asdasdasdasd

Operação Paredão será intensificado em Juazeiro durante feriado

por Milena Pacheco 3 de Setembro de 2020 às 15:59
categoria: Segurança

O Comandante  de Policiamento da Região Norte (CPRN), Coronel PM Nilton Paixão, através do Centro de Planejamento Operacionais e Decisões Estratégicas (CPODE), deflagrará operações Policiais Militares, no feriadão de 7 de setembro, em toda Região Norte.

Foto: Divulgação

Serão duas operações, sendo estas: Operação 7 de setembro, com o objetivo de intensificar o policiamento ostensivo, a fim de combater os Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI) e os Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP); e a Operação Paredão (Silere), com a finalidade de coibir o uso indevido dos paredões e, também, visando combater a poluição sonora.

Esta última operação, no município de Juazeiro, parte de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado pelo Ministério Público do Estado da Bahia, pelo CPRN e pela Prefeitura Municipal de Juazeiro, através da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Ordem Pública (SEMAOP).

Estarão envolvidos nestas operações os seguintes Órgãos: Polícia Militar da Bahia (PMBA); Polícia Civil (PC); Guarda Civil Municipal (GCM) e Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes (CSTT).

Considerando que a poluição sonora acarreta o desequilíbrio ambiental, além de inegáveis riscos à saúde humana, é inegável a atuação rápida e ostensiva das forças policiais no combate a tais atos, principalmente, para evitar grandes aglomerações nestes tempos de pandemia.

Fonte: Blog Nossa Voz/Com informaçõa: Ascom CPRN


Pernambuco apresenta segunda maior queda na taxa de homicídios entre 2017 e 2018

por Milena Pacheco 2 de Setembro de 2020 às 09:58
categoria: Violência

Dados são do Atlas da Violência 2020, divulgado nessa quinta-feira (27)

Pernambuco teve a segunda maior queda na taxa de homicídios no Brasil no comparativo entre 2017 e 2018, perdendo apenas para o Acre. O dado foi tirado do Atlas da Violência 2020, elaborado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgado nessa quinta-feira (27). 

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O Atlas analisou dados da criminalidade brasileira entre os anos de 2008 e 2018. Entre 2017 e 2018, o estado pernambucano foi campeão na redução da taxa de assassinatos de jovens. Já no intervalo de 2008 a 2018, Pernambuco registrou a quarta maior diminuição de homicídios cometidos contra mulheres do País.

O governador Paulo Câmara afirmou que o estado conta com uma política pública consistente de enfrentamento à violência desde 2007. Segundo ele, o Pacto pela Vida é reconhecido internacionalmente por ser eficiente no combate à violência.  

No ano passado, segundo o governo local, Pernambuco continuou reduzindo homicídios, atingindo a segunda menor taxa da série histórica, iniciada em 2004. Em 2020, o governo atribuiu à pandemia a dificuldade no enfrentamento à violência, o que pode ter ocasionado o aumento das taxas de assassinatos na maior parte dos estados brasileiros.

Os dados completos do Atlas da Violência 2020 estão disponíveis em forumseguranca.org.br ou no portal Brasil 61.  

Fonte: Brasil 61/Agência do Rádio


Pernambuco: Pedidos de medida protetiva aumentam no primeiro semestre

por Milena Pacheco 10 de Agosto de 2020 às 09:39
categoria: Violência

Entre janeiro e junho de 2020, as delegacias especializadas de Pernambuco solicitaram à Justiça 4.033 medidas protetivas, ante 3.877 do primeiro semestre de 2019. A Lei Maria da Penha completou 14 anos de vigência, na última sexta-feira (7), em meio à pandemia.

Para a chefe do Departamento de Polícia da Mulher, Julieta Japiassu, o crescimento é exemplo de que a lei vem sendo utilizada, mas ainda há dificuldade por parte das vítimas em perceber que estão sendo agredidas, nas chamadas “pequenas violências” do cotidiano. 

A ideia de que só existe agressão física, prejudica o trabalho de combate à violência.

“Muitas vezes a vítima só consegue notar que está sendo agredida quando o ciclo está mais adiantado. É preciso observar o que parentes e amigos falam”, conta Julieta. 

A lei aponta para cinco tipos de violência: a física; a moral, quando o agressor atenta contra a honra; a psicológica, que são as humilhações e chantagens emocionais; a patrimonial, que vem quando o agressor proíbe a vítima de trabalhar, estudar ou outras maneiras de obter independência; e a sexual, que pode acontecer dentro de um casamento, quando o cônjuge coage a companheira a ir manter relações contra a sua vontade. 

Com informações Diário de Pernambuco


PF prende suspeito de compartilhar imagens de abuso sexual infantil

por Redação Nossa Voz 23 de Julho de 2020 às 09:23
categoria: Crime

Policiais federais prenderam hoje (23), em flagrante, um homem de 30 anos suspeito de compartilhar imagens de abusos sexuais contra crianças e adolescentes.

