Novas denúncias: dentista é acusada de usar óleo de silicone em preenchimento facial de paciente

0
62

O produto injetável tende a se infiltrar entre músculos, gordura, ligamentos e tendões

Jornal da Record exibiu denúncias contra uma dentista suspeita de deformar o rosto de vários pacientes durante procedimentos estéticos. Em uma nova acusação, uma dona de casa diz que a dentista usou óleo de silicone, substância proibida para o preenchimento corporal ou facial. O produto injetável tende a se infiltrar entre músculos, gordura, ligamentos e tendões e é praticamente impossível removê-lo. Os riscos incluem deformidades, nódulos, infecções e até morte do paciente.