas, Claro, Itaú, Renault e Ipanema. Em algumas campanhas, Anitta grava vídeos e se envolve mais com a empresa, enquanto outras surgem como uma foto no feed dela.

No geral, os fãs não parecem se importar com os acordos comerciais de Anitta. A cantora já revelou em entrevista que tem cuidado ao aceitar fazer publicidade porque não quer virar um “outdoor ambulante”.

E não foi só nesse mercado que a carioca se deu bem em 2019. Dias também divulgou que a cantora faturou cerca de R$ 27 milhões brutos com cachês de shows. (Fonte: Metrópoles/Foto: Perfil Instagram @anitta)


Cantora gospel Fernanda Brum sofre acidente de carro

por Milena Pacheco 25 de Novembro de 2019 às 09:59
categoria: Música

Foto: Divulgação/Ascom

A cantora gospel Fernanda Brum sofreu um acidente de carro nesta sexta-feira (22) em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro. Segundo o Corpo de Bombeiros, o marido da cantora estava dirigindo o carro, perdeu o controle e o veículo capotou. Ele não ficou ferido.

A cantora bateu a cabeça no para-brisa e foi levada para o Hospital Geral da Japuíba. A unidade médica informou que ela não teve nenhuma lesão aparente, precisou colocar colar cervical, passou por exames e teve alta. A assessoria informou ainda que nenhum dos shows da cantora vai ser cancelado por causa do acidente. (Fonte: Bahia.Ba)


Maria Gadú afirma que atual turnê será a última

por Milena Pacheco 20 de Novembro de 2019 às 09:36
categoria: Música

Esta é a última turnê da carreira de Maria Gadú. Pelo menos é o que a cantora afirmou em entrevista ao canal RTP1 de Portugal. "É a minha última turnê. Eu vou parar de fazer música. Eu quero fazer outras coisas, música de outros formatos", disse ao responder sobre a atual turnê Pelle.

"Voltar a fazer música com as pessoas, nas ruas, com os povos. Eu acho que esse formato do entretenimento coloca a arte em um pedestal de alguma forma", afirmou Maria Gadú sobre a nova fase e criticando a atual indústria fonográfica.

A cantora passa por um novo processo e busca se aproximar mais dos povos indígenas e das questões a eles ligadas. As últimas duas canções lançadas pela musicista, Quem? e Mundo líquido seguem esta temática, a segunda inclusive tem a participação do Povo Guajajara.

No momento em fase internacional, as apresentações serão feitas em Portugal, na Espanha e na Itália. (Fonte: Diário de Pernambuco/Viver/Foto: Reprodução Instagram Perfil @mariagadu)


Agnaldo Timóteo anuncia volta aos palcos e agradece Deus por 'milagre'

por Milena Pacheco 18 de Novembro de 2019 às 10:02
categoria: Música

“Milagre”. É assim que Agnaldo Timóteo explica sua impressionante recuperação depois de passar 59 dias internado em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e um princípio de infarto. “Os médicos disseram para minha família que meu estado era muito grave e delicado, que eu teria apenas 5% de chance de sobreviver. Estava praticamente desenganado. O poder das orações me salvou. Só tenho a agradecer a Deus”, celebra o cantor, que conversou com a reportagem do Estado de Minas, por telefone. Ele está na casa da irmã, Maria Timóteo, a Du Carmo, no Rio de Janeiro.

Foto: TV Brasil/Divulgação

Desde 19 de julho, quando teve alta do Hospital das Clínicas de São Paulo – ele passou mal em Barreiras, no interior baiano, foi transferido para Salvador e depois para a capital paulista –, o cantor mineiro está sob os cuidados de familiares. Além da fisioterapia diária, toma “um caminhão de remédios”. “É importante respeitar as normas do médico para ficar tudo certinho. Estou contando os dias para voltar à ativa. Afinal, já são seis meses sem fazer show”, diz.

A volta já tem data: 4 de dezembro. Agnaldo conta que essa primeira apresentação será num “programa de televisão importante” em São Paulo, mas ainda não pode revelar a emissora. “Em 2 de dezembro, viajo para lá, porque no dia seguinte estarei no salão do Jassa (o famoso cabeleireiro de Silvio Santos) para pintar cabelo, fazer unha, cuidar dos pés, ou seja, pacote completo. As pessoas vão me ver novamente nos palcos todo arrumadinho, de barba bem feita e cabelos tratados. Como sempre”, avisa.