Ele foi detido durante cumprimento de mandado de busca e apreensão da operação Abuso de Confiança, em sua casa, em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

Segundo a Polícia Federal, o homem usava as conexões de internet dos locais onde prestava serviços para obter e compartilhar arquivos de fotografias e vídeos contendo os abusos sexuais com usuários da rede mundial de computadores.

Ele acreditava, segundo a PF, que conseguiria ocultar suas atividades criminosas. A polícia diz, no entanto, que foi possível identificá-lo através de técnicas especiais de inteligência e cruzamento de dados.

Todos os equipamentos apreendidos serão periciados para verificar se o homem também produzia essas imagens.

Este já é o quarto suspeito de compartilhar essas imagens preso pela PF no Rio de Janeiro em menos de 20 dias. A identidade do preso não foi revelada.

Fonte: Agência Brasil

Imagem: Tomaz Silva/Agência Brasil


PRF apreende mais de meia tonelada de drogas em PE, BA e AL

por Redação Nossa Voz 20 de Julho de 2020 às 09:28
categoria: Policial

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou hoje (20) o resultado da Operação Carcará II. O balanço aponta que 35 pessoas foram presas por tráfico de drogas e 532,7 quilos de entorpecentes foram apreendidos. A ação ocorreu nos estados de Pernambuco, Bahia e Alagoas, entre os dias 2 e 19 de julho. Sendo assim, foco estava no combate ao crime em rodovias que fazem ligação com a região conhecida como “Polígono da Maconha”, localizada no Sertão pernambucano.

Portanto, foram apreendidos 515,7 quilos de maconha, 15 quilos de pasta base de cocaína e dois quilos de skunk. Isso representa um prejuízo estimado de R$ 2 milhões ao crime organizado. Nesse período, também foram apreendidos 39 veículos adulterados, sendo 26 roubados, e resgatados 175 pássaros silvestres.

Além dos três estados participantes, a operação também contou com PRFs da Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Sergipe, Mato Grosso, Goiás e Mato Grosso do Sul, especializados no enfrentamento ao narcotráfico. Todos os detidos foram encaminhados a delegacias de Polícia Civil de cada região.

A segunda fase da Operação Carcará foi realizada logo após a Muçambê III. A força policial contou com integrantes da PRF, Polícia Federal (PF) e a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE). Na ocasião, foram erradicados 538,8 mil pés de maconha no Sertão do estado, que poderiam produzir 180 toneladas da droga.

Fonte: Blog Nossa Voz

Imagem: Divulgação/PRF


Ronnie Lessa, preso pela morte de Marielle Franco, é indiciado por tráfico internacional de armas

por Redação Nossa Voz 13 de Julho de 2020 às 10:52
categoria: Policial

A Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) indiciou por tráfico internacional de armas o PM reformado Ronnie Lessa -- preso e acusado pelos homicídios de Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes.

Segundo o delegado Marcus Amim, titular da delegacia, Ronnie traficava armas dos Estados Unidos desde 2014 com a ajuda da filha. Mohana Figueiredo morava nos EUA e também foi indiciada.

"Até pouco tempo antes de ser preso, ele estava praticando essa atividade", explicou Amim.

Com a apreensão de telefones celulares no dia da prisão de Lessa, a Delegacia de Homicídios (DH) e Ministério Público começaram a analisar conversas e arquivos. Os relatórios foram enviados para a Desarme, que instaurou um novo inquérito para apurar o tráfico internacional de armas.

De acordo com os investigadores, peças e acessórios eram adquiridos em sites de venda de armas e em países como China, Nova Zelândia e Estados Unidos. De lá, eram mandados para o Rio de Janeiro.

Diálogos no WhatsApp

Uma conversa de 13 de agosto de 2018, pelo Whastapp, chamou a atenção dos analistas. No trecho, Mohana envia ao pai a foto de uma peça de fuzil.

Na troca de mensagens, a Desarme encontrou ainda uma orientação de Lessa à filha. “Escreve ‘metal parts’ [peças de metal]”. A polícia acredita que essa descrição do que estava sendo mandado para o Brasil era uma forma de burlar a fiscalização.

Fonte G1

Imagem Reprodução/JN


Policiais Militares do 5ºBPM prendem indivíduo por roubo, ameaça e posse de arma branca no Bairro IPSEP

por Milena Pacheco 4 de Maio de 2020 às 09:56
categoria: Policial

Nesta segunda-feira (04), por volta das 08h, durante rondas e abordagens no Bairro Ipsep, em Petrolina, Policiais Militares da Rondesc Alfa do 5º BPM prenderam um indivíduo por roubo de uma caixa de som Bluetooth, ameaça e posse de arma branca (facão).

