Palmeiras denuncia diretoria do Corinthians por vandalismo na Arena Barueri

0
64

Foto: Esporte News Mundo


Durante a comemoração do gol de empate na partida desse domingo (18), vidros do camarote onde estavam membros da diretoria do Corinthians foram quebrados. Os vidros em questão foram os vidros frontais do camarote, estilhaços caíram em torcedores que assistiam o jogo um pouco abaixo do local, até o momento não há informações sobre feridos no incidente.

Após o fim do jogo, a diretoria do Palmeiras registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil. No camarote estavam presentes o presidente do clube, Augusto Melo, o diretor de futebol corintiano, Rubens Gomes, além de outros diretores alvinegros. O presidente corintiano em entrevista ao portal ‘Ge’ falou sobre o ocorrido, sem maiores detalhes: ‘Foi na hora da comemoração, só. Não tenho nada não’

Vale lembrar que, a Arena Barueri é de uma empresa ligada a Leila Pereira, presidente do Verdão. Em nota o Corinthians se manifestou sobre o caso: ‘O Sport Club Corinthians Paulista esclarece que, durante a comemoração do segundo gol alvinegro no empate por 2 a 2 com o Palmeiras, em clássico disputado neste domingo (18/02), na Arena Barueri, ocorreu um acidente com a queda de parte de um dos vidros da tribuna da equipe visitante.

Há registros que mostram que o vidro já estava trincado. Felizmente não houve feridos.

O Corinthians lamenta o acidente e se coloca à disposição das autoridades para quaisquer esclarecimentos.’

(Terra)