Real Madrid quer realizar a maior compra da história do Flamengo

0
56

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

O Real Madrid, desde o início dos anos 2000, é conhecido por suas políticas ambiciosas de contratação. Durante essa época, o clube espanhol formou o famoso time dos Galácticos, integrando estrelas de grande renome como Beckham, Ronaldo, Zidane e Figo. Em 2009, uma nova geração de Galácticos desembarcou no Santiago Bernabéu, contando com nomes como Cristiano Ronaldo, Kaká, Modric, Bale e Kroos.

Contudo, uma grande mudança na estratégia de contratações do clube se deu após 2013, quando o Barcelona venceu a disputa por Neymar. Desde então, o Real Madrid passou a focar na aquisição de jovens talentos, especialmente brasileiros, mudando sua abordagem de buscar estrelas já consolidadas para investir em potenciais futuras revelações.

Dessa nova política surgiram nomes como Vinicius Jr. e Rodrygo, ambos revelados pelas categorias de base brasileiras e trazidos para a Espanha ainda muito jovens. Vinicius Jr., em particular, tornou-se uma das principais referências do time. Não a toa, ele tornou-se o primeiro brasileiro com gol nas finais da Champions e Mundial de Clubes.

Lorran em ação pelo Flamengo (Foto: Divulgação/Flamengo)

Rodrygo, por sua vez, tem se mostrado igualmente decisivo, com performances notáveis nos jogos de mata-mata da Champions League. Sua habilidade em momentos cruciais tem consolidado sua posição como uma das principais promessas do clube.

Apesar desses sucessos, nem todas as apostas em jovens talentos renderam os frutos esperados imediatamente. Reinier, contratado como uma grande promessa, ainda não conseguiu se estabelecer na Europa, o que mostra que o processo de adaptação e desenvolvimento pode variar significativamente entre os jogadores.

Atualmente, o foco do Real Madrid está voltado para Lorran, uma joia das categorias de base do Flamengo. O clube montou uma força-tarefa para monitorar de perto o desenvolvimento do jogador, tanto dentro quanto fora das quatro linhas.

Inicialmente, o plano era formalizar uma proposta ao final de 2024, porém, com o crescente interesse de clubes como Manchester United e Barcelona, Florentino Perez decidiu antecipar essa investida. E de acordo com uma apuração do portal Gávea News, o time madrilenho vai enviar um olheiro para que Lorran seja observado pessoalmente.

A primeira partida de Lorran, pelos profissionais, foi em 12 de janeiro de 2023, quando entrou no final do segundo tempo em uma vitória de 1 a 0 contra o Audax. Logo em seguida, no dia 24 de janeiro, ele começou como titular contra o Bangu e marcou seu primeiro gol, estabelecendo-se como o jogador mais jovem a marcar pelo Flamengo na história, com 16 anos, seis meses e 20 dias, superando a marca anterior de Vinicius Jr.

Diante de todo este contexto, o Flamengo estabeleceu uma multa rescisória de 50 milhões de euros. Embora represente mais de 250 milhões de reais, esta quantia não é vista como absurda. Muito pelo contrário, times da primeira escalação do futebol europeu entendem que este valor é viável por conta do potencial de Lorran. Curiosamente, Lorran poderá superar Vini Jr. mais uma vez. Isso porque, em 2017, Vini transferiu-se como a maior venda da história do clube por 45 milhões de euros.

(Gavea news)