O acusado, assim como todo material apreendido envolvido na ocorrência, foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil para adoção das medidas pertinentes ao caso. (Fonte: Blog Nossa Voz)


Deflagrada 2ª fase da operação que investiga assassinato do irmão do deputado federal Gonzaga Patriota

por Milena Pacheco 27 de Abril de 2020 às 12:44
categoria: Policial

A Polícia Civil deflagrou na tarde desta sexta-feira (24) a segunda fase da operação ‘No Rastro’.Esta é uma investigação que foi iniciada para investigar o homicídio de Ercílio Freire dos Santos, irmão do deputado federal Gonzaga Patriota. O crime ocorreu no dia 02 de fevereiro em Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

Esta segunda fase da operação foi realizada nas cidades de Petrolina e de Lagoa Grande. Foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva para a mentora intelectual do homicídio e um dos participantes. Os investigados foram indiciados e um deles recolhido à Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes e outra à Cadeia Pública Feminina de Petrolina.

Segundo a polícia, diligências continuam sendo realizadas para prender o executor do crime. A investigação contou com o apoio do Núcleo de Inteligência do Sertão (NI/DINTER 2), e no campo operacional com o apoio do 5° BPM , 2° BIESP e do Grupamento Tático Aéreo da Secretaria de Defesa Social.

Irmão do deputado federal Gonzaga Patriota é assassinado em Petrolina

Já a primeira Fase da operação resultou no cumprimento dos mandados de prisão temporária de duas pessoas, além de cumprimentos de Mandados de Busca e Apreensão domiciliar. (Fonte: Blog Nossa Voz/Foto: Reprodução/ Redes Sociais)


Covid-19: Depen suspende por 30 dias visitas nos presídios federais

por Milena Pacheco 23 de Abril de 2020 às 11:38
categoria: Segurança

O Departamento do Penitenciário Nacional (Depen) suspendeu por 30 dias, a contar desta quinta-feira (23), as visitas, os atendimentos de advogados, as atividades educacionais, de trabalho, as assistências religiosas e as escoltas realizadas nas penitenciárias federais, como forma de prevenção, controle e contenção de riscos do novo coronavírus (covid-19).

A medida não atinge os casos de atendimentos de advogados, em decorrência de necessidades urgentes ou que envolvam prazos processuais não suspensos; as escoltas de requisições judiciais, inclusões emergenciais e daquelas que por sua natureza, precisam ser realizadas.

A portaria com a decisão está publicada no Diário Oficial da União de hoje e considera, entre outras ações, a situação do emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde dos servidores, colaboradores e presos, enfim, a proteção de todos, a fim de evitar a disseminação da doença no âmbito das penitenciárias federais.

O documento diz ainda que o Sistema Penitenciário Federal já elaborou o procedimento operacional padrão de medidas de controle e prevenção da doença, devido a necessidade de se estabelecer um plano de resposta e também padronizar ações e medidas de controle e prevenção nas penitenciárias federais.

A portaria determia também que as penitenciárias deverão adotar as providências necessárias de modo a promover o máximo isolamento dos presos maiores de 60 anos ou com doenças crônicas durante as movimentações internas nos estabelecimentos. 

(Fonte: Agência Brasil)


PF da Paraíba cumpre mandados de prisão em Petrolina e Manaus contra suspeitos de assaltos a Correios

por Milena Pacheco 21 de Abril de 2020 às 09:58
categoria: Policial



A Polícia Federal da Paraíba cumpriu dois mandados de prisão preventiva em Petrolina (PE) e Manaus (AM) contra suspeitos de integrarem uma associação criminosa suspeita de roubos contra agências dos Correios. As prisões aconteceram na manhã desta segunda-feira (20) e os mandados foram expedidos pela Justiça Federal de Monteiro, na Paraíba.

Os investigados são suspeitos de terem cometido um assalto contra a Agência dos Correios da cidade de Sumé, na Paraíba, no dia 27 de novembro de 2018.

Um dos presos, conhecido por Tonho, é, segundo a Polícia Federal, um dos maiores assaltantes de agências dos Correios do Brasil. Ele foi preso em flagrante no dia 25 de junho de 2019, após um assalto contra a agência dos Correios de Custódia, em Pernambuco. Atualmente ele está preso no Presídio de Petrolina. Tendo em vista a periculosidade do investigado, a Polícia Federal solicitou sua transferência para um Presídio Federal.

Segundo as investigações, esse homem teria assaltado pelo menos 50 agências dos Correios ao longo de vários anos, em estados diversos como Amazonas, Amapá, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia, tendo longo histórico de fugas após diversas ocasiões em que foi preso. A PF não deu detalhes sobre o outro investigado.

Dentre as agências do Correios que um dos presos assaltou na Paraíba, além da de Sumé, estão, as de Mataraca, Cabedelo, Queimadas e Esperança.(G1 Paraíba)