Agnaldo quer aproveitar a oportunidade e tentar se encontrar com o dono do SBT. “Silvio é uma pessoa que sempre me ajudou. Aliás, tem muita gente na televisão que está a meu lado quando preciso. Sônia Abrão e Datena, durante este período complicado que passei, estavam lá me apoiando”, ressalta.

Além de São Paulo, o cantor revela que tem agenda em Recife, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e na mineira Caratinga, sua terra natal. Em 14 de dezembro, um sábado, fará show no Restaurante Maria das Tranças, na capital mineira. Na noite de Natal, vai se apresentar na praça em Caratinga. O réveillon será em Salvador. “Quero abrir todas as minhas apresentações, no palco ou na TV, interpretando uma canção religiosa para mostrar minha gratidão a esse milagre que aconteceu comigo”, anuncia.

Apesar de ficar internado por tanto tempo, inclusive na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), Agnaldo diz que não teve sequelas mais sérias. Em 20 de maio, ele estava no hotel em Barreiras, na Bahia, preparando-se para fazer show numa cidade vizinha, quando começou a vomitar. A pressão subiu e ele ligou para o assessor. “Nunca imaginei na minha vida que teria um AVC. Desmaiei e só acordei em Salvador, para onde fui transferido”, relembra.

Depois do coma induzido e de respirar com a ajuda de aparelhos, ele acordou. “Ali foi um choque, porque quando botei os pés no chão, não senti as minhas pernas. Soltei um palavrão, achei que estava paralítico. Mas era por conta do AVC. A fisioterapia está ajudando o movimento das pernas. Já estou com a vida praticamente normal”, informa.

Cauby 

Se as pernas sofreram os efeitos do AVC, o mesmo não se pode dizer do vozeirão que o consagrou e lhe rendeu o apelido de “Cauby Mineiro” no começo da carreira, dado por Aldair Pinto, radialista de BH. Durante a entrevista ao EM, Agnaldo chegou até a cantar: “Ninguém é de ninguém/ Na vida tudo passa/ Ninguém é de ninguém/ Até quem nos abraça”. Essa canção, Ninguém é de ninguém, foi gravada também por Cauby Peixoto e Altemar Dutra.

“Minha voz é inabalável, não foi alterada em nada e não sofreu nenhum tipo de dano, seja no timbre ou na amplitude”, assegura Agnaldo. Em 16 de outubro, quando completou 83 anos, ele participou de uma missa em sua homenagem, no Rio de Janeiro, e foi convidado pelo padre a cantar durante a cerimônia. “Foi a primeira vez que cantei em um lugar público depois de tudo o que aconteceu. Foi emocionante, ainda mais no meu aniversário.”

Convites

A vida profissional continua, enfatiza ele. “Por incrível que pareça, acabei tendo muito destaque na mídia e agora estão surgindo muitos convites. É um mal que me trouxe bem”, brinca. Agnaldo destaca o carinho que recebeu de amigos, parentes e, sobretudo, dos fãs durante os momentos mais críticos de sua doença. Não só nas redes sociais, mas por meio de telefonemas e até cartas.

“Ver milhões de pessoas rezando por você e pedindo por sua recuperação é altamente gratificante. Tenho 83 anos de vida, 54 de carreira, 74 discos gravados e mais de 150 sucessos. Ao longo de minha trajetória, nunca fiz nada que pudesse ferir a sensibilidade do povo brasileiro. Sempre respeitei todo mundo. Nunca fui vaidoso, nunca quis ser milionário, só queria ajudar meus pais, minha família. Sou um artista que tem de agradecer a Deus por tudo e também por essa nova chance. Espero que Jesus Cristo continue me amparando na hora em que estiver diante do meu público, seja no palco ou diante das câmeras”, frisa.

Política

Além dos cuidados médicos, a rotina do cantor no Rio de Janeiro se resume às visitas semanais à filha adotiva, Keyty Evelyn, de 13 anos, que mora na Barra da Tijuca. No dia a dia, Agnaldo não deixa de acompanhar o noticiário e se diz assustado com o que está ocorrendo no Chile, Venezuela e Bolívia.

“Fiquei bem preocupado com os nossos vizinhos. No Brasil, as coisas também estão bem complicadas, mas a gente tem de torcer para dar certo. Tenho esperanças”, diz o cantor mineiro, que já foi deputado federal e vereador. (Fonte: Diário de Pernambuco/Viver)